Amigo da onça Подписаться

ideuseok Oliver K.

Hoseok era o melhor amigo de Yoongi e apaixonado por ele, mas também era amigo da onça e planejava estragar o encontro do Min com o crush.


Фанфик 13+. © todos os direitos reservados

#fanfic #bts #comédia #yoonseok #sope #jinmin
Короткий рассказ
6
3.9k ПРОСМОТРОВ
Завершено
reading time
AA Поделиться

único

Jung Hoseok era conhecido por ser o melhor amigo de Yoongi, um garoto quase popular que quase perdeu a virgindade na frente de todo mundo quando estava bêbado demais para entender o que estava acontecendo. Naquele dia o Jung o tirou da festa de Taehyung — o outro garoto bêbado que quase teve a honra de deflorar o pequeno Min — e o levou para sua casa.

Quase três meses depois Hoseok ainda estava apaixonado pelo amigo e Yoongi não notava isso porque agora se encontrava tendo um crush em Namjoon, um dos irmãos gostosos de Taehyung.

Já estavam nas férias de meio do ano, Yoongi estava em sua cama, jogado de qualquer jeito usando meias de seda salmão, um short de pijama e uma blusa perdida de Hoseok. O de cabelos rosa citado estava no tapete, o celular em frente aos olhos contando para Jimin quão ruim era estar ali com o moreninho todo gostoso e confortável e não poder fazer nada. O Park ria do outro lado, tentando digitar algumas frases de apoio, mas não adiantava muito, Jimin já havia roubado o coração do Kim mais velho — Seokjin — e vivia de amassos com o bonitão, haviam uns boatos de que Taehyung havia se dado bem com Jeongguk… Todo mundo feliz e fora da seca.

Mas aí havia Hoseok: virjão quase otaku e com a sensação de teias de aranha na boca, já que o último beijo que deu foi no próprio Jimin, no ano anterior quando ficaram altos, minutos antes do Park fazer um show enquanto tirava as roupas. Incrivelmente só haviam seis pessoas naquela “festa”. Além de virgem e quase BV, Hoseok precisava aturar Yoongi reclamando que queria que Namjoon o pegasse de jeito e tirasse cada traço de virgindade que pudesse ter.

O Jung poderia bater a própria cabeça na parede, porque só era puro e imaculado por querer. No início do ano uma garota mais velha com certeza muito, muito bonita havia jogado um charminho para si e talvez o convidado para aulas de reforço na casa dela. Reforço uma ova! Hoseok é um ótimo aluno, cheio de A+, com certeza ia era esquentar um pau num lugar melhor que a própria mão. Mas negou, acreditando que Yoongi notaria sua paixão de dois anos e se declararia e viveriam juntos para sempre como o Edward e Bella — por mais que fosse Team Jacob.

— Cara, você acha que eu deveria descolorir o cabelo? — Yoongi perguntou do nada, se olhando pela câmera frontal do celular que parecia pequeno em suas mãos grandes. Yoongi deveria ter mãos pequenas, igual ele todo era, Hoseok achava uma afronta aquele nanico ter mãos maiores que as suas. — Ou talvez usar uma cor que não seja preto… Quem sabe umas mechas?

— Ah eu tenho um fetiche em você com cabelo preto, não corta meu barato…

— Para de graça, Hobi! É sério… O que você acha? — O de cabelos rosa suspirou e se jogou na cama ao lado do menor, os pés juntos e os ombros se tocando, parecia queimar a pele do maior. — Sua opinião é importante para mim.

Hoseok nem quis olhar, sabia que Yoongi estava com aqueles olhos grandes e um biquinho igual um emoji fofo. Mordeu o lábio, respirou fundo, rezou algumas vezes e então se ergueu e virou de frente para o Min, apoiando os cotovelos na cama.

— Eu ia sugerir vermelho, mas aí você ia ficar com cara de safado, ia perder a magia e meus fetiches iam pelo ralo então… que tal azul bebê?

— Parece bom para mim. Vou falar com a noona, ela vai pintar para mim! E você só vai ver no sábado, quando a gente for no shopping patinar no gelo. — Hoseok suspirou e deu de ombros, abraçando o menor pela cintura e enterrando o rosto no pescoço dele, Yoongi usava sabonete infantil e tinha cheiro de bebê. Era uma total perdição para Hoseok, que se atreveu a dar um beijo na pele macia e uma mordida em seguida. — Para com isso, Hobi.

— Você se arrepia muito fácil. — Resmungou e começou a pegar suas coisas espalhadas pelo quarto. — Combinei de ir com o Jimin na casa do Jin, parece que vão comemorar que o bonitão passou no vestibular para medicina.

— Por que eu não fui convidado?

— Jimin quis chamar só os amigos.

— Isso doeu. — Fez um biquinho, cruzando os braços.

— “Só amigos” é uma frase bem curta que dói mesmo, mas depois você acostuma.

E depois o clima ficou tenso. Tenso para um senhor caralho alado.


[😈.😈.😈]


Chorando as pitangas no leite derramado era uma ótima explicação para a atual situação do rosado. Seokjin havia feito uma mistura de licor de menta com frutas vermelhas, leite condensado e Vodka, parecia um suco só que no lugar da água era álcool de cozinha, mas serviu para afogar as mágoas e agora estar no colo de Jimin, agarrando as coxas bonitas e reclamado que seu coração dói toda vez que Yoongi sorri fofinho ou quando fala que queria dar para Namjoon.

— Sabe o pior, Minnie? É tudo fogo naquele rabo gostoso dele! Não é paixão, é só vontade de dar. Mas eu só queria fazer meu pequenininho feliz, levar bombom, fruta cortada em cubinho… Ele acha o que!? Que eu não posso comer ele também? Eu posso né, Minnie?

— Pode, Hoseok, você pode. — Jimin queria rir, Hoseok virava outra pessoa quando estava alcoolizado, ficava depressivo ou com cara de quem comeu e não gostou. Agora era a mistura das duas coisas. — Que tal você se declarar para ele no shopping? Finge que caiu, ajoelha e diz que é apaixonado por ele.

— Aí ele diz que sou só amigo dele e eu fico lá no meio de todo mundo. — Aumentou o drama, se sentando no sofá, o cabelo parecendo um ninho de passarinho revirado e os olhos inchados. — O que você fez? Para conquistar o Jin hyung?

— Pedi ele em namoro enquanto fazia um boquete com gel vibrador.

— Certo, Yoongi não vai me deixar fazer isso. Nem beijar ele o desgraçado deixa. Uma vez eu fui dar um beijinho inocente na bochecha dele e o doido deu um pulo e saiu de perto.

— Gay panic o nome disso. — Seokjin riu, enfiando a colher dentro da caixinha de leite condensado. — Eu acho que ele gosta de você mas é cegueta, não percebeu que é recíproco e tá tentando pegar outros caras. Mas se quiser saber, Namjoon é mais passivo que o Yoongi e Jeongguk juntos. Além de que tem um crush enorme em um carinha da faculdade.

— Todos os irmãos Kim são gays?

— Não né, Hoseok. — Riu — Só o Taehyung. Eu e Namjoon só… Gostamos de pessoas.

— Igual meu Yoon… Mas ele gosta de pessoas, e não gosta de mim eu devo ter pisado no rabo do gato dele.

— Ele não tem gato.

— Então eu pisei no rabo dele.

Depois disso o casal desistiu de mostrar para Hoseok que ele estava se descabelando a toa.


[😈.😈.😈]


Uma noiva abandonada no altar, era assim que Hoseok se sentia após Yoongi desmarcar o programa que haviam combinado. O Min simplesmente disse que Namjoon havia o convidado para ir em uma exibição de arte feita em chocolate e que iria com ele, disse que Hoseok poderia ir consigo outro dia.

O de cabelos rosa e algumas mechas cinza — que pintou para impressionar Yoongi — saiu de seu quarto batendo os pés com força no chão, até chegar no quarto do irmão mais velho que ouvia algum indie rock nacional no computador enquanto editava fotos para seu trabalho no curso de fotografia.

— O que você quer? — Hoseok chegou a dar uns passos para trás quando ouviu a voz grave e mau humorada do maior.

— Preciso que me acompanhe no shopping, quero destruir o encontro do Yoongi com o “Namjoonie” — Hoseok fez uma voz enjoada e forçada que tirou uma risada baixa de Linseok — Kim Namjoon sabe? O que cara que você dá uns pega. Vamos lá, você sabe que eu sou amigo do Jin, foi ele quem me contou do rolo de vocês. Eu gosto de verdade do Yoongi, você sabe-

— Você fala o nome dele dormindo, tem uma foto dele na carteira, bate punheta imaginando como seria perder a virgindade com ele… Aliás isso é um fetiche que chama Partenofilia. Enfim, eu sei que se ele pedisse para você andar pelado na escola você faria e só por não querer isso… Eu vou te ajudar.

— Por isso e por seu ciúme do Namjoon, né?

— Nunca disse isso.

— Saímos da mesma… Vagina. Eu te conheço.


[😈.😈.😈]


Com uma roupa toda preta, máscara e um boné, Hoseok tentava achar Yoongi no meio de todo mundo, usava Linseok como “seus olhos do alto” e estava falhando na missão até o Jung mais velho sentir cheiro de chocolate com pimenta e ir atrás, puxando Hoseok pela orelha.

— Tá vendo ele? — Linseok perguntou e Hoseok negou fazendo um bico que levou um beliscão do mais velho — Otário.

— Você que é. — O caçula retrucou mas logo parou ao notar a pele branquinha do Min fazendo contraste com a blusa preta e o cabelo em degradê de tons azuis. Na verdade, a raiz estava preta e as cores começavam em um azul violeta e acabavam no azul bebê que Hoseok sugeriu. — Hyung, ele tá tão lindo… Eu quero beijar ele.

— Realmente, eu também. — Hoseok já estava preparando a mão para o soco quando notou que o mais velho estava olhando para Namjoon que sorria segurando um pirulito de chocolate, a boca vermelha por algum lip tint e os cabelos platinados, as roupas casuais… Agora até Hoseok estava tendo um crush em Namjoon. - H-Hum, vamos?

— Vamos! E-Espera! O que vamos fazer?

— Chegar como quem não quer nada. — Hoseok assentiu e guardou a máscara no bolso, virando o boné para trás, sorriu meio nervoso e deu o primeiro passo. Andava olhando para o celular, que tinha uma foto sua com Yoongi no papel de parede e outra de Yoongi no bloqueio de tela. — Namjoon? Yoongi?

— Oi Linnie! Hobi? — Yoongi disse, inclinando a cabeça para o lado e sorrindo quando Hoseok o olhou — Gostou do meu cabelo?

— Amei, ficou lindo, Yoon. — Desviou o olhar para o irmão e mordeu o lábio para segurar o riso quando viu Namjoon dar um chocolatinho na boca dele. — Bem… Eu acho que…

Apontou para os outros dois e Yoongi olhou na direção, não pareceu chateado.

— Namjoon me deu um fora carinhoso, disse que já é apaixonado por alguém. Mas decidimos comer chocolate mesmo assim. As esculturas nem existem mais, foi a melhor exposição de arte que já vi. — Yoongi sorriu e Hoseok segurou a mão macia que encaixava muito bem na sua.

— Então, você não é apaixonado por ele, né?

— Claro que não Hobi! É só impossível não se atrair. — Hoseok acabou concordando e começaram a andar.

— Ainda dá tempo de ir patinar.

— Então vamos!

Hoseok sorriu, iria se arriscar e seguir o conselho de Jimin, achava romântico se declarar no meio da pista de gelo perto do dia dos namorados.

1 июня 2019 г. 0:00:15 0 Отчет Добавить 0
Конец

Об авторе

Прокомментируйте

Отправить!
Нет комментариев. Будьте первым!
~