Atualize agora! Temos um NOVO aplicativo para Android! Baixe-o na Google Play Store. Leia mais.
goldengirlqueen Júlia Malfoy

Onde Harry e Draco apostam quem cederá primeiro... Até onde essa brincadeira pode ir? 𝐒𝐡𝐨𝐫𝐭 𝐟𝐢𝐜 Contém: • Sexo explícito • Nudez • Imagens +18 ✩ htop/dtop ✩ hbott/dbott Iniciada: 08/02/2021 Finalizada: *Obs: Essa história é originalmente postada no Wattpad mas estou passando ela para cá e para o Spirit Fanfics, pode ser encontrada pelo mesmo nome (The Bet)*


Fanfiction Filmes Para maiores de 18 apenas.

#hot #fanfic #shortfic #harrypotter #smut # #+18 #aposta #drarry #dracomalfoy #hbottom #htop #dtop #dbottom #switch
1
4.0mil VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

𝑻𝒉𝒆 𝑺𝒕𝒂𝒓𝒕 (revisado)

Ali estava eu. Deitado, gemendo de prazer. Depois de ser preenchido daquela maneira, ser completo por aquela explosão, eu estava satisfeito, Draco era muito bom naquilo, ele conseguia me entender e me satisfazer de uma maneira que parece que nenhuma outra pessoa conseguiria. Eu também gozei, e muito, mas sem que ele encostasse uma vez se quer no meu pau...

Bom isso deve estar parecendo um tanto confuso, então vou resumir um pouquinho da nossa história e de como isso tudo começou.

Bom tudo isso começou com uma brincadeira boba, a gente se beijou pela primeira vez num verdade ou desafio. Eu sempre gostei do Draco, para ser mais exato desde o meu 2⁰ ano em Hogwarts.

No 1⁰ eu realmente achava ele um chato metido a besta, mas com o tempo fui percebendo que aquilo que compartilhavamos não era raiva, não era ódio, era algum tipo de sentimento escondido, algo como paixão, pelo menos por minha parte.

Com o tempo eu fui percebendo que a gente brigava, e muito, mas sempre tive o intuito de chamar sua atenção ao respondê-lo, provoca-lo, ah, essa era a melhor parte, ver ele com raiva, aquela expressão que ele fazia me dava tesão.

Continuando, esse jogo não faz tanto tempo, na verdade só fazem 4 meses. A garrafa tinha parado mirando para mim e Gina. Eu, como era não era bobo nem nada, sabia que Gina pegaria pesado se eu escolhesse desafio, então resolvi ir com o seguro, a verdade. O único problema foi que eu não previ que ela perguntaria quem era meu crush...

Afinal de contas como eu falaria que eu gostava do Malfoy? A gente sempre se "odiou". Eu não poderia, então preferi não falar, mas como nada é fácil nesses jogos eu tive que cumprir uma consequência.

Para a minha felicidade e tristeza ela me desafiou a beijar o Draco, um simples selinho. Eu fiz uma cara de nojo como se aquilo fosse a pior coisa do mundo, mas na verdade eu estava pulando de empolgação por dentro, afinal eu iria beijar o Draco, meu crush de infância.

Ele se recusou até o último segundo, mas em algum momento convenceram ele ou ele mesmo se convenceu. Chegamos mais perto um do outro, inclinando nossos rostos em sentidos contrários para ter melhor contato. Aquele foi o melhor momento da minha vida, mas fui pego de surpresa.

Quando fui me separar do selinho, Draco agarrou a parte de trás da minha nuca, puxando um pouco meus cabelos, fazendo com que minha cabeça se iclinasse levemente para trás, logo ele empurrou mais seus lábios contra os meus.

Aquilo foi maravilhoso, até mesmo por único selar de lábios eu consegui saber que ele beijava muito bem, então, como se aquilo não fosse o suficiente para me abalar ele fez sinal de passagem com a língua, fiquei um pouco surpreso mas como uma boa pessoa a cedi. Ficamos assim por aproximadamente 15 segundos, havíamos esquecido que tínhamos platéia.

Os outros somente nos olharam surpresos, eu estava tão vermelho que parecia um tomate, já o Malfoy, bom, ele estava com aquele bom e velho sorriso, aquele típico sorriso convencido.

Depois disso foi só ladeira abaixo (no bom sentido) viramos amantes, nos beijavamos quase todos os dias e as vezes aconteciam orais e coisas do tipo. Depois de algum tempo assim confessei que queria transar com ele, resolvi avisá-lo que era virgem, para que ele não fosse tão bruto.

Por incrível que pareça ele entendeu, e foi gentil, eu estava sendo rasgado por dentro (mas também não tinha muito que ele pudesse fazer, aquilo era muito grande) mas ele me beijava e me acariciava para que eu me distraísse. Resumindo, foi perfeito, todo esse percurso.

Continuamos daquele jeito por um mês. Agora já é o 5⁰ mês desde o primeiro beijo e estamos completando um mês de namoro, e como o melhor presente de namoro, estávamos fodendo que nem loucos. Draco era bom demais nisso para ficarmos perdendo tempo com beijos e boquetes.

Apesar de ser extremamente bom eu já estava cansando disso, era assim de 5 a 7 dias por semana, eu mal tinha tempo para descansar. Sentia que precisava de uma cadeira de rodas, minhas pernas ficavam bambas ao andar, além disso tinha o enorme incômodo na minha bunda...

Para deixar tudo melhor Draco comprou um vibrador portátil, sim ele se rendeu aos produtos dos trouxas, mas ele dizia que era por uma boa causa, dizia que aquilo aliviaria um pouco a dor e deixaria a minha entrada um pouco mas aberta.

O único problema era que aquele vibrador tinha um controle, que ele não tirava do bolso do uniforme, então no meio da aula ele ficava aumentando e abaixando a potência e eu não podia fazer nada além de conter meus gemidos.

Por causa daquilo eu passei algumas (muitas) vergonhas, as vezes não conseguia me conter e dava gritos abafados, arfava ou até mesmo gemia.

Os alunos só olhavam estranhamente para mim, eles deviam imaginar que eu tinha um amante, ou uma namorado, mas não me importo com os outros, o problema era Ron e Hermione.

Quando isso acontecia Ron sussurava para mim, perguntando se eu estava bem, se eu estava machucado ou algo do tipo, eu só respondia que estava tudo bem.

Já Hermione não falava nada, ela com certeza já sabia do meu caso com o Draco, então entendia exatamente o motivo de algumas coisas que eu fazia.

Mas eu farei ele pagar por essas vergonhas e por me deixar excitado em momentos não tão oportunos. Por isso pensei em uma aposta... Que eu tenho certeza que ele vai querer apostar, e que vai perder

_________________________________

Oiê, obrigada por lerem até aqui, essa é a primeira vez que escrevo algo assim, mais voltado para o smut, mas espero que vocês gostem.

(Capítulo corrigido. Alguns trechos foram adicionados para melhor compreensão.)

Palavras antes da correção: 802

Palavras após a correção: 948

É isso, beijinhos e até a próxima

GoldenGirlQueen/Juh😘😌😉🤭

19 de Agosto de 2021 às 20:05 0 Denunciar Insira Seguir história
0
Leia o próximo capítulo 𝑻𝒉𝒆 𝑩𝒆𝒕 (revisado)

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 6 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!