papironauta Rodrigo Borges

Esses versos podem ser para você, quem lê, ou podem ser para quem ainda não leu, ou nunca lerá; mas com certeza não são para aquelas por quem me apaixonei.


Poesia Romance Impróprio para crianças menores de 13 anos. © All Rights Reserved

#? #paixão #uma #encontrar #pode #esquina #cada #a #se #hashtags #que #para
5
5.2mil VISUALIZAÇÕES
Em progresso - Novo capítulo A cada 30 dias
tempo de leitura
AA Compartilhar

Cadarços



Paixão é como nós de cadarços. Alguns são frouxos e perigosos, se desfazem no correr de pernas brincalhonas, fazendo-as estatelarem no chão. Outros são cegos, não deixarão que tirem o sapato tão facilmente. Há um terceiro; laços borboletas, firmes mas delicados; perfeitos para serem removidos ao final de uma brincadeira. Bom, de qualquer jeito, a paixão sempre se desfez, pois pés também precisam descansar pelados.


Esses versos são trágicos pelo fim, mas belos pelo durante; neste, tudo daria certo, até a chegada daquele. São versos que um dia tiveram peso e que hoje não são totalmente apáticos. São cicatrizes expostas ao frio, sulcos em madeira feitos por apaixonados. São garrafas vazias e caras e bem adornadas que servem como decoração, se sua ressaca for um tanto esquecida.


Na pior das hipóteses, são troféus que merecem morada no sótão, junto com todas as bagulheiras sem sentido. Mas, antes de tudo, são troféus de um escritor que, claro, não se contentaria em guardar uma boa obra, mesmo depois de tudo arruinado.


Esses versos podem ser para você, quem lê, ou podem ser para quem ainda não leu, ou nunca lerá; mas com certeza não deve ter sido para aquelas por quem me apaixonei.


6 de Maio de 2020 às 16:13 5 Denunciar Insira Seguir história
9
Leia o próximo capítulo Duende do Coração

Comentar algo

Publique!
Isís Marchetti Isís Marchetti
Olá, tudo bem? Faço parte do Sistema de Verificação e venho lhe parabenizar pela Verificação da sua história. Nos dias de hoje é realmente muito difícil encontrarmos com poemas, não, na verdade, nos dias de hoje é quase impossível depararmos com poesias bem feitas e escritas! E esse é um diferencial no seu texto. Eu fiquei encantada do primeiro até o último poema. Principalmente "Cadarços" e "Antes de ir à Delegacia". É realmente difícil falar do seu trabalho no geral, já que são diferentes, mas a essência não muda. Quanto a coesão e estrutura do seu texto estão ótimas! Realmente é uma leitura muito agradável! Aos meus olhos que se encontram terríveismente cansados pelo dia de hoje, isso foi um colírio e tanto! Você proporcionou uma poesia encantadora que a cada estrofe o significado daquilo que você quer passar ficam cada vez mais nítidos, é encantador. Apesar de ter lido o título pela primeira vez, que confesso que não era nada do que eu estava esperando, já que quando se fala em Quimera pensamos em monstro mitológico, mas eu fui realmente pega de surpresa quando eu parei para analisar de outro ângulo, quando nos referimos a Quimera, se pararmos para pensar no contexto de ser uma combinação de elementos diversos é exatamente o que você proporciona. Pode ser que eu esteja errada, mas nada faz eu pensar de outra forma, por exemplo: se eu usar um elemento diverso como o cadarço no caso, é como se tudo fizesse sentido! Eu não sei se eu consegui explicar para você direito o que eu estava pensando, mas é isso aí! :P Enfim, sua gramática é incrível! Melhorando em mil vezes a sua síntese, você arrasou! Mais uma vez, obrigada por proporcionar essa leitura maravilhosa! Espero que outras pessoas também possam vir a conhecer. Desejo a você sucesso e tudo de bom. Abraços.

  • Rodrigo Borges Rodrigo Borges
    Nossa, Isís, que comentário bom de ser ler, meu deus!! Achei muito afável da sua parte conceder esse tipo de atenção para Versos para uma Quimera. Quanto à sua interpretação, siiim, eu entendi o que quis dizer. Assim, se eu explicasse muuuito sobre, eu acabaria por entrar numa seara íntima e parecer um bocó, mas, basicamente, parte é o que você disse mesmo: é como se cada paixão que tive formasse uma criatura mitológica (várias partes, as melhores partes, incongruentes); talvez não tão perfeita, mas perfeita pra mim, pois ela não existe. Nossa, vou parar de falar por aqui kkkkk eu já tinha digitado mil explicações sobre minha motivação, mas às vezes não me dá na telha que poesia é melhor deixar quieto à mercê das interpretações dos leitores, pelo menos alguma parte dela. Enfim, muito obrigado pela atenção, primeiro a você, depois para o time da verificação!! 2 weeks ago
Kaline Bogard Kaline Bogard
Olá! Criar poesia é uma arte que poucos dominam com maestria, e devo reconhecer que seu texto ficou muito agradavel de ler! Confesso que foi uma alegoria toda nova, nunca vi um paralelo traçado entre cadarços e o amor, mas a medida que avançava na leitura cada trecho fazia um sentindo enorme, ficou encantador, um resultado muito bom! Também destaco seu poder de síntese, um texto pequeno em seu total de palavras, mas gigante em significado. Parabéns!
May 22, 2020, 14:14

  • Rodrigo Borges Rodrigo Borges
    Olá, Kaline! Muito obrigado pelos elogios e também pela avaliação :) May 25, 2020, 22:44
DC David Cassab
Muito bom cara!
May 12, 2020, 01:21
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 10 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!