Rainha de Gelo: Tentando Novamente Подписаться

lordant Antônio César

Pedro era um estudante normal, até que um dia o mundo inteiro muda e ele morre. Agora já é sua 31ª vida, seu nome agora é Lunaria e está apenas tentando parar de voltar dos mortos.


Фэнтези эпический 18+.

#aventura #ação #Troca-de-genero #monstros #magia
0
3.6k ПРОСМОТРОВ
В процессе - Новая глава Каждое воскресенье
reading time
AA Поделиться

Recomeçando de novo

“Finalmente consegui! Eu finalmente dominei a manipulação da alma, depois de 800 anos eu finalmente consegui!” Pedroum homem em seus 40 anos gritava loucamente em um quarto grande cheio de papeis para todo lado, o quarto só tinha uma mesa e uma cadeira e era iluminado por uma única lâmpada, todo o resto do quarto estava cheio de papeis, seja na parede, chão, até no telhado.

“Hahahahahaha, vou lá fora e fazer uma limonada.” Pedro anda para fora do quarto sai de uma espécie de bunker pode se dizer que ficava em uma floresta, Pedro caminha tranquilamente e pensa em suas vidas nos últimos 1105 anos.

Pedro era um estudante normal, tirava boas notas, mas era muito preguiçoso por isso nunca conquistou nada importante, até que um dia o céu ficou escuro por nuvens negras deixando o dia escuro como a noite, mas não ficou escuro completamentepor causa dos raios que aconteciam de segundo em segundo tornando tudo ainda mais sustador, nesse dia o mundo mudou, monstro apareceram.

Esses monstro podiam ser animais que ficaram mais forte por causa da mana que se liberou na atmosfera ou criaturas totalmente novas que surgiram depois desse dia e outras mais fortes depois que as nuvens se foram depois de um mês, mas Pedro não sabia que as nuvens iriam embora na primeira vez, já que ele foi morto por umgato de fogo no 25º dia no parque da cidade enquanto fugia com outros refugiados que estavam tentando ir para um local seguro, sem monstros.

Porem Pedro acordou de novo e viu que tinha acabado de nascer, ou seja, ele tinha voltado para quando ele era um bebê, Pedro viu que essa era uma chance divina que ele só via nas histórias que lia na internet, Pedro cresceu normalmente até os 6 anos quando começou a treinar o seu corpo, nada muito duro já que ele só tinha 6 anos, mas que ajudaria no futuro, aos 7 anos Pedro voltou para o parque da cidade onde morreu, ele queria testar uma coisa, no local onde ele morreu Pedro começou a procurar no chão uma pedra roxa.

“se eu não me engano ela estava por... AQUI!” Pedro grita e corre em direção a pedra que estava meio enterrada, ele desenterra ela e começa a observar ela, a pedra era um pouco maior que sua mão de criança, mas não muito e emitia um fraco brilho roxo, depois de observar ela por um tempo Pedro confirma que era a mesma pedra que deu os poderes para ele antes de morrer.

“Tenho certeza que enquanto e fugia do gato de fogo eu peguei essa pedra para atirar no gato para tentar distrair ele, mas ela foi absorvida pela minha mão.” Pedro lembra que como ele não conseguiu jogar a pedra ele acabou ficando confuso do porque a pedra sumiu e acabou ficando sozinho com o gato de fogo, Pedro pegou outra pedra quando viu o gato correndo em sua direção e jogou em direção de sua cabeça, Pedro não esperava muita coisa, mas a pedra foi coberta de raios e acertou o gato, mas não causou muito dano, porem Pedro ficou muito surpreso e cometeu um grande erro, ele enfureceu um gato de fogo, que correu rapidamente em direção de Pedro, não o dando tempo de desviar e o acertando com a força de um carro e o deixando em chamas, fazendo ele ter uma morte muito dolorosa enquanto sentia seus ossos quebrados enquanto era queimado vivo.

Pedro pega na pedra, que logo é absorvida pela sua mão, ele pega uma pedra do chão e joga ela, mas nada acontece, ele tenta com outra, mas dessa vez ele tenta imaginar ela coberta de raios como a outra e sua vida passada, dessa vez a pedra é coberta por raios e acerta uma arvore deixando uma mancha preta de queimadura.

Pedro olha para sua mão e sorri, ele fica algumas horas jogando pedras e começa a se acostumar com seus poderes, nesse momento Pedro se sentiu muito especial, afinal ele teve a chance de voltar no tempo e refazer tudo, de evitar sua morte.

“Eu era muito ingênuo nessa época” Pedro suspira enquanto pensa em sua reação ao saber que poderia tentar tudo de novo, mas na época ela não sabia como isso era cansativo, morrer e fazer tudo de novo, essa já era a 30º vez que ele fazia tudo de novo.

“Bom dessa vez vai ser a última... Espero, não aguento mais fazer tudo de novo, quero apenas descansar.” Pedro suspira e toma um gole de sua limonada, depois que ele termina de tomar o copo de limonada em um só gole e faz uma careta e fica tremendo.

“Ugh, assim que é bom, qualquer coisa que é feita de limão e não faz você fazer careta não vale a pena.” Pedro serve outro copo de limonada.

Pedro começa a pensar no motivo de ter usado 20 vidas para poder manipular a alma, no motivo pelo qual ele morreu outras 10 vezes.

Ainda na sua segunda vida Pedro treinou seu poder que mais tarde ele nomeou de magia, afinal ele não controlava nem gerava raios, mas controlava uma espécie de energia no seu corpo que ele nomeou de mana, Pedro deduziu que a pedra simplesmente ajuda a poder controlar ela e também dava um atributo a essa mana, como fogo, água, terra, ar e outro tipos de atributos como nos jogos e histórias que lia.

Pedro treinou seu corpo e praticou sua mágica todos os dias até os 16 anos quando a nuvens apareceriam, no dia que as nuvens apareceram ele ficou excitado e decepcionado, afinal esperava que algum tipo de efeito borboleta acontecesse e não tivesse que começar aquele caos, mas ele sabia que isso era quase impossível então ele começou a colocar seu plano em ação.

Pedro conseguiu sobreviver as nuvens, ele viveu até os 25 anos quando morreu enquanto lutava com um dragão que atacou a capital da humanidade, nessa vida mesmo tendo adquirido o controle da mana mais rápido que os outros ele não tinha muitaexperiencia, fazendo com que ele tenha sido enganado e traído algumas vezes impedindo que ele se tornasse alguém famoso ou ficasse mais forte, Pedro apenas sobreviveu, mas não conquistou nada até sua morte.

“Haaaa, poderia ter parado ali, mas infelizmente teve uma terceira vez, e essa mudou tudo” Pedro olha para um relógio e percebe que ainda faltam 15 minutos e serve outro copo de limonada e pensa na sua terceira vida.

Na sua terceira vida Pedro chega aos 30 anos, ele aprendendo com os erros de sua segunda vida se tornou famoso, poderoso, tornando um dos mais fortes do mundo com muitos seguidores pelo mundo, Pedro estava feliz com sua vida, mas sabia que se morresse provavelmente voltaria de novo e ele não queria isso, mas Pedro não conseguia pensar no motivo de ele sempre voltar depois de morrer.

Enquanto Pedro pensava no porquê de ele não morrer de repente o mundo treme, todos os cantos do mundo sofreram tremores, não eram tremores fortes, mas para as pessoas que eram poderosas podiam sentir, isso não era um tremor comum, mesmo que esse tremor fosse insignificante, eles poderiam sentir uma sensação muito ruim.

Pedro ficou uma semana pensando o que poderia ser o motivo do tremor quando recebe uma mensagem no seu celular, era seu informante, na mensagem dizia que os monstros na Amazônia estavam agindo muito estranhos, ficando mais agressivos, porém mais inteligentes pelo que parecia.

“Hum? Inteligente? Os monstros não são burros, mas não são inteligentes, com exceção de alguns monstros raros.” Pedro pensa duvidosamente e revolve ligar para algumas pessoas e confirmar a informação.

Enquanto Pedro ligava e percebe que não foi só ele que sentiu aquele tremor estranho, ele resolveu fazer uma reunião com todos que sentiram o tremor, essas pessoas eram praticamente os 10 mais fortes do mundo.

Na reunião Pedro fala para eles a informação que recebeu, todos os outros confirmam que receberam e mesma informação, depois de muita discussão e deduzem que o que causou o tremor está na Amazônia ou como é chamada agora, A Floresta De Monstros, eles decidem que iram para lá e descobrir o que causou o tremor.

“5 minutos, mas já acabou minha limonada e não dá tempo de fazer outra, bom vou apenas tirar um cochilo” Pedro suspira enquanto lembra de como eles estão arrogantes, principalmente ele mesmo que era o mais arrogante.

“Hahaha, não é como se eu não fosse ainda.” Pedro ri ele lembra de como no caminho eles encontraram monstro cada vez mais fortes, eles ficam na Floresta de Monstros por 5 Anos até acharem a fonte do tremor.

O Rei dos Monstros, um homem com dois chifres saindo da testa, cabelo preto e olhos vermelhos, tinha um par de asas de dragão pretas e usava uma espécie de armadura de couro, só que era feita de couro de dragão, e garras nas mãos, mas o que mais chamava a atenção era a joia vermelha que fica entre seus chifre em sua testa, Pedro olhava para o homem que se auto intitulava o Rei dos Monstros matando os 10 mais fortes do mundo como se fossem insetos.

“Bom, sua vez de morrer” O Rei dos Monstros fala preguiçosamente como se fosse matar um inseto que estava o incomodando, Pedro sabia que ia morrer, mas também sabia que o Rei dos Monstros era o motivo de ele não morrer e sempre voltar, Pedro tinha que matar o Rei dos Monstros.

“Eu vou te matar um dia.” Pedro fala antes de sua cabeça ser separada do seu corpo, o Rei dos Monstro olha para o corpo de Pedro e sorri zombando.

“insetos nunca irão me matar.” O Rei dos Monstro fala zombando da última fala de Pedro.

“Está na hora” Pedro sussurra enquanto sente o chão tremer, logo depois um lobo fogo aparece, o lobo tinhas 3 metros de altura e 5 metros de comprimento, era coberto por um fogo vermelho.

“Eu realmente estou cansado de te ver toda vez” Pedro suspira enquanto olha para o lobo que o matou nas ultimas 20 vidas.

“Do que está falando humano, eu nunca vi você na minha vida” O lobo fala enquanto pensa no porque Pedro olha para ele com uma calma absurda sendo que é muito mais fraco que ele.

“Só ataca logo seu lobo inútil, tá com medo tá?” Pedro fala enquanto sorri provocadoramente para o lobo, querendo que o lobo o ataque logo.

“Medo de um verme como você? Não me faça rir!!” O lobo fala e desaparece.

Pedro apenas sente uma pressão e tudo fica escuro.

“Hunff, um verme que nem aguentou um golpe simples” O lobo fala enquanto tira sua pata o monte de carne que era Pedro.

“Buah, Buah, Buah, Buah!” Pedro acorda no seu corpo de bebê novamente.

21 апреля 2019 г. 19:10:08 0 Отчет Добавить 2
Прочтите следующую главу Recomeço com tudo diferente

Прокомментируйте

Отправить!
Нет комментариев. Будьте первым!
~

Вы наслаждаетесь чтением?

У вас все ещё остались 6 главы в этой истории.
Чтобы продолжить, пожалуйста, зарегистрируйтесь или войдите. Бесплатно!

Войти через Facebook Войти через Twitter

или используйте обычную регистрационную форму