B
Bernardo Pacheco de Carvalho


Não me lembro de absolutamente nada e estou a flutuar na órbita da Terra. Quando acabo por ser atraído por uma força misteriosa para o centro da terra penso que vou morrer e que a minha história vai acabar mas depois acabo por descobrir coisas fantásticas sobre o que sou capaz de fazer! Esta força misteriosa é a definição de perigo e eu terei que acabar por combate-la para poder salvar o Universo.


Ação Todo o público.
2
1.6mil VISUALIZAÇÕES
Em progresso - Novo capítulo A cada 2 dias
tempo de leitura
AA Compartilhar

Preso no espaço!

Já alguma vez sentiram que a vossa vida ia acabar só por estar numa situação complicada? A verdade é que esse é exatamente o sentimento que eu tenho neste momento e que vou ter durante o resto deste capitulo! Estou preso no espaço, não tenho lugar para onde ir… não há ninguém, não há sequer um movimento, não há literalmente nada! Estou na orbita da Terra o que normalmente seria uma vista linda, no entanto, havia destroços por todo o lado. Podia começar a especular sobre o que tinha acontecido ainda para mais por não ter mais nada para fazer senão existir. Não me conseguia lembrar de nada sem ser uma cena suficientemente rápida de flash bags para eu não conseguir compreender o que era e o que tinha acontecido. Passaram alguns dias e comecei a lembrar-me de algumas coisas. Ainda eram flash bags mas começava a compreender o que estava representado. Passados estes dias já não sabia em que dia ia e começava a dar em louco. Só que do nada veio o me sentimento de estar a ser atraído. Não dei muita importância pois naquela altura já tudo era possivel. Pelo menos ainda sabia o que era real ou não. E isto não podia ser possível e não fazendo sentido nenhum voltei estupidamente a não dar muita importância. Não conseguia dormir, pensar direito ou imaginar nada para me entreter portanto voltei a tentar entender o meu sentimento que ainda permanecia em mim. Do nada reparei que o pedaço de destroços que estava ao meu lado quando acordei começou a estar cada vez mais distante e a Terra estava cada vez maior. Aí já sabia que não estava a dar em louco e que o meu sentimento era real. Sabia que estava a ser atraído para a Terra mas provavelmente era outra coisa que me estava a atrair. Como é que estava a ser atraído? E quanto tempo demoraria a embater na Terra? Estava a dirigir-me cada vez mais rápido e sentia que não ia parar mesmo depois de já estar dentro do planeta. Estava a entrar na atmosfera e comecei a entrar em pânico! Estava a cair cada vez mais rápido e já começava a ver o chão! Era um sítio de imensos fardos de palha e achei que uma pessoa normal pudesse sobreviver a uma queda daquelas mesmo estando a uma velocidade tão grande vinda do espaço! Estava tão mas tão perto que já só via e sentia a palha no meu corpo!

22 de Fevereiro de 2021 às 16:00 0 Denunciar Insira Seguir história
1
Leia o próximo capítulo Descobertas Incríveis

Comente algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 2 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!