felivros Felipe Souza

Um gamer acaba discutindo com a namorada. Furiosa, a menina espera ele dormir e no dia seguinte, o garoto vai jogar e vê o seu teclado sem os botões. Rosana então promete que vai devolver tudo se Jardel der atenção pra ela. Cada vez que Jardel a fizesse feliz, Rosana lhe devolveria alguns botões. O problema era que Rosana tinha um lado doentio. (Terá somente doze capítulos)


Drama Para maiores de 18 apenas. © Todos os direitos reservados.

#Drama #Teclado
0
1.0mil VISUALIZAÇÕES
Em progresso - Novo capítulo None
tempo de leitura
AA Compartilhar

Prólogo

Apertava a letra W, a letra A, a letra S e a letra D, segurando o botão direito do mouse. Seus olhos estavam fissurados no monitor, vendo cada bala atingir o inimigo, o monstro deformado que gemia de dor. A partida estava frenética e o headset que utilizava isolava o som exterior, não conseguindo ouvir o que sua namorada estava dizendo.

Foi cutucado no ombro, quando olhou para o lado e viu a feição furiosa de sua namorada.

— Que foi, amor? — Ele ouviu de repente o gemido agonizante de seu personagem e voltou a olhar para o monitor, se sentindo triste ao ver "Você morreu!" na tela. — Bosta!

— Jardel, hoje é o aniversário de quem?

Quando Jardel se lembrou, não ousou em dizer nada, nem mesmo olhar para os olhos de mel dela, de Rosana.

— Adivinha de quem é o aniversário — mandou, em um tom rude.

— Da sua mãe — respondeu, em um tom retraído. — Eu...

— Não, não! — Ela apontou para o monitor. — Essa porcaria de jogo não é mais importante do que o nosso relacionamento! ... e você conseguiu esquecer o aniversário da minha mãe! Agora olha pra mim!

Jardel revirou os olhos, olhando para o rosto claro dela.

— Quando a gente começou a namorar?

Jardel meneou a cabeça, pendurando o headset no monitor, desligando o computador, se levantando da cadeira gamer e saindo do quarto, andando pelo corredor. Rosana foi atrás.

— Não adianta ficar bravo, não, tá? Só eu quem se esforça nesse relacionamento!

Por escutar isso, Jardel parou de andar e se virou para ela.

— A sua mãe nem gosta de mim, porra! Pra que eu vou querer me esforçar pra se lembrar do aniversário dela?

— Você acha que eu não sei, caralho!? Você acha que eu não sei que ela não gosta de você!? É por isso mesmo que era pra você ter lembrado do aniversário dela! Eu ainda disse: "mãe, o Jardel te considera, ele vai te dar um presente..."

Jardel sacudiu a cabeça.

— É sério que tu falou isso pra ela!?

— Falei! E daí? Eu não suporto mais a birra de vocês dois! Pelo amor de Deus!

Rosana fungou o nariz, colocando as mãos no rosto e murmurando:

— Meu Deus! O que que eu faço? — Ela retirou as mãos do rosto, olhando para o seu namorado, sentindo uma grande decepção. — Você ainda me ama?

Jardel acenou com a cabeça.

— Então é melhor se esforçar pra não me perder! Pode voltar a jogar! Você perdeu a partida, mas você pode começar de novo. Comigo não é a mesma coisa. — Suspirou, passando por ele. — Boa noite!

E ela se foi do corredor, da sala de estar, do quintal... Enfim, da casa.


1 de Março de 2022 às 23:35 4 Denunciar Insira Seguir história
3
Leia o próximo capítulo I - Saquinho

Comente algo

Publique!
Felipe Souza Felipe Souza
Haverá somente doze capítulos. "O Teclado" é só um teste para ver se alguém iria ler. Espero poder ter o apoio de vocês futuramente! ;)
March 09, 2022, 12:00
Felipe Souza Felipe Souza
Muito obrigado por quem acompanhou até aqui! ;)
March 03, 2022, 13:38

  • Felipe Souza Felipe Souza
    Agradecido! Acredito que uma história boa merece pelo menos um leitor que vá levar a obra por toda sua vida. É por isso que escrevo! :) 2 weeks ago
  • Sophia Loren Sophia Loren
    Disponha! É interessante sua história, não desistia por causa de visualizações e comentários. Faça por si mesmo e por gostar! Até mais! 2 weeks ago
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 7 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!