Still loving you Seguir história

SraPeroka Sra Peroka

E se eu tomasse a decisão de lutar contra o sentimento que tanto me fez mal, e se eu talvez, por ventura, não quisesse mais amo-lo mais do que eu sou capaz de suportar? Música - Still loving you - Scorpions


Fanfiction Para maiores de 18 apenas.

#songfic #oneshot #shoujo #romance #narusaku #naruto #sasusaku
Conto
3
6317 VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

I need your love


" Love! Only love! Can bring back your love someday
" ( amor, apenas o amor! Conseguira trazer seu amor de volta um dia ) ouvia no volume mais alto possível a música que definitivamente era o que eu mais sinto desde o momento em que coloquei os olhos nela.

A aula era vaga, e meus pensamentos vagueiam nos seus olhos verdes.

Durante toda minha vida eu sentia o reluzente brilho dele sobre mim a todo momento, como se me protegenssem de algo... Porém algo mudou depois da última férias de verão, seu olhar não brilhava da mesma forma quando eles me encaravam.

" Figth, baby, I'll fight to win back tour love again... " ( lute, baby eu vou lutar para ganhar seu amor de volta novamente ) olho para ela que atentamente lia um livro, com seus cabelos compridos cobrindo metade de seu rosto, com os óculos da ponta do nariz ela torna mais difícil deixar de encara-la.

" If we'd go again all the way from the start... I will try to change " ( se nós percorrermos novamente todo o caminho, desde o inicio... Eu tentaria mudar ) ela olha de canto até onde Naruto está e sorri, quebrando ainda mais o que eu solidifiquei por dentro, porque era dessa mesma forma que ela sorria para mim quando eu a pegava me encarando escondida, seja nas aulas ou nos intervalos, Sakura sempre tinha seus olhos para mim.

" Me desculpe Sasuke - Kun... Mas eu amo outro agora ... " no ultimo dia de aula eu resolvi encarar todos os meus medos e dizer a ela como eu me sinto desde sempre, mas foi tarde demais " eu te amei por longos anos, mas isso não foi o suficiente para você, não aguento mais ser humilhada por você e sua turma, você seguiu por um caminho do qual eu não posso mais te seguir... Eu estou pegando meu coração de volta, e mesmo ele estando completamente costurado, por todas as vezes que você brincou comigo somente para enaltecer esse seu ego tão fragilizado, eu sei que ele irá cuidar muito bem do coração que um dia só tinha espaço para você " nesse dia ela me deu as costas, e não chorou como sempre fazia.

E nesse dia eu vi o quão perdidamente apaixonada eu estava pela garota nerd, se óculos vermelhos e cabelo cor de rosa.

Com seus 12 anos, Sakura havia fundado seu fã-clube em minha homenagem, e hoje com 17 anos ela me deu adeus, foram mais de 5 anos acostumado com toda aquela afeição que ela me dava sem nunca pedir nada em troca.

" Eu espero que você encontre um pessoa que te conheça tão bem quanto eu te conheço " ao horizonte ela grita antes de deixar a escola e ir aproveitar suas férias.

- Sakura-Chan, vamos fazer algo hoje ? - Naruto se senta a sua frente e apóia sua cabeça na mesa dela - minha mãe está louca para te ver novamente.

- Naruto, eu a vi ontem e a vejo desde os meus 5 anos - ela sorri fechando o livro - vamos comer algo depois da escola, as provas já acabaram de qualquer forma, e temos que aproveitar enquanto não precisamos estudar para o vestibular.

" Try.. Baby try to trust in my love again " ( tente, baby tente confiar no meu amor novamente ) olho atentamente a conversa dos dois, enquanto cada frase da música se crava em meu peito.

Naruto é meu melhor amigo, e desde que nos conhecemos ele sempre, sempre, sempre foi absolutamente perdidamente apaixonado pela Sakura.

Nós três crescemos juntos, vivemos juntos, e ano que vem, vamos morar juntos. E por mais que ver os dois assim, eu não nunca irei intervir no que está florescendo alí.

Eu fui egoísta.

Eu fui mesquinho.

Eu fui egocêntrico.

Eu fui o maior filho da puta da vida dela.

E por isso, mesmo que minhas pupilas se dilatem ao ve-la chegar, passar por mim, e se sentar ao meu lado, como sempre fez, o certo é deixa-los serem felizes.

- Pode ser - Naruto roça seu nariz no dela e ela sorri com os olhos fechados - venha com a gente Sasuke, você não está mais saindo com a gente, anda muito calado, mais do que o normal na verdade. E o pior, não fala o que está acontecendo - com sua típica careta ele me imita o que me faz rir.

- Hoje realmente não dá, é aniversário da minha mãe lembra ? Nós vamos visitar um parente distante - Sakura me encara séria - deixa para a próxima, sim?

- Tudo bem - ele volta a dar atenção a Sakura que não tirava os olhos de mim.

" Merda pare de me olhar assim ? " engulo a saliva em excesso e volto a colocar os fones no meu ouvido.

Naruto de levanta e se junta a Lee, Gaara e Neji no canto da sala.

Sakura bate em meus headfone o derrubando em meus ombros - Sasuke-Kun - olho para o lado e vejo Sakura me chamar - está tudo bem ?

- Sim - ameaço colocar meu headfone mas ela segura minha mão.

- Eu sei que o aniversário da dona Mikoto é somente daqui dois meses, não faça isso com ele - olho para Naruto que gargalhava enquanto imitava ridiculamente o nosso professor de educação física, o senhor Guy - e principalmente, não faça isso comigo.

- Eu não estou fazendo nada Sakura - seguro em seu pulso e sinto seu coração bater acelerado.

- Está me fazendo escolher entre você e ele, e coloque uma coisa na sua cabeça Sasuke, antes eu te colocaria num malditp pedestal e louvaria ao seu nome, mas hoje e daqui em diante eu escolhe ele, sempre será ele - ela se levanta irritada e deixa a sala.

- Sakura aonde vai ? - Ino a chama mas nem mesmo assim ela retorna.

Naruto percebe que algo não está certo e caminha em minha direção, mas antes dele se aproximar, sem pensar eu corro atras dela, deixando Naruto para trás, vôo pelos corredores na escola porem não a acho em canto algum, é como se ela fosse um rato que entra no primeiro buraco para o gato não conseguir pega-lo.

Olho pela janela que dá a visão do jardim lateral e a vejo sentada no banco aonde ela se declarou para mim pela primeira vez, e aonde eu me declarei para ela depois dela ter ouvido " não " várias vezes da boca que naquele dia disse que gostava dela.

" Yes, I've hurt your pride, and I know what you've been through " ( sim, eu feri seu orgulho e eu sei pelo o que vem sofrendo ) salto pela janela e paro em frente a ela que se assusta com minha repentina aparição.

- Sakura eu .. - ela se coloca de pé com sua cabeça baixa e seu pequeno corpo trêmulo.

- Não vamos fazer uma cena, até mesmo porque já está decidido Sasuke - suas grandes esmeraldas se erguem lentamente para mim - Naruto gosta demais de você, e eu não quero ser aquela que fica entre vocês dois, porque eu sei o quanto essa amizade significa para vocês. Eu sei bem mais do que isso, sei do que você tem medo, sei qual sua comida, cor, lugar, filme, música, série favorita, sei que você acha que gosta de mim porque está sentindo falta do seu cãozinho que sempre trazia de volta o osso que você jogava com muito orgulho.

- Não é isso - digo e seguro em seus ombros.

- Não, não é - ela bate em meus braços e me empurra batendo em meu peito - você pode fazer o que quiser comigo, mas eu não permitirei que magoe Naruto, não ele.

- Sakura - seguro em sua mão - eu ainda te amo - seu lábio trepida na tentiva falha de segurar as lágrimas - isso... - coloco a mão em meu peito.

- Eu também - um certo alivio toma conta do meu interior ao ouvi-la dizer essa frase - mas eu me amo muito mais, e estar com você não é bom para mim, eu te amo tanto que seria capaz de fazer loucuras em seu nome, isso não é saudável, o que eu sinto pelo Naruto é, então por favor - ela se afasta - esqueça isso da mesma forma que eu fiz.

- Sakura ? - Naruto olha para nós dois e se aproxima dela a puxando para sí - o que você fez com ela Sasuke ?

- Não foi nada Naruto, vamos embora, sim ? - ela pede manhosa.

Todos na escola, inclusive Naruto, sabem dos sentimentos de Sakura por mim, o que faz com que ele fique mais ainda na defensiva quando o assunto sou eu e ela.

- Ela... Me pegou na mentira, o aniversário da minha mãe não é amanhã, aí sabe como ela é... Sentimental demais, ela acha que isso pode derrubar a nossa amizade - Sakura olha para mim e se aninha nos braços dele.

- É isso mesmo ? - ele pergunta e ela concorda ao balançar a cabeça - não se preocupe Sakura, mesmo que a gente quase se mate de tanto se bater, a nossa amizade não irá acabar - ele sorri e beija sua testa - para de importunar minha namorada, Uchiha - ele olha sério para mim.

- Passo longe se possível - finjo meu melhor sorriso e os dois vão embora.

" Naruto gosta demais de você, e eu não quero ser aquela que fica entre vocês dois " penso em suas palavras e me sento no banco.

" Eu te amo Sasuke-Kun, mais do que sou capaz de suportar " lembro do que ela me disse naquele dia.

Porque eu dei risada dela ao invés de dizer o que eu realmente sentia ?

Porque eu fugi a humilhando mais uma vez, espalhando boatos bobos sobre ela me amar ?

Porque é tão difícil assim ?

No mesmo banco aonde tudo começou, olho para cima e vejo as flores da árvore de cerejeira balançar com o vento e isso me remete aos seus cabelos. Uma pétala cai sobre meus labios - esse será nosso único beijo... Garota do cabelo rosa....

§

19 de Março de 2018 às 12:32 1 Denunciar Insira 1
Fim

Conheça o autor

Sra Peroka Eu posso ser aquilo que você sempre sonhou, da mesma forma que posso ser a razão do seu pior pesadelo.

Comentar algo

Publique!
Karimy Karimy
É, tem gente que perde por medo, egoísmo e medo de tentar. Às vezes fico me perguntando qual a desculpa que uma pessoa assim dá a si mesma depois de perceber que fez uma grande merda com a vida dela! Hehe, quando vi essa história, meu lado Narusaku despertou. Um casal que passei a amar muito depois de um tempo, na verdade nem sei bem o motivo porque antes a ideia me repudiava, mas... bem, as coisas mudam! rsrsrs Gostei muito da one, espero ver mais assim! ;) Bjs! :*
2 de Junho de 2018 às 12:03
~