poemarei karoline o.

não me sinto ser borboleta. e me questiono se algum dia já fui. fui? serei?


Poesia Romance Todo o público.

#poesia #queria-ser-borboleta #textinho
Conto
0
1.2mil VISUALIZAÇÕES
Completa
tempo de leitura
AA Compartilhar

[quero me libertar de mim]


queria ser borboleta

poder voar até teu jardim.


amo e sinto tanta falta de tuas flores, amor.


ando presa no casulo há tanto tempo

que não me recordo da cor do céu

do cheirinho de vida pelo ar

de como era a sensação de admirar as pequenas belezas

a cada bater de asas.


quero voar.

mas mal sei como e quando conseguirei

sair do meu conforto que deixou

tanto de ser conforto.

deixei de ser lar

e sinto falta de abrir as janelas,

passear meus olhos pelo teu jardim

esplêndido,

deitar na graminha fresca,

sentir o beijo do vento em meu rosto.


não me sinto ser borboleta.

e me questiono se algum dia já fui.


fui? serei?


mas, por favor, saiba que te amo muito daqui. e mando lhe entregar todo esse

meu amor e carinho e cheiro por cada pétala tua.


por aqui, espero com minhas dores e lágrimas nos olhos - esses que tanto

sentem falta de ver o seu balançar - que a saudade que sinto de ti, de ser

borboleta, possa romper esta minha cápsula protetora e me permita voltar, ao

lar.


voltar a ser casa, não mais ser casulo; sentir o ar passar por minhas asas e voar, então, até tu.


ps.: ainda tenho medo de meu coração parar de bater liberdade, amor. ainda quero me sentir livre. e é desta minha versão que não é borboleta. desta minha versão que me impede de me sentir.

10 de Julho de 2020 às 01:26 0 Denunciar Insira Seguir história
0
Fim

Conheça o autor

Comentar algo

Publique!
Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a dizer alguma coisa!
~