davids305 Davi Morais

Há um assassino entre nós... Algo muito ruim está pra acontecer.


Fanfiction Impróprio para crianças menores de 13 anos. © Todo o texto

#Davi-Morais #Entre-Nós
Conto
5
957 VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

O impostor

"Quando me lancei ao espaço, me imaginava desbravando a imensidão do desconhecido, pelo bem da humanidade e avanço da ciência; Não imaginava que terminaria dessa forma. Não sei quem está ouvindo isso, mas seja lá o que você ouviu sobre esse caso, não é a verdade."

[...]




Três

Dois

Um

Ignição!






[Sistema] Reproduzindo transmissão de emergência... [Ruído] ...


Ay... Mayday! [Ruído] ...


Aqui é a Skeld, se alguém estiver me ouvindo... [Ruído] ...


Não sei exatamente quando começou... [Interferência] deve ter havido um plano, foi muito... [interferência] Fizemos coisas terríveis. A tripulação... como chegamos a esse ponto?


...


Espera, eu tenho que me esconder.


[Sistema] Transmissão interrompida.


Senhor! À nordeste! Aquela não é a Skeld? – Disse um tripulante, apontando para uma janela de observação. – O que ela está fazendo ali?

O tenente-capitão então, confirmou com seus próprios olhos. Fora de seu quadrante, a U.S The Skeld estava à deriva no espaço indo em direção à uma estrela próxima.

Sargento! Aproe essa nave na direção da Skeld! – Ordenou.

– Senhor, sim senhor! Vocês ouviram homens! – Gritou o primeiro sargento. – O capitão quer essa banheira à nordeste! Avisem ao navegador para mudar a direção! Preparem-se para interceptar!

– Senhor! – Disse o sinaleiro. – Precisa ouvir isso.


...


[Sistema] Sinal recuperado. Transmitindo.


May day! May day! Aqui é a U.S The Skeld! Se alguém está ouvindo isso! [Interferência] venha... repito! [interferência]


Responda a mensagem! – Ordenou o capitão.

– Não dá, senhor! – Respondeu o sinaleiro – Eu já tentei diversas vezes a comunicação, mas não há resposta, parece que só conseguimos ouvir.

Rangidos externos então puderam ser ouvidos, assim como a desaceleração de um dos motores, confirmando a mudança de trajetória.


Não tenho muito tempo... [Ruído]


Prestem bem a atenção...


Há alguns dias atrás... [interferência] ...gidos por alguns asteroides, conseguimos nos livrar da maioria deles, mas a nave teve sérias avarias. Naquele momento... Se tivéssemos percebido... [Respiração] A tripulação, estávamos perdendo oxigênio, conseguimos reparar os filtros, mas não por completo! por conta disso... nosso ar foi contaminado, e tivemos que manter os trajes dentro da nave.


[Sistema] Perda de sinal...

[Sistema] Tentando reconexão.


Um dos tripulantes então, aproximou-se da sala de comunicações.

– Capitão, senhor! Não conseguimos identificar... mas parece que tem algo no espaço, vindo em nossa direção. Diminuímos a potência dos motores para não nos aproximarmos rápido de mais, mas mesmo assim...

– Diga para os homens ficarem de olho. – Ordenou. – Sinaleiro, recupere o sinal.

– Sim senhor! – Respondeu – Acredito que se eu...


[Sistema] Sinal recuperado!


– Isso! – Comemorou o sinaleiro.


[Ruído] ... Pouco tempo depois, o reator da nave entrou em derretimento. As luzes de emergência se acenderam, nós corremos para consertá-lo e por pouco conseguimos, mas...


O que houve? – Perguntou o capitão. – É novamente uma interferência?

– Não senhor – Respondeu de prontidão. – O sinal está perfeito, parece que... Escuta.


[Ruído] ...

[Passos] ...

[Respiração ofegante] ...


– Eu acho que está se escondendo. – Finalizou.


Ele... ele estava morto! Encontramos um de nossos tripulantes morto próximo a ala médica, ele havia se ferido durante a colisão, e por isso o deixamos lá. Sabíamos que havia chances dele morrer, mas a causa da morte... Ele foi assassinado, alguma coisa muito forte rasgou ele ao meio.


Santo Deus... – Disse o sinaleiro em voz baixa.


Depois disso... uma desconfiança cobriu a nave, o capitão iniciou uma reunião de emergência, e todos nós nos dirigimos a ala central, na cafeteria. Ninguém aparentemente tinha visto o que tinha acontecido, a maioria disse que havia corrido a sala do reator, e de fato, eu tinha certeza de que todos estavam lá...

Não podíamos tirar os trajes por conta do oxigênio, e todos eles eram iguais, mesmo que alguém tivesse visto algo, seria impossível identificar quem foi. O capitão então teve a ideia de pintar nossas roupas, assim, ele saiu sozinho daquela sala, e nos trouxe algo para colorir as partes brancas. Cada um de nós, ficou com uma cor diferente. Depois disso, começamos a nos referir a nós mesmo como nossas cores. Eu fiquei com a cor amarela; O capitão...


– Senhor! – Interrompeu mais uma vez, dessa vez, era o cabo, entrando na sala de comunicação, o saudando com uma continência e uma expressão tensa.

– Descansar, o que aconteceu? – Questionou.


ele ficou com a cor vermelha...


– É melhor o senhor ver isso...

O cabo então o guiou até a janela de observação, onde o tenente-capitão observou flutuando no espaço um pouco distante da Skeld, um dos trajes de exploração colorido com a cor vermelha, além de outros corpos com as cores preto e ciano. Rapidamente ele retornou a sala de comunicações.


– O que diz o resto da mensagem?!

– Eles se dividiram para consertar as partes danificadas da Skeld...


Tínhamos várias coisas a fazer, mas talvez tenha sido uma péssima ideia. Nos separar, só aumentou a desconfiança entre nós... Estávamos em dez, e de repente, um a um foi aparecendo morto de formas diferentes... Depois do branco ter morrido na enfermaria, o azul foi morto nas câmeras, e o laranja... ele foi morto na parte elétrica. A elétrica foi a parte mais danificada da nave, precisávamos desviar energia para várias operações, por isso, ele resolveu ir sozinho e... meu deus...

O capitão iniciou novamente uma reunião de emergência, agora estávamos em seis, e estava claro que alguém estava nos matando, muito claro... mas não conseguíamos nos entender, e por conta disso, alguns disseram que a culpa era do capitão. O verde, o ciano e o roxo então o seguraram, e usaram o compartimento de lixo para jogá-lo para fora da nave... foi uma cena terrível, ele implorou pela vida, e jurou até o último segundo, que não era ele. O preto e o marrom tentaram impedir, mas foram ameaçados a serem jogados junto a ele, e eu... não consegui fazer nada...

Com isso, nós pensávamos ter resolvido o problema, e alguns até ficaram aliviados, como pode?... eles mataram o capitão!

Droga... Ele... espero que não tenha me ouvido...


[Passos] ...


O que acha que está acontecendo? Senhor... – Perguntou o sinaleiro com medo em seus olhos.

– Eu não sei, tente novamente a comunicação.

– Sim senhor. – Concordou – Skeld, aqui é a U.S Whitestone, na escuta?


[Silêncio]


– Skeld, aqui é a U.S Whitestone, responda!


Eu [interferência] depois disso. Voltamos aos reparos da nave, ainda estávamos com problemas nos motores, então tivemos que fazer várias correções... O verde e o preto então resolveram cuidar dessa parte, e com isso, eu fui para a navegação, precisava verificar se nossa trajetória havia sido afetada, mas depois disso... o verde apareceu morto.

Uma nova reunião foi feita, e novamente estávamos vivendo aquele inferno... meu coração doeu ao lembrar das tentativas desesperadas do capitão, e quando descobrimos que ele estava falando a verdade... [choro] desculpe. Eles então jogaram a culpa no preto, como os dois estavam juntos, logo o acusaram de assassinato.

De acordo com a versão dele, o verde foi morto no motor inferior, enquanto ele consertava o superior, e quando ele desceu para pegar mais combustível, encontrou o verde com uma perfuração no meio do capacete, e muito sangue...

Eles o pegaram... e deram a ele o mesmo destino do capitão. Por que tudo isso está acontecendo? O que nós fizemos?... Estávamos em quatro agora... e ninguém mais tinha coragem de andar por aí... Mas ainda tínhamos que reparar a nave, ou então, todos nós morreríamos no final das contas.

O roxo então se voluntariou para me acompanhar, e fomos juntos para levantar novamente os escudos. Com os escudos reparados, pelo menos não iríamos nos chocar com alguma coisa no caminho.

Eu precisava liberar alguns comandos para a navegação, e por isso, tinha que passar meu cartão de acesso na administração. Quando nós dois subimos, vimos uma cena que talvez... se eu sobreviver, eu não esqueça nunca.

A roupa do ciano se abriu no meio, como se fosse uma boca enorme com vários dentes, e ele estava pronto para matar o marrom, eu não sabia o que fazer naquele momento. Eu corri em sua direção, e tentei afastá-lo, mas antes que eu conseguisse, ele preparou um golpe mortal na direção do marrom, que por algum motivo foi salvo ao soar o alarme de reunião. O roxo havia pressionado o botão na cafeteria, ainda não entendo o motivo do por que ele parou seu ataque, e seguiu em direção a ala central.

Não restava dúvidas para nós... o ciano era o assassino, perdemos mais da a tripulação quase que por completa, pra aquela... coisa! Ele não resistiu, por algum motivo, e nós o lançamos ao espaço também... O marrom estava em choque, com o que havia acontecido, nós tentamos acalmá-lo, e o levamos a ala médica. eu precisava terminar meus afazeres, nós tínhamos que voltar para a terra...


[Suspiros]


Mas... a nave não está indo para a terra... – Comentou o sinaleiro.


A… [interferência] tempo depois... as luzes se apagaram, e eu ouvi um disparo vindo da enfermaria... eu me movi até lá, utilizando a iluminação fraca do capacete, e... encontrei o marrom com um tiro nas costas. Eu... droga.


[Passos rápidos]


Os dois se entreolharam, tensos com a história que acabaram de ouvir.

– Senhor! – Disse o cabo. – Estamos prontos, se nos aproximarmos mais um pouco, conseguimos acoplar!

– Aguardem o meu sinal. – Respondeu.

– Sim senhor! – Confirmou o cabo.


[Sons de alarme]


[Sons de alarme]


Se alguém estiver ouvindo isso, nós não temos mais salvação. Eu não posso permitir que essas mortes passem em branco, por isso... eu direcionei a nave para uma estrela próxima. A essa hora eu já devo estar morta... A Skeld não tem salvação... Eu não sei o que é essa coisa, mas vou enterrá-la junto comigo.

Quando me lancei ao espaço, me imaginava desbravando a imensidão do desconhecido, pelo bem da humanidade e avanço da ciência; Não imaginava que terminaria dessa forma. Não sei quem está ouvindo isso, mas seja lá o que você ouviu sobre esse caso, não é a verdade.

Se possível... eu queria que minha tripulação fosse lembrada como heróis... mas isso não é possível... perdemos muitos dos nossos, e os matamos também... espero que pelo menos esse sacrifício…

Se alguém estiver ouvindo isso...

Não se aproximem da Skeld! Eu repito, não... [tiros]


[Sistema] Conexão perdida.

[Sistema] Reconectando...

[Sistema] Reconectando...


May day! may day! Aqui é a Skeld, alguém na escuta?

May day! Aqui é a Skeld, se alguém estiver me ouvindo...


– Está repetindo... – Disse o sinaleiro com terror nos olhos. – Senhor?...

O tenente-capitão ficou em silêncio por alguns segundos.

– Vamos embora. – Respondeu o tenente. – Não há mais nada para fazer aqui.

– E quanto aos corpos? – Perguntou.

– Deixem no espaço, a gravidade da estrela vai os puxar também... Não podemos comprometer a segurança da nossa nave, seja lá o que eles são... A garota de amarelo se sacrificou para nos alertar, não vamos deixar que seja em vão.

Ele então virou-se em direção a saída das comunicações, mas antes de ir, olhou para o sinaleiro e disse.

– O que aconteceu aqui... Fica só entre a gente, entendeu?


– Sim senhor.

22 de Outubro de 2020 às 13:07 4 Denunciar Insira Seguir história
7
Fim

Conheça o autor

Davi Morais Olá. Depois de tentar descobrir os mistérios da vida dentro da minha própria cabeça, eu resolvi escrever kkkk. Tenho 21 anos atualmente, não sou muito normal, minha cabeça é uma viagem, e eu gosto de ler coisas interessantes. (Me surpreendam). O Segredo para a imortalidade??

Comentar algo

Publique!
Isís Marchetti Isís Marchetti
Olá. Davi! Tudo bem com você? Faço parte do Sistema de Verificação e venho lhe parabenizar pela Verificação da sua história. Bom, primeiro de tudo eu preciso muito saber se seu conto foi baseado em Amoug Us, pois realmente é tudo bem parecido, exceto pela história que foi contada ao radialista e o fato do capitão decidir que aquilo ficaria somente entre eles dois. Se foi baseado no jogo eu preciso pedir para você alterar a categoria da sua história para Fanfic, para se encaixar nas Regras Comunitárias e não acontecer de alguém denunciar sua história. Bom, a coesão da história ficou ótima, achei uma ideia incrível esse novo ponto de vista que eu ganhei. Achei que foi tudo muito bem explorado e é quase como se desse um ponto de vista no para o jogo. Quanto à estrutura, no começo da história, tem uma fala iniciada que falta parágrafo e alguns momentos que se não ler com atenção fica um tanto quanto confuso o que vem da transmissão e o que se passa aonde o capitão está, então uma boa ideia seria você colocar aspas nas transmissões para separar e deixar pra ficar um pouco mais fácil a compreensão. Outra ponto também é a classificação etária, o aconselhável seria que você modificasse para maior de 13 anos. Quanto aos personagens, não é muito fácil dizer sobre esse tópico, até porque não foi muito bem explorado e tudo mais. Porém gostaria de ressaltar o quão corajosa a Amarela foi, em se sacrificar para poder ter certeza que do espaço o assassino, por assim dizer, não sairia. Também achei sensata a decisão que o capitão tomou em pedir para que o radialista não comentasse sobre o ocorrido. Até porque, né! Segurança, minha gente! Se alguém descobre ia ser uma super tragédia e todos os esforços seriam perdidos. Quanto à gramática, o texto está bem escrito e trabalhado, a ideia também foi genial. Então fora aqueles pequenos detalhes mencionados na estrutura (o que de fato não tem nada haver com a gramática) sua história está em ordem. Tem alguns errinhos de vírgulas, mas isso não atrapalha na verificação. No geral foi um bom conto e eu vou aguardar o contato sobre a alteração da classe caso seja uma fanfic ;) Desde já agradeço e desejo a você sucesso. Abraços.
October 30, 2020, 17:20

  • Davi Morais Davi Morais
    Boa tarde, sim, a história é totalmente baseada no jogo, eu tive a ideia em uma das minhas partidas kkkk, agradeço muito o tempo que você tirou pra me "corrigir" sobre esses pontos. No momento estou sem internet no computador, mas irei fazer as alterações. Muito obrigado > < October 30, 2020, 17:26
  • Isís Marchetti Isís Marchetti
    Entendo, Davi! Então se estiver tudo bem para você, posso pedir que um embaixador faça as alterações necessárias? Como a categoria e a faixa etária. Estarei aguardando sua resposta. October 30, 2020, 17:43
  • Davi Morais Davi Morais
    Se possível, seria muita gentileza October 30, 2020, 20:19
~