Because Of You Seguir história

biav19 Beatriz Viana

Sakura é uma Médica incrível e carinhosa com todos, principalmente com sua irmã mais velha Karin que após roubar o líder da maior gangue de Tokyo, foge voltando para casa da irmã. Momentos depois a rosada se encontra em um beco sem saída, onde três homens invadem sua casa a chamando, por razões desconhecidas, pelo nome de sua irmã que havia fugido deixando a rosada ser levada em seu lugar. A cada dia que se passava a mulher se encontrava um passo da loucura tentando a todo custo mostrar que não é Karin e sim sua irmã mais nova. ... Como será que Sasuke reagirá ao perceber que pegaram a pessoa errada, e que ao conhecê-la melhor se ver completamente apaixonado.


Fanfiction Anime/Mangá Para maiores de 18 apenas.

#Naruto #SasuSaku #Kakashi #Lutas #ItaIzu #Marfias #Mortes
10
6611 VISUALIZAÇÕES
Em progresso - Novo capítulo Todos os Sábados
tempo de leitura
AA Compartilhar

Prologo

- Aquela vadia! – gritou o moreno lançando uma cadeira na parede, estava puto e ninguém o pararia. - Vou retalha-la, arrancar cada unha, cada dente até ela mesma peça para morrer!

- O que faremos agora Sasuke? – perguntou o loiro fitando o ataque de fúria do amigo.

- Vão atrás dela, chame Neji, Gaara e Shikamaru, mande aquele preguiçoso encontra-la agora. Nem que Karin esteja no inferno quero que a tragam de volta e dessa vez ela vai saber direitinho o que acontece com traidores.

Diz socando a parede vendo o amigo sair animado dali, não era segredo que o loiro odiava aquela mulher.

Fitou os arquivos novamente e rosnou, ela havia roubado sua pesquisa e transferido um milhão de sua conta, tudo isso por que deu uma pequena liberdade, uma foda que se quer o satisfez. Olhou então a foto da mulher em cima de sua mesa e viu como um demônio era realmente, cabelos cor de rosa e olhos verdes.

- Vai se arrepender vadia!

oOo

Saiu do elevador e andou calmamente até seu apartamento, o dia foi agitado no hospital e precisava de um bom banho. Estranhou as luzes acesas e se preparou para correr de volta ao corredor quando viu a irmã aparecer em seu campo de visão.

- Karin.. Meu deus você me assustou! Como, quando voltou? Por que está... rosa?

Sorriu se aproximando da irmã que revirou os olhos antes de receber um abraço. Fazia um ano que estava trabalhando longe e se quer dava noticias, apenas ligações rápidas e mensagens curtas.

-Acabei de chegar. Estava com... saudades. – Diz se afastando recebendo um olhar interrogativo da mais nova. – Bom... Achei que também ficaria bonita com o cabelo cor de rosa, mas depois de um tempo estava me dando agonia.

- Está diferente, mas eu gostei. Parecemos gêmeas agora.

- É, gêmeas... Bom, como você vê eu estou viva e lotada de trabalho, vim apenas pegar algumas coisas, arrumar esse cabelo para viajar daqui a pouco.

- Mas você acabou de chegar e não nos vemos a anos. Deixe pelo menos preparar algo para comermos e você me contar como foi morar no fim do mundo.

- Não é o fim do mundo, a cidade fica em Nagoia e eu quase nem sai muito enfurnada naquele laboratório. Porém, tudo no final foi gratificante, me destaquei e consegui uma amostra do soro, fora um dinheiro para começar minha pesquisa sozinha. – diz vendo a irmã parabeniza-la.

A mais nova anda até seu quarto falando algumas coisas que se quer deu o trabalho de entender e fitou o celular rapidamente, tinha que pegar logo suas coisas e cai fora daquele lugar.

Viu que sua irmã se calou e rapidamente foi para o banheiro da um jeito naquele cabelo, odiava rosa, estava com saudades da cor ruiva dos seus fios mas até crescerem novamente pintaria de uma cor muito parecida. Assim que saiu deu de cara com sua irmã que a elogiou dizendo que prepararia algo rápido para comerem e revirou os olhos se irritando com tanto carinho. Olhou-se no espelho novamente e sorriu, havia aparado as pontas e raspado a lateral do lado esquerdo, agora sim se sentia ela mesma.

- ... Então eles me comunicaram e eu tive que opera-lo. Foi incrível!

- Sakura, sabe que não gosto de suas historias de médico, esse negocio de cortar a pele, osso e costurar me da nos nervos. – Diz lembrando-se de algo que a fez paralisar, do dia em que entrou na ala proibida da casa; o homem amarrado sangrando por varias partes do corpo, sem os dedos das mãos e a língua a fez estremecer. Não conseguia se imaginar naquele lugar, morrendo, então fugia o mais rápido possível.

- Desculpe, acho que me empolguei. Sabe estava pensando em alugar seu quarto, se quer fica aqui, eu só não alugo por que sei que não tem uma casa. Sabe que se você quiser eu posso financiar uma e te ajudar a pagar.

- Não precisa e você não vai mais se preocupar Saky, se tudo der certo eu vou ganhar milhões com minha pesquisa.

- Kami lhe abençoe. – fala apressando ao máximo o preparo do jantar.

- Sabe eu vou terminar de arrumar minhas coisas, terei tempo apenas para comer e ir embora.

- Ta bom.

Alguns minutos se passaram e assim que Sakura viu tudo pronto sorriu indo ao quarto da irmã, porém a campainha toca a fazendo mudar o percurso para abrir a porta.

Fitou os três homens parados conversando entre si e se afastou do olho mágico franzindo o cenho. Deveria ser algum conhecido da irmã.

- Karin eu acho que é pra você. – diz ouvindo logo em seguida um barulho alto no quarto da irmã, porém a mesma sempre fora muito barulhenta então tratou rapidamente de abrir a porta sorrindo para os três.

- Pois não?

- Então é aqui que você se esconde, nada mal. – diz o loiro fazendo a mulher franzir o cenho sem entender.

- Desculpe, eu acho que você errou o numero do apartamento. – diz fechando a porta porém a mesma é empurrada com força.

- Tá gozando com a minha cara vadia! – gritou Gaara acertando um tapa no rosto da rosada que cai no chão dando um grito fino.

- N-Não, por favor...

Pediu colocando a mão na frente do corpo e se afastando do loiro a sua frente vendo os outros dois andarem pela casa revirando suas coisas.

- Esse quarto está trancado Neji. – diz o ruivo tentando abrir a porta e Sakura logo o reconheceu, era o quarto de sua irmã.

- É ali que escondeu o que roubou sua puta! – fala Naruto indo para cima da mulher que grita ao sentir o braço ser puxado com tanta força ao ponto de deslocar antes de ser arrastada pelo cabelo até a porta do quarto, já não conseguia segurar as lagrimas e pedia o tempo todo para não fazerem nada de mal com ela, rezando para que a irmã tivesse dado conta do que estava acontecendo e chamado a policia.

- O que tem nesse quarto? – perguntou Gaara percebendo ter um armário atrás da porta.

- E-Eu... – murmurou grunhido logo em seguia, parecia que arrancaria seu coro cabeludo.

Karin ouviu a irmã e sorriu, eles havia chegado mais cedo do que planejava, mas ainda assim tudo daria certo. Olhou para baixo vendo o quão alto era o prédio. Ouviu mais um grito de Sakura e até mesmo seu nome ser citado, eles não descobririam tão cedo e quando acontecesse estaria longe.

- Pode vir. – escutou a voz vinda da varanda e então saiu pela janela se apoiando no parapeito antes de se colocar praticamente pendurada no décimo andar, fitou o homem aparecer no quarto abaixo e sorriu sabendo que ele a pegaria, então se soltou sentindo mãos firmes a segurarem antes de passar direto sentido o chão.

- Conseguimos.

- Sim. Tenho pena daquela rosada. – diz sorrindo de lado e a ruiva gargalha entrando no apartamento.

- Sempre odiei rosa. – diz fitando sua pequena mala na sala, havia conseguido manda-la pela varanda minutos atrás, olhou o outro homem no local e sorri saindo do apartamento com os dois logo atrás.

[...]

- Não tem nada aqui. – diz Neji sentindo a cabeça latejar, estava ficando sem paciência.

- Acho que você perdeu completamente o juízo Karin.

Diz o loiro fitando a rosada encolhida no chão chorando.

- E-Eu não sou a Karin. – diz pela quinta vez e escuta o moreno rosnar antes de chutar seu rosto e cair desmaiada no chão.

- Vamos ver até quando ela continua se fazendo de sonsa. Ou vai precisar perder algum membro para isso. – diz o ruivo vendo o loiro gargalhar assentindo.

Continua...

22 de Março de 2018 às 01:40 0 Denunciar Insira 1
Leia o próximo capítulo Bem vinda

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 13 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!

Histórias relacionadas