alexisrodrigues Alexis Rodrigues

Stillwell está morta e a corporação Vought sabe que seus heróis precisam de um bom líder para guiá-los. Homelander está longe de ser o líder ideal e de ter o caráter de um, e para suprir a necessidade de um herói de imagem imaculada e dócil o suficiente para que eles possam controlar, Vought decide que é hora de inserir um novo membro nos Sete. Alguém forte o suficiente para lidar com o temperamental líder dos heróis erráticos que representam a América e amável o suficiente para lhes dar lucro. Como Homelander reagirá a essa nova adição?


Fanfiction Seriados/Doramas/Novelas Para maiores de 18 apenas.

#spoilers-of-the-boys #homelander #the-boys
0
1.0mil VISUALIZAÇÕES
Em progresso - Novo capítulo Todos os Domingos
tempo de leitura
AA Compartilhar

Prólogo

Seus passos apressados no longo e escuro corredor fora do horário comercial podiam ser ouvidos à distância. Os saltos afiados ecoavam conforme ela caminhava, e quando bateu a porta da sala onde lhe aguardavam, todos os olhares se voltaram para ela conforme caminhava até seu lugar na mesa, colocando os muitos arquivos que trazia em mãos sobre a mesma.

– Agora que estamos todos aqui, irei direto ao assunto – a voz grave e severa de seu chefe chamou a atenção dos demais presentes, calando cochichos paralelos. – Stillwell está morta. Ao que tudo indica, William Butcher é o responsável, mas isso não vem ao caso agora. Encontrar substitutos para ela não seria difícil, afinal, temos uma equipe competente. Nenhum de vocês estaria aqui agora se não fossem adequados ao trabalho. Nossa preocupação vai além da gerência dos heróis, mas todos vocês sabem que nosso garoto propaganda é, infelizmente, estúpido e imaturo. Stillwell conseguia controlá-lo, mas não o fazia bem o suficiente, e agora que ela está morta, precisamos de algo menos extremo que Black Noir e menos sujeito a intimidação que Stillwell para manter Homelander na linha. De preferência, alguém capaz de fazer com que aquele bando de erráticos aja conforme os contratos que assinaram, afinal, o gasto com reparação de danos anual de alguns eles está além do inaceitável. Os Sete precisam entender que não estão acima de nada. São funcionários assim como nós. Doutora, nos fale sobre o Experimento 34.

A última convidada assentiu, pigarreando antes de falar, levantando-se de onde estava para distribuir a cada um dos colegas cópias de arquivos confidenciais.

– Nós sujeitamos o número 34 a todos os testes básicos requeridos e também aos avançados, os últimos a serem aprovados como parte do protocolo que criamos para eles. O único que passou por todos com excelência – sorriu de canto, satisfeita ao perceber que os demais colegas trocaram olhares surpresos. – Mais dócil que todos os outros Experimentos, mais emocionalmente estável, o mais estável dentre todos. Se adapta facilmente a qualquer ambiente. É ágil, absurdamente rápido, tão forte quanto Homelander, com regeneração avançada controlada a vontade, e o melhor: é mais rápido que o SR-71.

– Impossível – disse um dos colegas.

– Mach 8 – a doutora insistiu, no que os demais se surpreenderam. – E é capaz de erguer aviões, ao contrário do nosso garoto propaganda.

– Se temos o soldado perfeito a nossa disposição, por que não estamos o usando? – indagou outro.

– Iremos usá-lo quando for adequado. Precisamos vende-lo bem, e para vende-lo bem, precisamos integrá-lo bem aos Sete – o chefe respondeu.

– Isso não será um problema, senhor – respondeu a doutora. – Número 34 está mais do que pronto para isso. Cuidei pessoalmente de instruí-lo adequadamente nas condutas adequadas para aparições públicas e interações dentro do grupo. Ele saberá como agir com cada um de seus colegas.

– Objeções? – o chefe os entreolhou. E com a negação unânime, continuou. – Prepare o Experimento 34. Quero-o na equipe até o fim do dia.

21 de Setembro de 2020 às 01:22 0 Denunciar Insira Seguir história
1
Leia o próximo capítulo Capítulo 1

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~

Você está gostando da leitura?

Ei! Ainda faltam 10 capítulos restantes nesta história.
Para continuar lendo, por favor, faça login ou cadastre-se. É grátis!

Mais histórias

PROMOTION Q PROMOTION Q
A Lição de Piano A Lição de Piano
Apenas amigos - LietPol Apenas amigos - LietPol