tahykoo vankook

PWP +18 | VMIN | VOTTOM Para Jimin era difícil manter suas mãos longe do corpo de seu ômega, o adorando e amando de todas as formas possíveis, o belo corpo se encaixava perfeitamente ao seu e o alfa não media esforços para mostrar o quão devoto era para com o belo corpo de seu companheiro; Kim Taehyung. ㅤ 𝙉𝙖̃𝙤 𝙖𝙘𝙚𝙞𝙩𝙤 𝙖𝙙𝙖𝙥𝙩𝙖𝙘̧𝙤̃𝙚𝙨 𝙙𝙖𝙨 𝙢𝙞𝙣𝙝𝙖𝙨 𝙤𝙗𝙧𝙖𝙨.


Фанфик Группы / Singers 18+.

#lemongay #hot #one-short #lemon #gay #vottom # #bottomtae #topjimin #vmin #abo #pwp
Короткий рассказ
2
2.3k ПРОСМОТРОВ
Завершено
reading time
AA Поделиться

CAPÍTULO ÚNICO — SOULMATES.

ㅤ ㅤㅤ ५ ՙ 𝒃𝒓𝒂𝒏𝒄𝒐 · ⿻ 제니 : 𝗸𝗶𝗺 ♡ 달.


Os lábios se moviam em perfeita sincronia enquanto as mãos pequenas e cheias de anéis acariciavam cada parte do belo corpo de seu garoto. Os suspiros deleitosos do mais novo somados aos gemidinhos em agrado pelos apertos em sua bunda apenas aumentavam sua libido, lhe causando uma sensação deliciosa enquanto o baixo ventre formigava antecipadamente.


Quando finalmente Jimin retirou a única peça que cobria o lindo híbrido de tigre teve certeza que não conseguiria se contentar com apenas uma foda durante aquela noite.


O alfa automaticamente voltou para o calor gostoso do corpo de seu ômega, a ponta de seu nariz resvalando na pele do pescoço cheiroso ao que revezava entre marcar com chupões no local macio e beijá-lo, seu cacete pulsante esfregando contra o pau do Kim que se encontrava igualmente duro.


Taehyung não deixava barato, as unhas um tanto compridas se empenhavam em arranhar as costas largas de seu companheiro enquanto gemidinhos baixos e manhosos saiam sem nenhum pudor de seus lábios – estes que logo foram pressionados pelos macios e volumosos de Jimin outra vez, iniciando um beijo um tanto desajeitado e molhado. Em pouco tempo o Park já deslizava a destra até o meio das pernas de seu ômega, acariciando com o indicador o cuzinho lubrificado e sentindo-o contrair à medida em que o alfa forçava o dígito contra o buraquinho molhado.


— Hyunggie... — o híbrido manhou baixinho enquanto arqueava suas costas por sentir um único dedo se movimentar em seu interior. — Não demore tanto para saciar seu tigrinho, por favor...


Quanto a Jimin, apenas sorria com a forma dengosa de seu precioso ômega, apreciando a pele dourada e a cauda que balançava de um lado para o outro, as orelhinhas felpudas inquietas e os olhos brilhantes que se reviravam enquanto gemia ao ter sua próstata massageada por apenas um dedo do alfa. Logo o alfa tratou de adicionar o segundo dedo para o interior quentinho, as estocadas de seus dígitos se tornando cada vez mais rápidas.


— Você gosta, amor? Gosta quando eu enfio meus dedos fundo em você e logo depois te abro com meu pau? Ou vai reclamar novamente por ser uma puta ingrata que apenas se cala se estiver com um pau na boca? — sussurrou rouco rente às orelhas felpudas do tigre albino, suspirava de ansiedade ao sentir o cu do mais novo se contrair contra seus dedos.


Momentos antes do alfa retirar as roupas do ômega, Taehyung se encontrava com o mastro duro e molhado de seu homem em seus lábios, as bochechas criando vincos enquanto o tomava fundo em sua garganta e chupava com vontade, sentindo as grossas lágrimas escorrerem por suas bochechas e o sabor do pré-semen que preenchia seu paladar, todavia, por um comentário de Jimin sobre a bagunça que o Kim se tornavam ao ter seu pau em sua boca, o mamando com gula enquanto babava em seu comprimento fez com que o híbrido mostrasse suas garras e rosnasse para o alfa presente. Sua reação na causava nada além de um alvoroço no interior de Jimin, ele só fazia se afastar do ômega bravinho por instantes antes de voltar a atacar os lábios levemente inchados e avermelhados e se empenhar em despir o corpo que tanto adorava.


Agora que finalmente havia marcado o corpo de seu homem da forma que queria com a boca, Jimin apenas retirou seus dedos do interior judiado e deixou com que um tapa estalasse contra uma de suas coxas.


— Vira de quatro pra mim, agora vou te foder bem gostoso. — murmurou umedecendo seus lábios enquanto encarava os olhos azuis de seu lindo gatinho.


— Tudo que o meu alfa quiser... — respondeu deixando um último selar molhado nos lábios volumosos.


Taehyung empinou o quadril na cama quando se colocou sobre as mãos e joelhos na cama, a ponta de sua cauda se esfregando contra o queixo do alfa que acariciou entre as orelhas macias do ômega, recebendo um ronronar em resposta ao que um sorriso aparecia em seus lábios, para logo após proferir : — Lindo, meu tigrinho. Fica bem empinadinho pra eu te comer com força.


Com um sorriso malicioso nos lábios e espiando sobre seus ombros o Kim observava seu alfa, suspirando ao que o Park se ajeitava atrás de si e esfregava a glande inchadinha contra o cuzinho piscante, acabando com toda a espera e então adentrando o buraco molhadinho enquanto seus olhos observavam com devoção as curvaturas do corpo do ômega, este que entreabriu seus lábios e fechou seus olhos, ao mesmo tempo arqueando suas sobrancelhas e soltando um gemido alto do fundo de sua garganta.


A típica ardência inicial fazia parte, e quando Jimin começou a se movimentar soube que não demoraria muito para que seu tigrinho começasse a pedir por mais, como sempre fazia. Céus, Taehyung era tão insaciável e guloso, sempre disposto a abrir suas pernas para o alfa a qualquer momento, lhe satisfazendo e recebendo seu nó logo após de ser fodido até o talo. Seu pequeno gatinho não era tão inocente assim... pelo menos não quando estava em sua presença.


Era engraçado ver o Kim ao lado de seus pais, por ser o filho mais novo era o mais mimado entre os três e o único ômega, então era normal que seu pai, irmãos e mãe lhe dessem quase toda a atenção, enquanto Jimin lhe oferecia deliciosos beijos, carinho, amor e claro, seu pau. Se lembrava como se fosse ontem de quanto se viram pela primeira vez. O Park era um dos amigos de seu irmão do meio, e obviamente desde o momento que seus olhos se encontraram com os do ômega híbrido não teve dúvidas que o Kim era e seria o dono de seu coração, corpo e alma. Céus, e tudo se tornou melhor ainda quando o Kim se mostrou curioso e instigado pelo alfa que lhe cantava, apesar de não ser o primeiro a tal feitio Jimin fora o único que despertara um reboliço em seu ômega, lhe atraindo então para a imensidão que era. Os beijos eram inevitáveis quando estavam sozinhos, as mãos bobas vieram logo em seguida e com o tempo Taehyung fora aprendendo a dar prazer ao seu alfa, da mesma forma que o Jimin aprendia os gostos de seu ômega. No fim dividiam a mesma cama e assumiam um relacionamento sério e que durava a mais de quatro anos, afinal, almas gêmeas estavam destinadas a ficarem juntas.


Com cuidado o alfa se movimentava, ondulando o quadril e indo fundo no interior apertado. Taehyung apenas gemia e jogava sua cabeça para trás, seus olhos se revirando atrás das pálpebras fechadas à medida que Jimin aumentava o ritmo das estocadas.


Os barulhos molhados dos corpos se chocando ecoavam pelo quarto, além dos murmúrios baixinho em pedidos de Taehyung para seu hyung ir mais rápido, forte... Deus, queria ser arruinado pelo alfa, ansiava por ficar todo arrombado e abertinho, sentir a porra quentinha em seu interior e saber que todo o prazer de Jimin estaria derramado dentro de si.


O cheiro do seu alfa apenas fazia com que o Kim gotejasse sobre o colchão, seu pau molhadinho vazava em abundância assim como seu interior se molhava para o alfa. Os movimentos se tornando cada vez mais brutos, mais desesperados enquanto Jimin apenas fodia seu ômega da forma a qual sabia que ele gostava, marcando a pele da bunda volumosa com seus dígitos com tapas ao que seu caralho acertava em cheio a próstata de seu garoto.


— Está bom assim pra você? Hm? — chocou com força a palma fechada contra o rabo de Taehyung, ao mesmo tempo fazendo isso com o quadril e metendo o pau por inteiro dentro do cuzinho apertado de seu ômega. — É só isso que você deseja? Um alfa que esteja disposto a te tomar e encher esse teu buraquinho apertado no momento que quiser, da forma como quiser? Tenho certeza que contanto que esteja com um caralho enfiado nesse teu cu guloso, você estará satisfeito.


Taehyung estava uma bagunça, gemidos desesperados por alívio, uma leve camada de saliva escapando pelo canto de seus lábios e lágrimas em prazer banhando o rosto vermelhinho do Kim, Jimin não estava muito diferente... O suor banhava o abdômen definido do homem enquanto o mesmo se empenhava e foder o cu gostoso de seu menino, as sobrancelhas se encontravam franzidas e vez ou outra mordiscava o lábio inferior e jogava seus cabelos escuros para trás, tentando inutilmente tirá-los de sua testa suada.


Jimin sabia que faltava pouco para o Kim derramar o seu prazer sobre seus lençóis, então não tardou em mirar seu pontinho doce ao que com a destra segurava o cacete do mais novo até então negligenciado, por fim começando uma masturbação rápida contra o cacete inchadinho.


Os olhos azuis do tigre albino se reviravam em deleite ao ter sua próstata atingida com força pelo mastro duro, os espasmos percorriam seu corpo e seus dedinhos dos pés se apertavam, Taehyung sentia-se nas nuvens ao ter seu rabo fodido daquela forma, Jimin lhe fazia subir ao céu e descer ao inferno em questão de segundos, lhe desestabilizando tão rapidamente.


O baixo ventre do ômega se contraiu e em jatos fortes gozou contra o próprio abdômen, seus braços cederam graças ao orgasmo intenso e agora ele apenas se apoiava com o peitoral sobre o colchão, contraindo o interior quentinho e apertando o cacete do alfa que ainda fodia sua bunda. Não demorou muito para que Jimin jorrasse sua porra no cuzinho arrombado, lhe preenchendo com seu nó enquanto as estocadas diminuiam gradativamente.


— Porra... — murmurou o ômega de olhos fechados, a respiração pesada e o corpo suado, tentando se aconchegar nos cobertores enquanto um ronronar satisfeito escapava de seus lábios. — Meu alfa é tão bom pra mim...


— E meu ômega é uma tentação mesmo após uma foda. — respondeu retirando o cacete já mole do interior judiado do mais novo assim que o nó foi desfeito, um sorriso ladinho brincando nos lábios bonitos ao que Jimin pegava o felino com cuidado em seu colo. — Você foi bem gatinho, agora o hyung vai cuidar de você.


E com um grande sorriso em seus lábios Taehyung apenas se aninhou contra o corpo de seu amado, ronronando feito um gatinho dengoso e beijando de leve nos lábios macios dele.


ㅤ ㅤㅤ ५ ՙ 𝒃𝒓𝒂𝒏𝒄𝒐 · ⿻ 제니 : 𝗸𝗶𝗺 ♡ 달.


21 мая 2021 г. 13:23:08 1 Отчет Добавить Подписаться
0
Конец

Об авторе

Прокомментируйте

Отправить!
Nicole Miranda Nicole Miranda
No hablo portugués pero me gustó 🤺💜
~

Похожие истории