AA Compartilhar

De Frente Comigo.

Me olhava ao espelho, aos 7 anos de idade, e sempre me perguntei...

-Quem Sou Eu? O Porque estou aqui? Qual propósito de ter aberto os olhos?

Dia após dia me perguntava, me diante a tantas coisas acontecendo, em casa, na rua, na escola, aconteciam comigo, sobre mim, o problema não eram as pessoas, mais sim em mim, então resolvi me trancar ao meu quarto, por volta das 2:30 da manhã em 5 de julho, na minha data de nascimento, me deitei aos pés da cama onde só sentia, insegurança, pensamentos confusos, um tormento diário, após algumas horas assim, reparei que havia um espelho pendurado, e ao me levantar e me ver nele, sai bem logo da frente...

- Percebe? (dizia a mim mesmo)

-Você não consegue se ver ao espelho, mais tente, tente, se descubra, não tenha medo de ver você.

Então novamente após alguns dias finalmente me olhei ao espelho, mais não conseguia descobrir quem era ali naquela imagem, as resposta aumentavam a cada dia, a cada hora, tornando cada amanhecer difícil até mesmo ao levantar da cama...

um certo dia, levantei E NÃO SEI COMO, como aconteceu mais o espelho estava na minha frente, ate me assustei porque ele fica na parede ao lado e não na minha frente...Pensei... vou me observar por algum tempo, e vamos ver...

Passei horas, me observando, e me fazia perguntas das quais eu queria respostas, e sim, somente eu poderia me dar aquelas respostas das quais eu precisava urgentemente, mais demorei ainda, até ter a primeira resposta, mais tive, e qual era essa primeira pergunta você leitor deve estar se perguntando... eu te digo, era se eu me amava!

-Alan, Você se ama?

ALAN, você precisa se amar, porque se você não se amar, jamais será feliz consigo mesmo, e nunca poderá amar a alguém.

Foi ai então que muitas outras descoberta começaram a vir de frente para mim.



Atenciosamente Allan Loppes




13 de Abril de 2019 às 15:46 0 Denunciar Insira 1
~

Histórias relacionadas