CORAÇÃO DE POETA Seguir história

jpsantsil Jp Santsil

Meu coração está com medo De por um instante repetir o mesmo erro De se entregar, de gostar, de amar De se apaixonar e não poder conquistar


Poesia Romance Todo o público.

#poesia #coração
Conto
0
439 VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

CORAÇÃO DE POETA

Meu coração quer recitar
Palavras que nunca foram ditas
Meu coração quer cantar
Canções que nunca foram ouvidas
Meu coração quer falar
Frases que até então foram esquecidas
Meu coração quer estar
Estar de bem com a vida



Meu coração está com medo
De por um instante repetir o mesmo erro
De se entregar, de gostar, de amar
De se apaixonar e não poder conquistar



Meu coração é um coração solitário
Um coração na livre busca do Amor
Um pobre coração
Coração sofredor



Meu coração...



Coração de poeta
Que chora palavras em vez de lágrimas
Que berra versos e geme metáforas
Que fala quando cala e cala quando fala
Que sente um aperto quando não correspondido
Que sente dor quando não quer ser ouvido
Que sofre quando se sente enganado
Que morre por não se sentir amado
Mas, que tem esperança quando está solitário



Meu coração!
Nobre coração de guerreiro
Pobre coração de poeta

6 de Novembro de 2019 às 06:24 0 Denunciar Insira 1
Fim

Conheça o autor

Jp Santsil Nasceu em Salvador, capital do Estado da Bahia, tendo se dedicado mais da metade de sua vida a projetos de ativismo social, educacional, cultural e ecológico com crianças e jovens em estado de risco e extrema pobreza nas favelas e comunidades carentes do Brasil e Ecuador. Atualmente vive e é cidadão do Estado de Israel, oriente médio asiático, onde se dedica a projetos ecologicamente sustentáveis. ​

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~