autora-j-s-dumont1565527459 Jessica Santos

Claire Adams sempre soube que não é uma garota muito normal, além de atrapalhada, coisas estranhas acontecem com ela frequentemente, porém, as coisas começam a chegar ao seu limite quando um dia a caminho da escola ela depara-se com um homem de sobretudo no meio da rua, que lhe entrega uma estranha carta, na qual lhe é feito uma revelação: Ela é uma bruxa e seus poderes estão em desenvolvimento. E se isso já não bastasse e fosse estranho demais, ainda ela foi uma das escolhidas para participar de uma seleção onde escolherão a futura princesa do Paraíso Celestial, ou seja, a futura esposa do príncipe bruxo Christopher Hoover. Claire não gosta nada da ideia, afinal, seus planos sempre foram ficar com Damon, seu amor platônico da escola, e quando ele finalmente começa a lhe dar bola (embora esteja enfeitiçado), ela tem o azar de ser obrigada a abandonar tudo para ir para um castelo disputar o amor de um príncipe que ela sequer conhece. Embora o Paraíso Celestial seja um lugar encantador, Claire só quer voltar para sua vida de antes e para se livrar disso e voltar para sua casa, ela tem uma ideia, ela vai para o castelo, mas fará de tudo para que Christopher lhe dê um fora, nem que tenha que fazer o príncipe bruxo odiá-la. Só que o que ela não esperava, é que Christopher demonstrasse interesse por ela, e por mais que ela tentasse se afastar dele mais ele demonstra interessado, e ainda disposto a deixá-la na disputa. Preparem-se isso trará muita mais muita confusão.


Ficção adolescente Todo o público.

#258 #fantasia
1
3.6mil VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

Prólogo

Ele passou pelo portal de madrugada.

Olhou ao seu redor com total atenção. Não precisava olhar muito para se dar conta de como aquele mundo era diferente do seu. As ruas são bem mais movimentadas, os humanos parecem ser bem mais agitados do que eles, pois parecem sempre estarem com pressa. Sempre ele os vê andando para um lado e para o outro, enquanto olham um objeto esquisito, da qual as vezes estão passando o dedo sobre ele e outras vezes estão com o mesmo objeto no ouvido, ele nunca entendeu para que ele serve, mas parece ser um objeto importante, pois cada humano parece ter um.

Na rua ele viu também um outro objeto interessante, ele andava rapidamente e as vezes fazem um barulho esquisito, dentro deles tem pessoas, hoje ele já sabe que os humanos chamam aquilo de carro, em seu mundo não tem necessidade dele, mas quando o viu pela primeira vez, sentiu até vontade de entrar em um.

No céu as vezes ele vê passar um outro objeto esquisito, que aparece muito rápido, mais some depressa também. No céu dos humanos não tem dragões, assim como também no mundo dos humanos não se vê unicórnios, mas em compensação ele chegou a ver gatos, até mesmo no mundo dos humanos ele é obrigado a ver um!

“Os humanos são bem criativos”, é o que ele sempre falava quando está em seu mundo, lá todos querem saber sobre os humanos, saber como eles vivem, o que tem em seu mundo, e ele até mesmo considerado um “privilegiado” por poder ultrapassar o portal, mesmo que seja a trabalho.

Ele soltou um suspiro, não era a primeira vez que estava ali. Mas tudo ali, ainda o impressionava, mexeu no bolso de seu sobretudo, pegando um pedaço de papel, parou os olhos no nome da garota que ele precisaria encontrar.

— Claire Adams! – ele falou para si mesmo.


28 de Dezembro de 2019 às 01:30 0 Denunciar Insira Seguir história
0
Leia o próximo capítulo O homem de sobretudo

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 19 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!