Hate Me (Parte Um) Seguir história

euvoceealua Diego Souza

Hate me, break me Let me feel as hurt as you Push me, crush me But promise me you'll never let us go (Me odeie, me quebre Deixe-me sentir tão machucado quanto você Empurre-me, esmague-me Mas me prometa que nunca vai nos deixar ir)


Fanfiction Para maiores de 18 apenas. © Todos os direitos reservados!

##Ichigrimm ##Grimmichi ##Lysfics
Conto
2
6540 VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

Capítulo Único


He says: Save me, save me
She says: Maybe, maybe
She starts to turn away when he says

(Ele diz: Salve-me, salve-me
Ela diz: Talvez, talvez
Ela começa a se afastar quando ele diz)


Você nunca soube. Também nunca entendeu o porque de eu ter deixado você viver. Eu não quis, relutei o quanto pude, não queria matar você, por mais que você tenha tentado me matar. Eu tentei te avisar. Tentei explicar para você o que sentia, através de conversa e também com nossas espadas. E você me ouviu, sei que sim. Mais preferiu me ignorar. Ignorar oque nós dois sentíamos, sei que também sentia. Eu via pela sua forma de falar, de agir e até mesmo pelos seus olhares. Não havia mascaras quando estavamos sós, você não era o Arrancar, Sexto Espada Grimmjow Jaegerjaquez, e eu não era O Substituto Shinigami Ichigo Kurosaki. Não existia o mais forte ou o melhor. Eramos iguais na cama.

Hate me, break me
Let me feel as hurt as you
Push me, crush me
But promise me you'll never let us go

(Me odeie, me quebre
Deixe-me sentir tão machucado quanto você
Empurre-me, esmague-me
Mas me prometa que nunca vai nos deixar ir)


Eu não te dei um golpe mortal naquele dia, pensei que você entenderia que você deveria fugir, fingir de morto ou qualquer outra coisa, mais você tinha sentindo o Nnoitra não é mesmo? Você sempre foi orgulhoso de mais para simplesmente largar o campo de batalha, principalmente na frente de alguém como Nnoitra. Então ele te atacou, você foi jogado longo como um boneco qualquer, eu sabia que estava vivo, eu ainda sentia você. Eu me foquei na luta, enquanto ele me surrava, achei você apareceria e faria o mesmo que tinha feito com Ulquiorra, que diria que eu era sua presa ou qualquer coisa idiota apenas para me salvar. Mais você não veio, por que Grimmjow você não vei me salvar? Desculpa não poder ir te procurar mais ele estava querendo me matar, desculpa por ser um inútil e não ir te salvar. A Nelliel me salvou, não você. Mais você não deveria me deixar ir.

Hate me, break me
Then save me, save me
Push me, crush me
Then save me, save me

(Me odeie, me quebre
Então me salve, me salve
Me empurre, me esmague
Então me salve, me salve)


E mesmo me deixando para morrer, eu não consegui de você, e isso é horrível, você é horrível. Me abandonou, seguiu andando, como se eu não fosse nada. Como se não tivéssemos uma promessa.

She stops walking, walking
He stops falling, falling
He looks her in the eyes and he says

(Ela para de andar, andar
Ele para de cair, cair
Ele a olha nos olhos e diz)


Então em meio a batalha eu lembrei de você e me peguei perguntando: Como fui tão idiota? Você um Hollow, um ser sem coração, como uma coisa igual a você poderia amar? Fui apenas uma brincadeira? Um mode de te tirar do tédio? Uma experiencia de transar com um Shinigami?

Hate me, break me
Let me feel as hurt as you
Push me, crush me
But promise me you'll never let us go

(Me odeie, me quebre
Deixe-me sentir tão machucado quanto você
Empurre-me, me esmague
mas me prometa que nunca vai nos deixar ir)


Amei você a ponto de me doar todo, você só me quebrou e foi embora. E nossa promessa? Eu me lembrei daquele dia, da nossa conversar. Da nossa promessa em meio a lagrimas.

Hate me, break me
Then save me, save me
Push me, crush me
Then save me, save me

(Me odeie, me quebre
Deixe-me sentir tão machucado quanto você
Empurre-me, me esmague)


- Ichigo... Se você pudesse mudar algo... o que mudaria? - O azulado pergunto do nada. Estavam apenas relaxando na cama se recuperando depois de algumas rodadas de sexo. Grimmjow sentado em cima de Ichigo, até porque logo que acabaram ficaram naquela posição mesmo, para se recuperarem.

- Por que isso do nada? - Perguntou de volta ainda fazendo carinhos nos cabelos úmidos do maior.

- Apenas responda.

O alaranjado parou para pensar. Tinha muitas coisas que gostaria de mudar, coisas como a morte da sua mãe, Aizen de conseguir o Hougyoku, que não existissem Shinigami ou Hollow.

- Só posso escolher uma coisa? - Perguntou para o azulado que lhe encava com curiosidade, antes de receber um sinal positivo. - Mudaria o fato de sermos inimigos. - Respondeu.

Hate me, break me
Then save me, save me
Push me, crush me
Then save me, save me

(Me odeie, me quebre
Deixe-me sentir tão machucado quanto você
Empurre-me, me esmague)

- Você não iria trazer sua mãe de volta? - Perguntou achando idiotice do outro gastar um desejo consigo enquanto havias outras coisas mais importantes.

- Se eu trouce-se minha mãe de volta eu não poderia estar aqui com você hoje, entende? - Olhou nos olhos azuis que parecia estar sempre desafiando sua sanidade.

- Você desperdiçaria um desejo apenas para estar comigo? - O sorriso debochado se formou nos lábios de Grimmjow ao ouvir aquela resposta, o ruivo estava mais apaixonado do que ele acho que estaria.

Ichigo revirou os olhos e se ajeitou na cama,ficando deitado, ainda com Grimmjow em cima dele.

- Eu não acho que sera um desperdicio, até porque o desejo seria meu e eu faria o que quisesse com ele, até mesmo dar para outra pessoa. Além disso tem a Rukia, Renji e varios outros que são meus amigos agora por causa do plano de Aizen. E você o que pediria?

He says: Save me, save me
She says: Maybe, maybe

(Ele diz: Salve-me, salve-me
Ela diz: Talvez, talvez)


- Você é muito bonzinho morango. - Grimmjow sempre o zoava por causa de seu nome, com um movimento do quadril para cima, ele mexeu seu membro que ainda estava dentro do outro. - Ahhn... - Grimmjow ficou envergonhado ao ver que Ichigo o estava o castigando por zoar o nome dele.

- Vamos diga-me, se você pudesse mudar alguma coisa, o que você faria, gato? - Se tinha algo que Grimmjow odiava era ser chamado de gato, era humilhação quando ele era um claramente tigre. Rei Tigre.

- Mudaria o fato de não ter coração. - Respondeu ignorando a tentativa de Ichigo de o fazer ficar com raiva.

Aquela resposta tinha o pegado de surpresa. Não esperava aquele tipo de resposta. Era quase um pedido para poder sentir algo sentimental.

- Por que? - Se viu perguntando ao maior, que parecia ainda mais poderoso sobre seu colo, como um rei em seu trono. O rei que ele era, pelo menos para Ichigo.

- Eu estou sempre pensando, como é sentir medo, amor, felicidade ou até mesmo tristeza. Tudo que eu sinto é pouco comparado ao que eu sentiria caso tivesse coração. - Explica Grimmjow com uma expressão seria.

- Você sente não sente?! - Grimmjow não entendeu de primeira mais acenou, confirmando. - Sempre que estamos juntos você ri, se envergonha quando eu digo coisas pervertidas para você e até tem medo de verem você sendo fodido por mim. - Grimmjow foi pego em total surpresa pela aquela afirmação, mesmo que ele já tenha notado ele não esperava que Ichigo jogasse em sua cara, pelo menos foi capaz de ignorar aquelas safadezas que saiam da boca dele. - Você até mesmo fica surpreso Grimmjow Jaegerjaquez, então para mim você tem sentimentos, coração é apenas um órgão.

He says:

(Ele diz:)


Aquilo havia se surpreendido não só com as afirmações, como com a lerdeza natural de Ichigo o ter feito notar os acontecimentos. Foi quando lagrimas vieram ao seus olhos. Era estranhos. Molhado e embaçava suas vistas. Mais aquele sentimento que aquecia seu corpo era uma mistura boa e ruim. Provavelmente tristeza e alegria. Esconde o rosto com as mãos.

- Cala a boca pervertido idiota. - Diz tentando não mostrar o quanto estava fraco.

- Você é tão lindo, tão lindo Grimmjow, então eu vou prometer está bem?! - Ichigo inicia. - Enquanto eu estiver vivo e vir me procurar eu vou sempre arrancar de você um sentimento, mesmo na base da porrada.

- Por que vai tão longe por mim Kurosaki? Por que? Eu sou sei inimigo.- Grita com raiva tentando se levantar.

Hate me, break me
Let me feel as hurt as you
Push me, crush me
But promise me you'll never let us go

(Me odeie, me quebre
Deixe-me sentir tão machucado quanto você
Empurre-me, me esmague
mas me prometa que nunca vai nos deixar ir)


Ichigo rapidamente o deita na cama, segurando seus braços contra a cama, ao lado de seu rosto choroso.

- Você sabe porque Grimmjow. Mas se quiser que eu fale eu falo. - Afirma ele. - Amo você! E para mim não precisa de porque, o coraão que o que ele quer. E eu sempre segui meu coração apesar de tudo. É por isso que estamos aqui agora. Você também tem seguido seu coração Grimmjow, mesmo que não admita. - Afirma novamente. - Então temos uma promessa?

Grimmjow ri um pouco. E abre os olhos apenas para ver o adolescente acima dele com uma face seria.

- Sim, eu prometo. - Disse fechendo os olhos novamente, suas lagrimas não tinham fim e mesmo que não tenha respondido a declaração, para Ichigo aquilo era o suficiente.

Hate me, break me
Let me feel as hurt as you
Push me, crush me
But promise me you'll never let us go

(Me odeie, me quebre
Deixe-me sentir tão machucado quanto você
Empurre-me, me esmague
mas me prometa que nunca vai nos deixar ir)

- Espero que tenha se divertido o suficiente, derrotei Ulquiorra assim como Aizen. Não a lugar para você mais. E é ridiculo pois nem eu acredito nisso, pois eu sei que você está no meu coração. E eu queria que você tivesse me salvado naquela hora. E agora eu que estou aqui chorando na mesma que fizemos amor, pelo menos para mim foi amor. E para você? - Diz Ichigo alto, enquanto lagrimas escorrem pelo seu rosto. - Estou perdendo meu poder e talvez eu nunca seja mais capaz de ver você novamente. Então por favor, você não me salvou antes, então me salva agora! Salve-me! - Ele diz.

- Talvez. - Ele diz.

Aquela voz. A voz profunda e perigosa. Era ele. Grimmjow Jaegerjaquez. Odiava o tanto, por fazer ama-lo.

Never let us go

(Nunca nos deixe ir)

6 de Março de 2018 às 00:03 0 Denunciar Insira 0
Fim

Conheça o autor

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~