O Plano Seguir história

urutake Urutake Hime

Deathmask está pronto para dar um grande passo em sua vida, mas seu plano pode não ser tão perfeito assim... [Deathmask x Aphrodite]


Fanfiction Anime/Mangá Todo o público.

#universo-alternativo #ua #romance #cavaleiros-do-zodiaco #saint-seiya #pisces-aphrodite #cancer-deathmask #mascara-da-morte #afrodite #aphrodite #deathmask #cdz #yaoi #bl
Conto
2
1356 VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

Capítulo Único

Deathmask checava o relógio em seu pulso de minuto a minuto, agitado com o tempo que não parecia querer passar. Seu pé direito batia repetidamente no chão ao evidenciar sua impaciência, além de começar a se sentir sufocado com suas vestes nada casuais. O italiano estava trajado a rigor com um terno de linho branco e uma camisa azul por baixo, além da gravata borboleta que tratou de afrouxar em seguida, segurando com firmeza um grande buquê de rosas em sua outra mão. Se encontrava no quinto andar do prédio residencial onde seu namorado morava e daria um passo muito importante em sua vida, por isso estava tão bem alinhado e muito nervoso.


— Cazzo, aonde Aphrodite se meteu? Já deveria ter chegado...


— Senhor, não seria melhor ligar para ele? — perguntou um dos rapazes que o acompanhava, também preocupado com a hora. Deathmask havia contratado três músicos que estavam esperando pacientemente.


— E estragar toda a surpresa?! Não, de forma alguma... Ele já deve estar vindo! — rebateu com firmeza, sentindo o celular vibrar em seu bolso e ao pegá-lo em mãos, reconheceu o número da portaria — Alô? Ele está subindo, Shura?


— Sim, acabou de passar por mim... — garantiu o espanhol, que era um velho amigo dos dois e, por coincidência, trabalhava no prédio onde o sueco morava, então decidiu ajudar na surpresa — Pode se preparar, mas lembre de tocar apenar uma música ou os moradores vão querer minha alma.


— Pode deixar, garanto que uma vai bastar. Grazie!


Com a confirmação, o italiano seguiu até o elevador e ajoelhou uma de suas pernas no chão, enquanto a outra sustentava seu corpo. Os três músicos se posicionaram atrás dele conforme o combinado e estavam preparados para tocar assim que as portas de metal se abrissem. Deathmask fechou os olhos e respirou fundo, buscando a calma necessária para que tudo saísse como o planejado e assim ficou até ouvir as primeiras notas dos músicos, lhe dando a deixa para começar. Ainda de olhos fechados, sua voz grave começou a sair surpreendentemente melodiosa, cantando uma belíssima canção italiana enquanto seu braço estendeu o buquê para frente a fim de oferecer para o amado.


Deathmask só não esperava que sua apresentação seria cortada tão abruptamente com um grito histérico e choroso de uma mulher que estava no elevador, bem de frente para ele e totalmente eufórica, se lançando nos braços dele como se fosse a sua grande oportunidade de conseguir um homem, já que claramente era uma daquelas “tias” solteironas que morava naquele andar. O italiano praguejou no mesmo instante, sufocado com o peso da mulher e os músicos não sabiam o que fazer: continuar tocando ou ajudar? Por cima do ombro dela, Deathmask finalmente visualizou Aphrodite que estava embasbacado dentro do elevador enquanto encarava aquela cena. Havia subido junto com a mulher e gentilmente deu passagem para que ela saísse primeiro, mas nunca esperou que algo assim ocorresse.


— Saia de cima de mim!! — Deathmask teve que jogar o buquê na cara dela para conseguir sua liberdade, cambaleando até o elevador e conseguiu entrar antes que as portas metálicas se fechassem de novo — Bello, isso é... Eu explico... — ainda estava buscando o fôlego quando foi interrompido pelo riso frouxo do sueco, erguendo uma sobrancelha — O que é?


— Bem... Definitivamente não estava esperando uma recepção dessas. — não conseguia aguentar, foi muito divertido ver seu namorado repentinamente com uma surpresa daquelas e, mais ainda, sendo completamente esmagado pela senhora — Não sei quem perdeu mais o fôlego: você ou ela!


— Era só o que me faltava... — começou a resmungar como costumava fazer, arrancando de vez a gravata que só estava lhe atrapalhando — Essa maluca estragou todo o meu plano...


— E que plano era esse afinal? O que você queria com músicos, flores e essa roupa bem no andar do meu prédio? — não deixava de estar curioso, apesar de não conseguir parar de rir.


— O que você acha? — apesar de estar frustrado por sua atuação romântica não ter dado certo, não iria desistir e se ajoelhou novamente enquanto pegava uma caixinha de veludo no bolso da calça — Por mais que tenhamos nossas diferenças, você sabe que não consigo ficar sem você... Você me fez um homem melhor e não sei quantas vezes irei lhe agradecer por isso. Sendo assim, não gostaria de passar o resto dos seus dias ao lado deste italiano? — ao abrir a caixa, um par de alianças pode ser visto — Io ti voglio tanto bene... (Eu te amo tanto...)


Aphrodite parou de rir de imediato, arregalando os olhos enquanto encarava as alianças e depois o rosto de Deathmask, que carregava uma expressão séria e decidida. Em seguida, os olhos do sueco se encheram de lágrimas e um sorriso floriu em seu rosto, sentindo as pernas fraquejarem enquanto se lançava para os braços do namorado. Dessa vez, o italiano pode segurar a verdadeira pessoa amada e beijá-lo com ternura assim que ouviu a resposta positiva ser sussurrada em seu ouvido, embargada pelo choro de alegria do sueco. Seu plano romântico poderia não ter dado certo, mas o importante era o resultado... Finalmente poderia levar Aphrodite para o altar!

30 de Junho de 2019 às 19:15 0 Denunciar Insira 2
Fim

Conheça o autor

Urutake Hime Uma garota que escreve desde 2009, com diversas temáticas e fandom diferentes. Nyah: https://fanfiction.com.br/u/30892/ Spirit: https://www.spiritfanfiction.com/perfil/urutake-hime Wattpad: https://www.wattpad.com/user/Urutake-Hime

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~