A Rainha de Ennord Seguir história

annahonorio Ana Honorio

Rose, coroada aos quinze anos após a morte de seu pai, tornou-se a primeira e mais jovem rainha a governar sozinha o reino de Ennord. E, contrariando a todos, conseguiu transformar Ennord no maior e mais poderoso dos Quatro Reinos. Nunca hesitando em fazer o que devia ser feito, mesmo que isso acabasse a tornando alguém cruel. " - Ennord não precisa de um rei, eles já têm sua Rainha." Todos os personagens e história de minha autoria. Plágio é crime. * Tem também no Whattpad


Romance Histórico Impróprio para crianças menores de 13 anos.

#romance #rainha #rose #Ennord
0
835 VISUALIZAÇÕES
Em progresso
tempo de leitura
AA Compartilhar

Prólogo 🌹

Antes do mundo atual conhecido, e da ascensão dos Grandes Reis, o mundo era dividido entre diversas comunidades independentes. As chamadas Terras Selvagens. E apenas dois dos quatro reinos existiam, Ennord e Oris.


Ennord, o Reino do Leste, maior e mais antigo entre os reinos. Foi fundado pelo Rei Stefano, um homem sábio e gentil, com grande visão de futuro e sempre buscava poder. Assim como todos.


A Grande Capital de Ennord foi erguida numa região rica em minerais e pedras preciosas, tornando-o assim, um país muito rico e poderoso. Além de suas riquezas, Ennord era famoso por sua vasta diversidade de flores. Era chamado de o País da Primavera.


Oris, o Reino do Norte, era um reino pequeno mas que com o passar dos anos e com a unificação das Terras Selvagens, conseguiu expandir seus territórios, mas nada que se comparasse ao outros três reinos.

Fundado pelo Rei Antony, sua localização estratégica ajudou no enriquecimento do país. A maioria das estradas principais, que ligavam os reinos, passavam por Oris e todos que quisessem passar teriam que pagar uma boa quantia em prata, ou buscar outros meios de chegar em seu destino.


Com o passar dos anos outros dois reinos se formaram, Lowe e Seam.


Lowe, o Reino do Sul, apesar de ser o último dos quatro a se fortalecer, era um reino bastante poderoso, o segundo maior de todos. Fundado pelo Rei August.


Seam, o Reino do Oeste, foi um reino criado a partir de disputas entre as comunidades independentes.

Keon, o líder da maior das comunidades do Oeste, marcou um duelo até a morte com John, o líder de uma grande comunidade rival. O que estava em jogo, além de suas vidas, seriam suas terras.

Com a derrota de John, e consequentemente sua morte, Keon tornou-se muito mais poderoso e sua ambição por poder só aumentou, começando assim, a invadir territórios vizinhos e dominar os moradores que ali viviam, forçando-os a jurar lealdade e obediência. Ele agora auto denominava-se um Rei.


Os Quatro Grandes Reinos expandiram-se ainda mais, dominando quase todas as Terras Selvagens. Restando poucas, em sua maioria no norte, de pessoas que preferiram não juntar-se à nenhum dos quatro países e continuar independentes, não jurando lealdade à nenhum Rei. As comunidades que foram conquistadas agora faziam parte dos reinos, seguiam regras e costumes ditados pelo Rei, pagavam impostos, trabalhavam e desfrutavam da segurança que os soldados do reino forneciam.

Vivendo em comunidades não havia essa segurança, as brigas por territórios eram comuns. Grupos rivais invadiam os casebres de madeira e saqueavam os moradores, violentavam as esposas, raptavam as crianças e matavam os pais.

Comparado a isso a vida fazendo parte de um reino era, sem dúvida alguma, uma maravilha.



29 de Setembro de 2019 às 02:39 0 Denunciar Insira 0
Leia o próximo capítulo Capítulo Um. 🌹

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 11 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!