neith Camila Gomes

O casamento de Hera e Zeus parecia algo invejável. Muitos falavam bem dessa união que parecia ser perfeita. Mas Hera sabia que não era a única mulher para seu marido e isso a corroía aos poucos. Cansada das traições, Hera resolve dar um basta e pede o divórcio. Com o dinheiro que guardou durante um bom tempo, acaba por comprar um cassino quase falido, numa região bem distante e o revive, trazendo uma nova clientela. O que ela não esperava era despertar a ira de Zeus, que irá ao seu encalço e fará de tudo pra ter Hera em seu poder novamente.


Drama Para maiores de 18 apenas.

#amor #família #traiçao #hetero #romance #recomeço #cassino #zeus #hera #adulterio #casamento #drama #mitologiagrega #mitologias
0
998 VISUALIZAÇÕES
Em progresso - Novo capítulo Todos os Sábados
tempo de leitura
AA Compartilhar

CAPÍTULO UM

Olhar para o álbum de família era algo costumeiro que Hera gostava de fazer. Fazia questão de marcar o nome de cada um dos seis filhos nas fotos. De vez em quando, sorria ao ver a careta que um ou outro fazia nas fotos. Mas passava a mão com delicadeza onde tinha ela e o marido juntos e lembrava de como eram felizes naquele começo de vida a dois.

Então as lágrimas começavam a cair, mas Hera não deixava que tocassem as fotos, limpando com as pontas dos dedos, logo que saíam de seus olhos.

Voltou seu olhar para a janela e viu o lindo pôr-do-sol que estava lá fora. Uma mistura de laranja com azul deixava Hera encantada com tamanha beleza que aquele fim de tarde poderia lhe proporcionar.

Levantou-se, com sua delicadeza, e foi até a varanda para poder contemplar o céu com mais dedicação. Não notou a presença de Éris, logo atrás de si. A jovem estava calada e olhava para mãe como se quisesse dizer algo para ela.

— Éris — disse Hera sem olhar para trás — sei que está aí. Quer me dizer algo?

A moça se assustou com a percepção da mãe. Arrumou o vestido de cetim que vestia, passou as mãos pelos seus cabelos curtos e foi aos poucos ao lado da mãe.

— Pensei que brigaria comigo ao me ver aqui. Não gosta que entre no seu quarto...

— Provavelmente alguém lhe mandou aqui, certo?

Éris suspirou e respondeu:

— Hebe me mandou aqui. Ela quer que a senhora experimente uma nova receita que ela fez.

Hera assentiu, estava indo em direção a saída do quarto, mas pediu a filha:

— Guarde o álbum na estante, por favor.

Em seguida, Hera se retirou.

Éris pegou o álbum e, curiosa como era, o abriu e viu as fotos. Sentou-se na cama e começou a olha-las. Sentiu um nó na garganta ao ver seu nome marcado em cada foto. Voltou seu olhar para onde a mãe havia ido e lembrou da primeira vez que viu seu pai a traindo. Logo contou para mãe, que numa irritação sem explicação, deu-lhe um tapa na cara e a repreendeu dizendo que nunca mais dissesse tais coisas.

As lágrimas então, escorreram pelo rosto de Éris, pois a partir daquele dia, sentiu que a mãe já não a olhava como antes, mesmo depois de confirmar os adultérios de Zeus. Limpou o rosto rapidamente, se levantou e guardou o álbum onde a mãe havia pedido.

O que Éris esperava apenas, era uma reação da mãe contra Zeus, punindo-o de alguma forma, não apenas se vingando das amantes.

3 de Julho de 2021 às 23:38 0 Denunciar Insira Seguir história
0
Leia o próximo capítulo CAPÍTULO DOIS

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 1 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!