Mais do que uma viagem Подписаться

kamaniac Ka chan

Essa história retrata o encontro de dois corações feridos que tentam encontrar a cura em um encontro inesperado na praia, junto à suas famílias. O casal principal é Minato e Fugaku, mas teremos outras participações, como Gaara x Menma, Itachi x Shisui e Sasuke x Naruto. A história contém relações gays - homemxhomem. Inspirada nos personagens do anime Naruto. As imagens que compõem a capa foram encontradas no Google, desconheço os autores.


Фанфик Аниме/Манга 18+.

#minato #Fugaku #gaara #Menma #shisui #itachi #sasuke #yaoi #naruto #SuiIta #ItaSui #narusasu #sasunaru #minafuga #fugamina #MenGaa
9
5.8k ПРОСМОТРОВ
В процессе - Новая глава Каждые 30 дней
reading time
AA Поделиться

O encontro

Em uma manhã quente de verão, um moreno acabara de acordar, seus cabelos tão negros quanto seus olhos refletiam a luz que entrava através janela do apartamento, em que morava com seus dois filhos, no litoral norte do país.

O homem de 42 anos, levantou da cama calmamente, para iniciar mais um dia de trabalho, indo ao banheiro para fazer sua higiene pessoal e posteriormente tomar café da manhã. Ao chegar na cozinha encontrou seu filho mais velho que preparava o café da manhã para todos na casa. Itachi, o jovem que cozinhava com extrema calma e habilidade possuía não mais do que mais 21 anos de idade, dedicando-se ao curso de administração, um jovem moreno de cabelos negros e longos, preso em um rabo de cavalo baixo.

- Bom dia, otou-san! – disse Itachi, servindo a mesa com o dejejum.

- Bom dia filho! Seu irmão já levantou? – perguntou Fugaku, enquanto se sentava à mesa.

- Sim, ele já deve estar vindo tomar café da manhã pra ir à escola, o senhor quer que eu o leve hoje?

- Seria de grande ajuda, filho. Se puder, é claro. – Dizia enquanto tomava mais alguns goles de café.

- Claro que posso, não se preocupe! – dizia Itachi, enquanto via Sasuke passar pelo corredor, já arrumado para o colégio – Bom dia, Otouto! – disse sorrindo.

- Dia, onii-san, otou-san! – disse Sasuke se espreguiçando, logo sentando e servindo-se com o que estava disposto a mesa.

 

Sasuke era um menino de 17 anos, muito semelhante aos demais membros da família Uchiha, olhos negros e os cabelos pretos levemente azulados repicados na parte de trás, apesar de mais novo possuía quase a mesma altura que o irmão. O apartamento em que moravam era de um tamanho confortável para a pequena família, possuindo um quarto para cada filho e uma suíte para o pai ao final do corredor.

Passados alguns minutos, os meninos já se despediam do pai, indo ao carro do filho mais velho, enquanto Fugaku se dirigia ao trabalho em seu veículo. O homem com uma expressão severa no rosto trabalhava como gerente de um enorme hotel à beira mar, um trabalho que lhe exigia total atenção para que nenhum imprevisto ocorresse com seus hóspedes durante seus dias de descanso e paz.

O moreno chegou ao hotel após alguns minutos, cumprimentando todos que via de modo contido, se dirigindo à sua sala no primeiro andar do hotel para poder trabalhar ao longo do dia.

_____________________________________________________________

A vários quilômetros de distância, uma família um tanto animada se preparava pra passar as férias no litoral, visto que o mais velho finalmente conseguira pegar suas tão necessitadas férias, após a exaustiva rotina no escritório da empresa de contabilidade. A família era composta por um casal de gêmeos agitados, Naruto e Menma, dois meninos loiros com 18 anos, com a pele levemente amorenada e os olhos de um azul límpido, assim como seu pai Minato, de 40 anos também loiro, mas com os olhos de um azul ligeiramente mais escuro.

A família se dirigia ao litoral em seu espaçoso carro, acompanhado de Gaara, um ruivo calmo com olhos verde água, amigo de infância dos gêmeos.

- Alguém pelo amor de Deus troca dessa rádio! Eu não aguento mais ouvir essas piadas horríveis! – reclama Menma enquanto descansava o rosto nas mãos com um olhar indignado direcionado ao irmão que estava sentado ao lado do pai que dirigia.

 - Cala a boca seu reclamão! Não é tão ruim assim, né gente? – disse Naruto sorrindo enquanto olhava em expectativa para o pai.

 - Bem... Errr... Nossa, como o dia está lindo, não é meninos? O céu está sem nuvens pesadas, um ótimo dia para pegar estrada. Disse o loiro mais velho querendo fugir da pergunta.

    - Viu só? Nem o papai aguenta essa porcaria! E você Gaara? Por que não fala nada, hein? Disse Menma olhando revoltado para o ruivo que encarava a paisagem, indiferente a discussão no automóvel.

   - Eu sinceramente não ligo, não é como se eu fosse ouvir pela eternidade, são apenas algumas poucas horas, então pare de reclamar Menma, e durma, que isso logo passa. Disse o ruivo impassível, sem desviar os olhos da paisagem.

  - Vocês são uns chatos, sabia? Não sei como aguento vocês! Disse Menma com um grande bico nos lábios.

  - Filho, fique calmo, descanse e aproveite a viagem! Logo estaremos na praia! - disse Minato sorrindo enquanto dirigia.

 

Duas horas depois, o grupo chegou a um grande hotel à beira mar, com uma entrada belíssima, era possível ouvir o som das ondas do mar, o sol forte deixava o hotel mais belo, com as palmeiras e coqueiros ao longo de sua entrada, os tons claros misturados com o azul marinho remetia à temática náutica que combinava com a proposta do ambiente.

 - Uau pai, isso deve ter custado uma nota. Disse o filho alguns segundos mais velho.

- Realmente velho, isso deve ter custado uma fortuna! – disse Menma.

- Haha, meninos, isso não é nada demais, andei guardado um pouco das nossas economias para essa viagem, merecemos um bom descanso depois desse ano de cão.

 

O ruivo continuava a encarar calado o hotel, seguindo os louros que considerava como uma segunda família, visto que a sua própria estava em casa, e era composta por seus irmãos Kankuro e Temari, seu pai Rasa e seu tio Yashamaru, irmão gêmeo de sua falecida mãe, Karura.

Ao atravessarem o grande saguão do hotel com enormes janelas que permitiam que a luz entrasse em sua totalidade, deixando o local mais lindo e com ar paradisíaco, o piso era de uma pedra polida e clara que contrastava com os móveis escuros e azulados. Direcionaram-se à recepção, na qual se encontrava um moreno possuidor de um sorriso acolhedor.

 

- Boa tarde, me chamo Iruka Umino, em que posso ajudá-los? Disse o recepcionista moreno com os cabelos compridos preso em um rabo de cavalo, olhando os homens.

- Boa tarde, me chamo Minato Namizake, fiz uma reserva de um mês no hotel, e esses são meus filhos e seu amigo. Disse o loiro sorridente.

- Ah, certo! Bem, deixe me ver nos registros. - Disse o moreno enquanto analisava o computador. - Achei, sejam muito bem-vindos ao hotel Estrela do Mar, os dois quartos são 505 e 506, aqui estão os cartões para ter acesso, assim como a senha do wi-fi. Espero que tenham uma ótima estadia. Disse Iruka alegremente aos homens a sua frente.

- Obrigado Iruka, tenha um bom dia. Disse Minato acompanhado dos meninos, que rumaram aos quartos.

Naruto e Minato dividiriam um dos quartos deixado o 506 para Menma e Gaara. Os quartos eram grandes, com duas camas espaçosas dispostas paralelamente, um grande armário, televisão, frigobar, escrivaninha e um banheiro confortável. Após guardarem suas coisas decidiram ir à praia, petiscar e aproveitar as águas quentes e cristalinas e a areia fina e branca dela.

- Nossa, aqui é mais lindo do que eu imaginava. Vamos nadar um pouco! Disse Naruto correndo em direção ao mar.

- Me espera seu idiota!! Gritava Menma enquanto corria atrás do irmão, tentando derruba-lo nas ondas.

-  E você Gaara? Perguntou Minato encarando o ruivo sentado abaixo do guarda sol.

- Vou esperar os dois terminarem de se matar pra poder nadar. Disse o ruivo apreciando o vento que batia em seus cabelos.

- Certo, certo! Bem, vou ir ali no hotel, buscar algumas toalhas, já volto! Disse o loiro se afastando.

 

Neste mesmo instante um moreno zangado saia da cozinha do hotel bufando.

- Como esses imprestáveis esquecerem de comprar os mantimentos da semana? Agora terei que resolver isso.

Fugaku chamou Rock Lee que passava pelo corredor.

 

- Lee, preciso que me faça um favor! Vá falar com nossos fornecedores, precisamos das nossas entregas com urgência!

- Sim senhor. Disse Lee batendo continência, saindo correndo depois pra cumprir as ordens.

- Rock Lee não corra no hotel!! – Gritou Fugaku com uma veia saltando da testa, mas Lee nem foi capaz de ouvir tais palavras.

O moreno mais velho saiu pisando duro sem enxergar nada a sua frente, se esbarrando em um homem que carregava um monte de toalhas dobras que lhe tampavam a visão. Ambos os homens caíram, Fugaku já se preparava para se desculpar com o hóspede quando finalmente encarou os belos olhos azuis do homem loiro a sua frente. Passaram longos segundos se encarando, quando o loiro sorrindo ofereceu sua mão para o mais velho se levantar.


- Olá, me desculpa por isso, não consegui ver por onde estava indo por conta de todas essas toalhas. Disse o loiro sem graça com o ocorrido, mas fascinado com a beleza do moreno a sua frente, que ainda o encarava com uma cara abobalhada.

- Anh..hmm...bem. Boa tarde, me desculpe senhor, me chamo Fugaku Uchiha, sou o gerente do hotel! Me desculpe novamente! Disse o moreno sem graça com o ocorrido, ainda encarando desconcertado os olhos azuis do outro homem.

- Não se preocupe, a culpa foi minha! – Disse sorrindo – Me chamo Minato Namizake, prazer. Estendeu a mão ao homem sua frente.

- Prazer. Disse o moreno agora mais contido com a situação. – Bem, vou ajuda-lo a levar essas toalhas.

- Oh, muito obrigado, agradeceu o loiro ainda sorrindo. Ao chegarem nas areias, o moreno depositou parte das toalhas em um dos bancos presentes.

- Bom, se precisar de qualquer coisa, é só chamar. Disse Fugaku logo se retirando com uma pequena reverência.

- Até mais. Disse Minato encarando o moreno que entrava no hotel.

- Hey tio, você demorou. O que aconteceu? Gaara perguntou enquanto ainda lia um livro escondido nas sombras.

- Ah nada menino. Nada demais... Só conheci uma pessoa. Falou o loiro encarando seus filhos que agora brincavam como duas crianças nas águas ondulantes, com um sorriso contido no rosto e um calor aconchegante no peito.

Bem, certamente essas férias seriam muito mais divertidas do que o esperado.

14 апреля 2018 г. 21:58:19 0 Отчет Добавить 3
Прочтите следующую главу Conhecendo e as Coincidências

Прокомментируйте

Отправить!
Нет комментариев. Будьте первым!
~

Вы наслаждаетесь чтением?

У вас все ещё остались 6 главы в этой истории.
Чтобы продолжить, пожалуйста, зарегистрируйтесь или войдите. Бесплатно!

Войти через Facebook Войти через Twitter

или используйте обычную регистрационную форму

Похожие истории