jogadora Sarah De Jesus

Apenas uma simples senhorita que se apaixona pelo filho mais novo de 25 anos da chefe. Mas, talvez seja só um romance de outono. Ou seja algo para a vida toda.


Romance Todo o público.
1
95 VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

Capítulo 1

Cursar direito 5 anos para vir trabalhar em um pet shop. Nada de errado nisso, mas eu queria mesmo era sair dessa empresa. Ir trabalhar em audiências, resolver conflitos, mas não acho emprego. A dona da empresa, a Stella, é divorciada do Noah um dos homens mais bem sucedidos do país, e ainda nos paga só um salário mínimo, oque contribui para minha vontade de sair daqui.

E a propósito eu sou Luíza. Uma simples Senhorita que trabalha na recepção do pet shop. Já vi tanta gente passar por aqui, mas nenhuma me tratou tão bem quanto o filho mais novo da Stella, o Harry. Ela trouxe ele e o irmão mais velho dele o Henrique para aprenderem como se administra uma empresa. Mas o Harry me tratou tão bem, mas tão bem, que a mãe dele mandou-o me deixar quieta e ir atrás dela.

Ele é tão gente boa. Pra ser sincera, ninguém mesmo nunca me tratou assim. E além disso tudo ele é.....Bonito. Pronto, falei.

Ele já foi embora. Mas a mãe dele não gostou nada dele ficar conversando comigo.

(....)

No outro dia, acordei com uma ligação da Giovanna minha amiga, me ligando para perguntar se eu não iria mais.

—É claro que eu vou gi. Pera mais um pouco aí .— Falei sem mesmo ter acordado direito.

—Eu só tô te ligando porque teremos uma reunião hoje ás 10:00, e já é quase 09:00.

—Oque?— Gritei agoniada.

—Já é quase 09:00. Seu horário de chegada é ás 09:00, lembra?

—Ai, obrigada gi. Chego aí em 20 minutos.

Desliguei a ligação, e corri para o banheiro tomar um banho para me arrumar. Quando deu 09:00 em ponto, eu já estava na porta do pet shop. Foi quando a Giovanna me ligou.

—Luuuu, a chefe tá te procurando para confirmar a reunião.

—Eu já estou na porta. Tenta enrolar ela para mim conseguir entrar aí.

—Ai Lu. Tá bom.


Quando eu entrei no trabalho, Stella já estava vindo do final do corredor a minha procura. Foi o tempo de eu sentar na cadeira e ligar o computador.

—Luíza. Quem bom te ver aqui. Confirme a reunião ás 10:00.— Falava ela grossamente.

—Pra já senhora. Bom dia.— E fui eu escrever uma mensagem para todos que iam participar da reunião.

—Deixa que eu te ajudo com isso.—Dizia Harry.

—Não percebi que você estava aqui. Mas não irei recusar uma ajudinha.—Disse eu com um pouco de vergonha.

Resultado: ele me ensinou um truque que nem eu sabia que existia. Já na reunião, todos tinham aparecido menos Henrique. O filho mais velho de Stella. De tanto o povo se perguntar para onde ele foi, Stella falou que ele estava passando mal.

—Então, vamos iniciar a reunião?— Perguntou um dos gerentes que ela tinha na empresa aberta em São Paulo.

—Vamos. Todos sabem o motivo de estarmos aqui..—Foi quando Giovanna me interrompeu de ouvir a fala de Stella e começou falar:

—Luíza, o Harry tá olhando pra você.

—Sério?—Fiquei até vermelha. Mas quando virei meu rosto para ver, ele estava na verdade observando oque a mãe dele falava.

—Caiu na pegadinha.—Falava Giovanna para me irritar em tom de riso.

—Não teve graça Giovanna. Aposto que você gosta também do outro filho da Stella.

—Silêncio meninas. —Dizia Júlia.—O Harry tá tentando entender oque tá acontecendo aqui para vocês toda hora ficarem falando uma com outra.


31 de Maio de 2022 às 21:36 0 Denunciar Insira Seguir história
3
Leia o próximo capítulo Capítulo 2

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 17 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!