O Colecionador Seguir história

a
andre correia


História de um homem e seu chapéu


Conto Impróprio para crianças menores de 13 anos.

#mistério #suspense
Conto
0
4408 VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

O Colecionador

Era uma noite clara, com o céu aberto sem nenhum rastro de nuvem. Wastley estava andando pelas ruas vazias de seu distrito quando se deu conta da hora e se apressou para o abrigo. No caminho, quando estava a um quarteirão de distância de seu destino, um homem vestindo uma manta preta com um chapéu de tecido bege,escuro e antigo se aproxima. Ele pergunta o porque da pressa do garoto e se ele era morador de rua, algo que ele julgou pelas vestimentas do menino. Wastley, inocentemente, respondeu que se ele chegasse atrasado o abrigo não o permitiria entrar, assim juntamente explicando que era órfão. O homem ao ouvir isso mostrou uma expressão de curiosidade e disse para o menino que ele pagaria uma refeição para ele, julgando que ele estaria faminto. O garoto, por ser novo e não ter tido conselhos em sua vida, concorda e diz que vai ao abrigo para ao menos poder tomar banho. Lá ele fala sobre esse homem com seu amigo, Richard, este que sente um pouco de inveja por não ter ganho tal refeição. Wastley cita a aparencia do homem e seu chapéu estranho, algo que também chama a atenção de Richard, e sai para comer. No dia seguinte, Richard passou a tarde inteira no abrigo esperando a volta de seu amigo, este que noite passada não havia voltado pois havia passado do horário do abrigo de ficar aberto. Richard tinha assumido que o homem teria oferecido algum lugar para ele ficar durante a noite. Na noite do dia presente, impaciente, Richard sai a procura de Wastley e se encontra com um homem que batia com a descrição dada por Wastley, exeto pelo chapéu, que aparentava mais novo do que Richard teria descrito, esse tendo um tom de bege mais claro e uma aparencia mais nova, exeto por uma pequena mancha avermelhada no tecido. Richard o questiona e o homem o oferece também uma refeição, dizendo que eventualmente iria leva-lo para onde seu amigo estava.

20 de Novembro de 2018 às 05:35 0 Denunciar Insira 1
Fim

Conheça o autor

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~