neodracht Thiago Silva

Após séculos desde a extinção da raça humana, surgem cinco seres primais que reconstroem toda a vida do planeta com criaturas fantásticas. A árvore de fremgang é a maior fonte de poder do planeta, ela criou os seres primais e ela é quem protege a terra sagrada de criaturas impuras. Um dia, um dos seres primais descem até a terra e alerta sobre a morte da árvore mística, porém, ele também designa uma jovem elfa para encontrar os companheiros dignos para ajudá-la a achar a última folha sobrevivente da árvore. Com essa folha, a árvore poderá ser revivia e trazer paz para aonde só há caos.


Fantasia Épico Impróprio para crianças menores de 13 anos.

#["","Fantasia"," Mitologia"," Aventura"]
2
2.1mil VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

O deus de crina oceanica

A muitos seculos atrás, esse lindo mundo era infestado de humanos. Eles caçaram, eles assassinaram, roubaram e fizeram absolutamente tudo de ruim com esse planeta. Finalmente chegou o dia em que eles foram extintos devido a sua incapacidade de viver em sociedade. Não se sabe exatamente como eles foram extintos, são lendas e lendas que tentam explicar como foram extintos. As lendas vão desde o planeta que pode ter chegado a uma temperatura extrema para eles, até a teoria de que uma sombra simplesmente surgiu para puni-los por todos os seus atos imundos. Hoje em dia existem 3 únicos humanos vivos em todo o planeta.

Assim como a extinção dos humanos, não se sabe como a árvore de fremgang surgiu. Os cinco seres primais eram as últimas criaturas do planeta, cada um de uma espécie diferente. Até hoje, apenas um dos seres primais já foi visto. O chamaram de neodracht. Seu rosto era de um elfo, queixo fino,cabelos negros e olhos brancos. A característica que o diferenciava era uma crina que começava em sua cabeça e ia até o seu pescoço. Aquela crina azul refletia as cores do oceano mais lindo do mundo. Eu estava lá, eu vi quando ele desceu até nós e o clima imediatamente esfriou, me senti em um oceano aonde a água não nos afogaria, mesmo estando a noite, o céu estrelado ficou tão claro como o dia. Ele observou todos nós em volta e sussurrou em nossos ouvidos as seguintes palavras:"Para todos vocês da terra sagrada, eu sou neodracht, terceiro dentre os quatro primais. Meus irmãos e eu nunca deveríamos interferir, mas eu não fui capaz de seguir nossas regras. Saibam que a gloriosa árvore de fremgang irá morrer e apenas quatro guerreiros puros poderão ressucita-la. Não consegui descobrir quem a matará, mas suspeito que pode ser alguém dentre os cinco primais. Venho até vocês como um de vocês, ela será aquele destinado a encontrar os outros três puros". Ele simplesmente apontou para mim e quando ia falar algo mais, ele foi puxado aos céus, como se estivesse sendo capturado.

-Você espera que eu acredite nisso?. Respondeu Wicot de uma forma muito desconfiada para comigo.

-Faz dias que isso aconteceu e não sei se você sabe, mas apenas os puros conseguiam entrar na terra sagrada. Hoje em dia, qualquer um de vocês podem pisar aqui, como sabemos que você nasceu aqui? Você pode ser um impuro fingindo ser puro. Respondi enfaticamente.

-Cuide das suas palavras, eu sou o único nessa terra caótica que pode te arrumar o que você precisa. Respondeu sorrindo.

-Na verdade não é, eu só vim até você porque disseram que você tem os preços mais baixos, mas você tem concorrentes. Não é o único que vende asas de dragão enfeitiçadas. Respondi olhando fixamente em seus olhos vermelhos. Apesar dele ser alto, ter uma pele verde, Chifres e pernas de cervo, não me intimidava nem um pouco.

-Hum, vejo que você é tão fria quanto dizem. Também diz que existe um ser que nasceria na terra sagrada, mas estaria destinada a ter uma alma repleta de imundície, que a alma desse ser, seria a mais impura de toda essa terra... Seria você?. Respondeu serenamente.

-Olha, eu vim aqui comprar asas de dragão, não pra ficar de papo furado. Você vai trazer aqui ou não? A propósito, se eu for o ser da profecia, não seria perigoso me fazer perder tempo?. Respondi ao perder a paciência.

Ele então se vira e vai em direção aos fundos de sua longa loja feita de madeira escurecida. Três felinos de cinco centímetros me observavam em cima do balcão, até que um olha para o outro e começam a brincar de se morder. Ele então bate no balcão de madeira com um cilindro envolto em couro antigo e escurecido.

-Pronto, são trezentos razdoritz. Respondeu ele normalmente com sua voz rouca e grave.

Eu então pago a ele e ambos nos assustamos com um enorme tremor que surgiu abaixo de nós. Os felinos correm do balcão e entram no bolso da bermuda daquele vendedor. Corremos para fora e vemos uma luz muito intensa vinda dos céus. Elas começam a formar cinco silhuetas. Ali diante de nós, estavam os cinco primais. Eles então citam seus nomes. íonacht era o primeiro da fila, parecia o mais experiente. Sua aparência também era a de um elfo, porém em suas costas haviam enormes asas brancas e finas. Eisíontas estava ao seu lado, como todos os cinco, também possuia aparência de elfo, porém possuia pernas das lendárias raposas talmesianas. As lendas dizem que cada fio da pelugem das raposas talmesianas podem ter efeitos incríveis. Seja para o bem ou para o mal, depende do tipo de magia você queira fazer. síocháin estava ao meio deles, sua característica única, era um enorme par de chifres brancos que pareciam pequenas árvores secas. cogadh era como o quarto se denominava. Em sua mão, havia enormes garras negras e cilíndricas, uma grande chama azul percorria ambos os seus braços. O último da fila era neodracht que diferente dos outros, olhada para baixo, não para todos os seres mágicos que estavam ajoelhados diante deles.

-A todos vocês, a sentença de neodracht foi decidida e todos vocês devem presenciar o que acontece quando fazem algo que não agrada a nós. Todos eles falam ao mesmo tempo, exceto neodracht.

Num movimento inesperado, todos os quatro primais simplesmente decaptam Neodracht com um único pensamento. Sua cabeça cai diante de nós enquanto eles somem e aonde ficava a árvore de fremgang, agora ficavam quatro tronos de diamante que refletia o sol.

20 de Agosto de 2021 às 13:25 0 Denunciar Insira Seguir história
0
Leia o próximo capítulo A provação de Laoch

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 19 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!