brunadonde Bruna Dondé

Perceber detalhes e apreciar momentos se tornam coisas essenciais quando sabemos que o fim está próximo. Podemos lamentar sem encontrar uma solução, ou então recomeçar de uma maneira diferente e um pouco bizarra.


Постапокалипсис Всех возростов. © Todos os direitos reservados

#flashfiction #HistóriaCurta #Sobrevida
Короткий рассказ
2
2.2k ПРОСМОТРОВ
Завершено
reading time
AA Поделиться

Sobrevida

Em questão de poucos dias o céu escureceu. Não era mais possível separar o dia da noite, porém, a vida seguia. A cada instante o número de pessoas na rua era menor, as prateleiras dos mercados da região foram ficando vazias e as frutas apodreciam rapidamente. Vi muitos filmes em que as coisas mudavam de repente e resolvi fazer um pequeno estoque de alimentos em casa.

Fui ao mercado mais próximo, não havia ninguém. Peguei sachê e ração para os gatos. Doritos, cebola, abacate, congelados, sucos e outras bobagens pra mim. Já que o mundo parecia estar chegando ao fim, eu não ia perder tempo realmente cozinhando. Até pensei em fazer o trajeto pra casa de forma lenta, sentindo o ar entrando em meus pulmões e saindo vagarosamente pela minha boca. Mas era impossível, meu nariz estava sempre trancado, o ar havia mudado e não era apenas culpa da poluição já conhecida. Achei melhor me apressar.

Pela primeira vez observei cada detalhe do prédio onde eu morava há tantos anos. A cor dele era um tom de cinza fosco, nada atrativo, e combinava com os dias fúnebres que seriam frequentes dali pra frente. A chave sempre enroscava na hora de abrir o portão, detestável. A grama do pequeno pátio já não era verde e pedras estavam espalhadas pela calçada. As caixas de correspondências transbordavam propagandas políticas. Subi pelas escadas até meu apartamento. Alimentei os gatos, guardei as compras e estava pronta para fazer guacamole. Esqueci de pegar tomate no mercado e não voltaria lá. Peguei emprestado com uma vizinha, que parecia abatida e ao perceber meu olhar de curiosidade, fechou a porta na minha cara. Pelo menos agora eu tinha um tomate e fiz meu precioso guacamole, ficou bem melhor que os anteriores. Terminei um livro do Harlan Coben e fui dormir.

Acordei ouvindo um barulho estranho no banheiro. O barulho vinha dos meus gatos estraçalhando um pequeno pássaro que entrou ali e não achou a saída. Eles estavam com uma aparência diabólica, por um momento tive medo, mas ao me ver no espelho percebi que eu tinha a mesma aparência de morto-vivo deles. Ainda não sei como aconteceu, me tornei uma das pessoas que sumiu das ruas.

1 марта 2021 г. 15:26:47 4 Отчет Добавить Подписаться
6
Конец

Об авторе

Bruna Dondé Bebedora de café, escritora de histórias incompletas, fotógrafa, gateira, leitora (aceito livros de presente, sempre).

Прокомментируйте

Отправить!
Isís Marchetti Isís Marchetti
Olá, Bruna! Tudo bem com você? Faço parte do Sistema de Verificação e venho lhe parabenizar pela Verificação da sua história. Um tema que reflete tanto nos nossos dias de hoje não dá para não ser reflexivo, né! Não sabemos mais se estamos seguindo com nossas vidas ou simplesmente sobrevivendo com o que nos é ofertado e isso é um absurdo, principalmente se pararmos para pensar que até mesmo nossos direitos de livre arbítrio, o direito de ir e vir, está sendo tomado de nossas próprias mãos. Uma época em que não da pra dizer se estamos existindo como queríamos, ou só coexistindo da maneira que os outros querem. Enfim, aproveitei pra desabafar sobre o que eu penso a respeito, claro que você não é obrigada a concordar nem nada, aushuahs. Bom, vamos lá A coesão e a estrutura do seu texto estão maravilhosas. A narrativa está simples, porém impressionante, levando o leitor para um mundo a qual dá para se imaginar facilmente a calamidade que assola as pessoas e o medo. A sinopse está bem curta, porém já atiça a curiosidade e faz com que o leitor acabe devorando linha por linha do conto. Quanto à personagem, de alguma forma eu senti certa afinidade com ela, não sei porque, talvez pela situação a qual as coisas se encontram, porém eu fiquei com um pesar enorme ao chegar no fim e me deparar com uma verdade simples, mas aterrorizante, que acaba até mesmo refletindo nos dias de hoje. A verdade é que eu não sei se vou conseguir superar esse texto, muito menos a personagem. Quanto à gramática, seu texto, como sempre, está maravilhoso! Desejo a você sucesso e tudo de bom! Abraços.

  • Bruna Dondé Bruna Dondé
    Preciso trabalhar mais minhas sinopses, hehe, mas que bom que essa já serviu para chamar atenção. Se você não sabe se vai superar a personagem e o texto, saiba que eu não vou superar esse comentário. Me deixou muito feliz! :) March 25, 2021, 14:04
Arnaldo Zampieri Arnaldo Zampieri
A riqueza de detalhes sempre torna as coisas mais interessantes. Eu fico imerso nos universos construídos. Me lembrou Alejandro Amenábar e mais um montão de coisas boas. E fico com aquela sensação de querer ler um pouco mais. =)

  • Bruna Dondé Bruna Dondé
    Fico feliz em saber que meus textos te lembram coisas boas. Obrigada! :) March 01, 2021, 20:19
~

Больше историй