Короткий рассказ
1
4.6k ПРОСМОТРОВ
Завершено
reading time
AA Поделиться

FIM

Estávamos partidos. O cenário em volta era esfacelado, sem sentido. Idêntico aos nossos sentimentos, à nossa relação. Abraço minhas pernas e choro. Me desfaço em lágrimas amargas e cheias de tudo o que escondi. O pranto traz consigo ódio, dor, mágoa, raiva, impotência, amor, perda e posse. São lembretes de tudo o que eu não deveria ter feito a você.

Da parede oposta, paralelo a mim, você está me olhando. Como se fosse um espelho. Olho em seus olhos, e vejo os fragmentos do que eu sou, de quem eu era. Você enxerga o mesmo no reflexo dos meus olhos? Mesmo com a aparência tão destruída, você continua belo. Os cabelos loiros desgrenhados, a pele dourada marcada de vermelho e sangrando em alguns pontos, os braços repousados nos seus joelhos. As lágrimas deixam um rastro tão brilhante na sua face triste.

Ver a sua dor me deixa feliz, mas ao mesmo tempo me aniquila, fui eu quem fez isso a ti. Eu e meu amor doentio. Meu jeito destrutivo trouxe você até este momento. Foi um prazer destruir-te. Foi um deleite, mas também foi terrível. Eu nunca quis acabar contigo. Eu queria manter distância da sua luz, você sempre possuiu o brilho do Sol, ou talvez de uma Supernova. Sou um buraco negro, sugo tudo. Quero tudo para mim, quero sumir e consumir tudo. Eu avisei, meus amigos alertaram-te. Nossos amigos deram-te um ultimato.

Porém apresentei-me como um desafio para ti, não foi? Tornou-se uma questão de honra, e evoluiu, transformou-se em uma coisa de pele, depois paixão, amor, e perdemos o caminho. O que sentíamos converteu-se em posse. Transmudou-se em obsessão. E foi tão lindo. Foi como uma batida de trem. Não! Melhor! Foi como um incêndio. A destruição tem um quê de beleza, um fascínio próprio. Principalmente as queimadas, as chamas são tão lindas, só depois que passam que vemos o estrago.

Solto uma risada seca. O estrago estamos vendo agora. Vivenciando. Você esperava algo assim? Eu não. Queria tanto ser diferente. Mas eu sou sádico. Meu prazer é causar-te dor. Foi fácil atrair-te depois que decidi que te queria. E feito bobo, você caiu. E aqui estamos. Perto do Gran Finale. Engatinho para o seu lado, em pranto, pedindo perdão, prometendo nunca mais machucar-lhe. E não vou. Você acredita, pode ver a verdade em meus olhos.

"Nunca mais vou te ferir assim. Nunca mais, nunca mais, nunca mais. Eu amo você. És minha vida, minha luz, o ar que respiro. Você vai ver. Eu vou acabar com minha perversidade. Você vai me amar de novo."

"Ainda amo você. Nunca vou deixar de amar-te."

Sua voz é tão doce. Aveludada. É o paraíso ouvir-te.

"Sou seu. Seu. Seu. Seu. Seu. Seu."

Murmuro como uma prece.

"Eu sou seu. Só seu. Sabes disso. Sempre fui. Fui feito para ti e tu para mim."

Abro um sorriso. Subo em seu colo e olho dentro de seus sublimes olhos azuis, e vejo a esperança e o amor brilhando juntos em um turbilhão.

"Eu te amo."

Pouso a arma na lateral da sua cabeça, você abre um sorriso tranquilo.

"Eu amo você. Vá em frente."

Seus olhos perdem o brilho alguns segundos depois do disparo. Mas o sorriso está imóvel em seu rosto.

Dou-lhe um último e suave beijo.

"Adeus. Nos veremos em breve."

Apoio a arma embaixo do queixo.

Puxo o gatilho.

Seu rosto foi a última imagem que meus olhos viram.

Amo você.

Foi uma imagem linda.

11 августа 2018 г. 3:48:56 2 Отчет Добавить 2
Конец

Об авторе

Psico Cat Eu vivo de palavras. Preciso delas o tempo todo.

Прокомментируйте

Отправить!
Karimy Karimy
Os sentimentos estão muito implícitos e fortes nesse conto. Não consigo imaginar o que pode ter os levado a esse ponto, mas várias coisas se passam em minha mente e tento me convencer de que foi algo sem volta que levaria os dois para o fundo de um poço tão profundo que até escolher a morte seria melhor. Mas nem sempre é assim, eu sei, alguns só escolhem não viver e quando encontram alguém com o mesmo pensamento, tudo acaba.
18 августа 2018 г. 11:43:09

  • Psico Cat Psico Cat
    Eu estou vivendo o sonho americano agora! Eu sou super fã da sua escrita e é um sonho ter um feedback seu. Sim, foi algo sem volta. Colocando num exemplo meio bobo, foi como escolher entre levantar da cama e dormir mais. Eles não conseguiam ver além do dormir mais. E vários relacionamentos são assim hoje em dia, foram no passado e podem ser no futuro. Essa coisa de "Não vou conseguir viver sem você" é levada muito ao pé da letra por algumas pessoas. E como eu pude observar essa linha de relacionamento de perto, mesmo que não fosse nessa gravidade, me deu uma brecha pra esse conto. E pessoas suicidas são sempre suicidas, acho que esse é um dos pontos. Muitíssimo obrigada por ler algo meu! Eu tô meio que pirando do lado de cá! ♥️ 26 августа 2018 г. 21:20:47
~