Dirty Mind Seguir blog

jaqueline-rapachi Jaqueline Rapachi Essa é uma das minhas formas de ser.
2
4317 VISUALIZAÇÕES
AA Compartilhar

Dirty Mind

Alma primitiva, olhos famintos por isso

Pele suave

Instinto de fêmea, força ímpar

Mente voraz, neurônios em êxtase

Possui uma escuta diferenciada

Não é ela que ouve, é o outro

É sempre o outro

O outro que ela não é

Mas sente que existe nela

O outro que ela representa

O outro que ela fala

O outro que vê

Mas só ela é


Se mordeu para sentir

Chorou para se limpar

Falou para se ouvir

Escreveu para vomitar

Gozou para viajar

E voltou para si

Mas em nenhum lugar se encontrou


Talvez nunca tenha existido

Talvez seja um sonho

Real

Um sonho cíclico

Dela com o outro que existe nela

Dela para o outro que sente por ela

Dela com ela que também existe

Mas ela não se sente

Pertencente a lugar algum

Nem com ela

Nem com o outro


Deveria se ir

Para poder se achar

Mas não há como ir

Enfim, aceita sua efêmera existência

Como se existir

Aqui

Não bastasse, pois é pouco

Ela quer mais

Principalmente dela mesma

Por isso se toca

Se sente

Se engole inteira

Para então, transbordar

Do vazio que é cheio.


{ o inferno é por dentro }

6 de Abril de 2019 às 23:23 0 Denunciar Insira 4
~