Um Lado Obscuro Seguir história

G
Giovanna pires


Numa cidade grande que por um lado tem um segredo, enquanto Ester no seu ultimo ano do colegial, descobre um lado seu que algum dia ia mudar a historia da cidade...


Suspense/Mistério Todo o público.
2
443 VISUALIZAÇÕES
Em progresso
tempo de leitura
AA Compartilhar

A mente apagada



Algum dia eu irei me mudar, as mudanças nunca fazem bem para meus pais eles sempre ficam se movendo pela casa como se estivesse sempre faltando algo para colocar na caixa, já me mudei 2 vezes e não é nada confortável deixar seu pequeno espaço que eu chamo de "casa" tão velha...ainda não entendo o motivo por que eu estou aqui, as coisas ficam bem estranhas quando meu irmão Rick começa a ficar em frente ao espelho fazendo caretas assustadoras já faz um tempo que ele faz isso e com quem ele aprendeu fazer aquilo até hoje quero descobrir, minha mãe sempre querendo fazer as coisas do jeito dela por isso acaba brigando com meu pai, realmente esse é o único lugar em que eu posso ter meu próprio quarto sem ter que dividir com meu irmão já que ele sempre fica andando pela casa de madrugada e ele sempre diz que está sem sono, enquanto desço a escada minha mãe me leva para o primeiro dia de aula no ultimo ano do colegial, ela sorri e diz:

-Tenho orgulho do que você é, esta tão linda com esse penteado -arrumando meu cabelo para frente.

-Eu realmente não me preocupo muito com isso--falei jogando meu cabelo de novo para atrás.

Minha mãe me olhou com desprezo e me puxou para fora da porta de casa ,e lá fomos, a vista ao andar naquele lugar era totalmente diferente tinha lojas de joias, mercearias, bares com boate, entre restaurantes caros, eu moro bem longe da cidade então tudo aquilo era diferente e de outro mundo, não tivemos sorte de conseguir uma casa aqui já que o aluguel era muito caro e nós preferimos morar em um lugar mais rural . E chegando mais perto da escola consegui ver que não era tão grande como as outras ,mas já fico feliz por terminar meu ano e conseguir um emprego nesse paraíso.Todos os alunos já estavam entrando e precisava ir, quando minha mãe me puxou e me abraçou e disse:

-Seja se for um desastre hoje no seu primeiro dia, quero que lembra que ainda tem sonhos aqui e não quero que você desista... agora vá.

E ela tinha razão, depois disso me despedi dela e fui para a aula.

9 de Novembro de 2019 às 19:57 1 Denunciar Insira 2
Leia o próximo capítulo A Mente apagada (parte 2)

Comentar algo

Publique!
MiRz Rz MiRz Rz
Olá, eu sou a MiRz do Sistema de Verificação do Inkspired. O Sistema de Verificação atua para ver se as histórias estão dentro das normas do site e ajudar os leitores a encontrar boas histórias no quesito de gramática e ortografia; verificar sua história significa colocá-la entre as melhores nesse aspecto. A verificação não é obrigatória para sua história continuar sendo exibida no site, portanto se não se interessar em obtê-la, basta ignorar essa mensagem e não alterar o seu texto. Caso queria que outras histórias suas sejam verificadas, é só contratar o serviço através do “Serviços de Autopublicação”. Sua história está marcada como “em revisão” pelos seguintes apontamentos retirados do seu texto: 1) Falta de pontuação. Em vários momentos do texto, faltam vírgulas para separar frases independentes, como em “[...] fazendo caretas assustadoras já faz um tempo [...]”. O correto seria “[...] fazendo caretas assustadoras, já faz um tempo [...]”, entre outros do tipo. Falta vírgula para separar Também faltam pontos para fechar um período de frases que completaram o sentido, como por exemplo, em “[...] e ele sempre diz que está sem sono, enquanto desço a escada minha mãe me leva [...]”. Note que nessa frase, houve uma mudança de assunto. A personagem estava falando sobre um hábito do irmão e depois ela narra uma ação dela que não está vinculada a atitude do irmão. Em situações como essa, é necessário o uso do ponto (.). 2) Falta acentuação em algumas palavras, como na sinopse em “ultimo” no lugar “último”, “historia” no lugar de “história” ou ainda no decorrer do texto, como em “esta” no lugar de “está”, “último” que há o mesmo erro na sinopse. 3) Conjugações erradas. O texto apresenta em algumas frases conjugações erradas, como “lembra” no lugar de “lembre”, ou “atrás” no lugar de “trás”. 4) Frases que confundem o sentido do texto. Em alguns momentos, a disposição das frases está confundindo o entendimento do texto, como em “[...] Algum dia irei me mudar [...]”, dando a entender que a mudança da personagem ainda acontecerá, mas o resto do texto mostra que ela já mudou; “[...] deixar meu pequeno espaço que eu chamo de “casa” tão velha [...]”, não ficou claro nessa parte, se ela se refere ao quarto, a casa como um todo, então aquele “tão” parece fora de contexto, bem como as aspas em casa; “[...] e lá fomos, a vista ao andar naquele lugar [...]”, ficou confuso que lugar que a personagem está falando, porque antes, dá a entender que a personagem e sua mãe estão indo para a escola, então “naquele lugar” presume-se a escola, mas depois você fala da cidade como um todo sem especificar que era o caminho para a escola. 5) Pontuação separada da palavra que a antecede. Alguns pontos e vírgulas estão espaçadas entre duas palavras, quando deve vir acompanhados das palavras que vem antes. Eu citei apenas alguns exemplos presentes no texto, existem alguns outros que não foram abordados, por isso recomendo uma revisão mais minuciosa da história caso decida optar por revê-la. Você pode contratar os serviços de um Beta Reader em Serviços de Autopublicação aqui do Inkspired para analisar os erros mais profundos ou se quiser, pode conferir algumas dicas no livro “Esquadrão da Revisão”. Caso você estiver interessado em uma nova verificação, após corrigir os erros, basta comentar aqui que eu farei uma nova releitura. Tenha uma boa semana! :)
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 3 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!