sorasaki SoraSaki

Stray kids decide ir ao litoral paulista para passar o final de ano. Um grupo de nove amigos que parecem esbanjar alegria e um tanto de confusão quando se juntam! Jisung que se cuide, porque dia 31 pode ser o dia de sorte dele, porém depende.


Fanfiction Groupes/Chanteurs Déconseillé aux moins de 13 ans.

#woochanmin #woochan #gay #bl #yaoi #skz #stray-kids #changlix #minsung #hyunin
Histoire courte
0
3.8k VUES
Terminé
temps de lecture
AA Partager

Feliz ano novo!


"EI, CUIDADO!"

"PORRA, OLHA POR ONDE ANDA!"

"Você tá bem Jisung?", Felix olhou preocupado para o amigo.

"Tô, mas tomara que o infeliz se afogue junto com essa merda de bicicleta!", praguejava ainda raivoso, quase indo derrubar o ciclista que por pouco não atropelou eles dois.

Era o último dia do ano, e parece que já estava mais do que na hora de acabar na visão dos dois. Dia 31 de dezembro era uma data festiva, uma que podia ser boa e também cheia de acidentes se bobear.

Jisung e Felix tinham saído para caminhar a beira mar, o sol já estava mais ameno, então pensaram porque não aproveitar a bela paisagem de fim de tarde. Saíram, largando os amigos na tenda montada para comportar o grupo de nove garotos perdidos nesse fim de ano.

"Já viu o jeito que o Minho olha para você? Fala sério Ji, você quer e ele também! Está estampado na fuça dos dois."

"Aí, eu sei disso, mas... É complicado, ele só vê as gatas dele na verdade, nem sei se ele quer algo sério, não queria só ficar não...". Estava cansado de só beijar sem ter algo fixo, alguém que pudesse dar carinho e apoio; que estivesse ali e não temporariamente só para curtir.

"Tudo bem, mas vocês deviam conversar, às vezes você tá interpretando ele mal, sei lá. O Minho é alguém legal, e meio fechado, o negócio é perguntar e tirarem a limpo."

"Farei isso", suspirou meio desanimado. "Mudando de assunto... Será que é seguro deixar o quarto de casal com eles?"

"Não me diga que quer fazer papel de mãe do Jeongin agora?! Ele não é criança mais, e outra... Deixa ele curtir o namoro dele. Eu se fosse você nem pensava em falar algo, capaz do Hyunjin rosnar pra você do jeito que ele anda grudado no maknae", Felix ria só de lembrar do episódio deles descendo para o litoral paulista.

Eles tiveram que parar para almoçar em um desses restaurantes de posto, e eis que deram em cima do mais novo... Pronto, foi a deixa para o ciúmes do Hwang atacar e eles terem que aguentar o mau humor do amigo, até o Yang amançar a fera com vários beijinhos e declarações.

Casal vinte não dava paz para eles, isso era fato.

"É mas você esqueceu que o nosso quarto é do lado né?! Sinceramente, não está nos meus planos começar 2020 aos sons dos gemidos do Jeongin..."

"Vamos trocar de quarto! É isso!"

Jisung ria da mudança rápida de opinião de Felix.

"Na verdade... Você podia trocar de quarto com o Binnie né?"

"Felix... Você!?"

"Qual é, eles podem transar porque namoram, mas eu também posso... Tá que a gente não namora, mas sinto que logo a gente desenrola isso!"

"Você é foda Lix... Queria ser assim também..."

"Foda talvez, mas tô mais pra fodido", as sobrancelhas mexendo de forma sugestiva. "E se você quer ser assim, aproveita, porque você pode, só sentar no Minho hoje à noite", concluiu dando um tapinha camarada no ombro do mais baixo.

Jisung ficou sem palavras pela ousadia, mas agora que ele inventou essa história, já era. Teria que ir para o quarto do mais velho, afinal, Felix ia disputar as high note com o maknae nessa madrugada.


[...]


Chan, Woonjin, Minho e Changbin jogavam futevôlei ali perto. Um espaço de ouro no meio da praia lotada. Enquanto isso, o casal vinte dividiam um milho verde no pratinho e Seungmin chupava um sorvete Jundiá.

Era uma cena familiar e acolhedora de alguma forma, foi o pensamento que ocorreu aos dois amigos que chegavam da caminhada agora.

"Jisung, a bola... Cuidado!", gritou Changbin.

Só teve tempo de se virar e ver a tempo a cena que lhe tirou o fôlego. Minho era o mais próximo e veio correndo, conseguindo rebater a bola como pôde, jogando-a na direção de Chan.

O coração do Han ainda batia descompassado, não sabia se pela adrenalina do susto ou se pela deliciosa visão dos músculos se articulando no corpo do mais velho, que o defendeu quase que instantaneamente.

"Reflexos tão em dia aí, hein amigo.", disse Woojin.

"É que ele protege os gatos dele, né", Changbin disse pros mais velhos, recebendo olhares duvidosos dos mais novos, divertidos dos mais velhos e um raivoso de Minho.

"Devia ser mais atento então Changbin", disse debochado, andando para perto dele e se afastando dos novinhos. "Só presta atenção nos caras do guarda sol da direta secando a bunda do Felix, e não, eu to vendo eles de olho no Jisung também", falou baixo e disfarçado, para não chamar atenção.

"Mas que porra, vou lá-"

"Pode parar aí", Chan chegou segurando os dois pelos ombros. "Deixa eles olharem porque isso não tira pedaço... Mas se tão com ciúmes assim, então vão ficar com os meninos, e parem de ser lerdos", disse empurrando os dois para a tenda e seguindo-os junto com o Kim.

Seungmin internamente dava graças que todos voltaram para a tenda, queria conversar com alguém, brincar ou algo do tipo. Não tinha coragem de interagir com o casal grudento quando se viam tão entretidos dando comida na boca um do outro. Definitivamente rolava os olhos para a ceninha piegas que presenciava. Nada contra também, só não queria ser a vela oficial.

Quando a tenda se encheu de novo virou um fuzuê só. Era aquela alegria contagiante que o grupo emanava que poderia causar inveja nas pessoas irritadiças por qualquer discussão de fim de ano, ou desgosto com a própria vida. As pessoas têm dessas.

O Kim mais novo, que estava começando a ficar emburrado, logo se animou ao ter Chan chamando ele e Woojin para entrarem um pouco no mar se refrescar. Era a deixa dele para curtir em paz, dando seu melhor sorriso aos mais velhos e fazendo os dois corarem por algum motivo.

"Deve ser o Sol", disse Woojin olhando de esguelha para o outro.

"Sim… O sorriso dele brilha tanto quanto", o Bang falou observando o mais novo caminhando animado logo a frente.

"A gente fala com ele no próximo ano."

Chan riu da piadinha do Kim, concordando em seguida. Eles tinham alguns segredos próprios. Piscaram um para o outro antes de correr e jogar água no mais novo, que gritou em surpresa com a água gelada em suas costas.


[...]


A tarde logo findou e agora todos estavam na casa alugada perto da praia. Prontos para comemorar… Ou ainda não? Mas já eram nove e meia da noite!

"Jisung! Vai logo tomar banho, inferno! Tem dois banheiros nessa casa só, esqueceu!?", Jeongin falava irritado a ponto de trancar o Han lá dentro com o sabonete e bucha de banho apenas.

"Mas o Felix não saiu de lá ainda, e no outro tá o Changbin… Se bobear ele só sai de lá em 2020", um bico se formando conforme se sentia mais injustiçado do que nunca naquele grupo!

"Para de falar besteira Hannie, eu já tomei banho primeiro até, preciso só terminar de ajeitar o cabelo." Changbin apareceu do lado dos mais novos assustando-os com uma máscara facial de pepino no rosto.

"Pronto, então o outro banheiro tá livre, vai lá logo, se não a gente não chega a tempo dos fogos!", dizia o Yang jogando a toalha nos braços de Jisung.

"Sim, entra lá, o Minho vai adorar tomar banho com você", segurou o sorriso prestes a se formar, não devia mexer muito por causa da máscara para não marcar as linhas de expressão. Mas ficou implícito o tom de malícia na voz.

Jisung corou, os pensamentos o traindo ao imaginar o Lee mais velho nu ensaboando suas costas e… Segurou com força a toalha e caminhou rapidamente para o banheiro onde Felix estava, abrindo a porta de supetão.

O ruivo soltou um gritinho meio afeminado tentando se cobrir as pressas e sem entender o que acontecia. Apenas se acalmou quando viu seu amigo dentro do banheiro e fechando a porta. Esse banheiro ficava no quarto do casal vinte, a porta de frente para onde os outros dois estavam em pé assistindo a cena.

"Changbin, seca essa baba escorrendo aí, pelo amor, toma vergonha na cara e pede o Lix em namoro e para de putaria. Fica secando o menino só, tá pior que o Minho… Eu hein. Agora chispa que os dois vão se arrumar direito ainda, vai, vai." Empurrou o mais velho porta a fora e fechou o quarto balançando a cabeça em negação. Seus hyungs complicavam tudo, ainda bem que ele deu uns puxão de orelha no Hyunjin.

O Seo nem esboçou reação, parecia vidrado repassado o momento que viu o corpo de Felix ainda nu. Foi andando automático para o próprio quarto, que dividia com Minho.

"Felix foi feito quando Deus tava namorando só pode", murmurou gravando a cena em sua mente. Só ficar de beijos e amassos com o mais novo não bastaria depois disso mais.


[...]


Todos os nove estavam reunidos na praia para ver os fogos. A contagem regressiva começando.

"9, 8, 7, 6, 5, 4, 3, 2… 1! FELIZ ANO NOVO!!"

Todas as pessoas gritavam e se abraçavam dando felicitações e boas vindas ao novo ano. Desejavam coisas boas para 2020 e o clima era de festa, todos concentrados nos fogos após os cumprimentos. O ambiente de confraternização ajudava a empolgação dos jovens e a esperança por dias melhores.

Depois de pouco mais de dez minutos observando os brilhos no céu noturno, um show e tanto, Minho se aproximou de Jisung.

"Ji, feliz ano novo… Eu-"

"Ei, Hannie, você dorme no meu quarto hoje! Eu vou ficar no seu com o Lix", disse apenas para a dupla ouvir, dando um empurrãozinho no corpinho do mais novo.

Jisung desequilibrou e foi apoiado pelo Lee, que o abraçou de lado, os corpos muito mais próximos que o necessário. Depois dessa Felix lascou um pescotapa no Seo por fazer isso com o melhor amigo. Mas Minho ignorou tudo, quase agradeceu o outro em pensamento, quase.

"Tudo bem por você, Jisung? Se você quiser, eu posso dormir na sala se for incomodo dividir comigo", falou calmo perto do rosto do mais novo, olhando em seus olhos e vendo-os brilhar refletindo o brilho dos fogos.

"Não! Eu durmo com você!", disse de pronto e logo se arrependendo do sentido duplo que poderia ser entendido ali, não foi sua intenção. Com vergonha não disse mais nada, apenas abaixou a cabeça.

"Vou amar dormir com você Ji", sussurrou rente a orelha do Han, mudando para abraçá-lo por trás.

Jisung se encolheu nos braços firmes, o rosto pegava fogo, mas não contestou ou fugiu. Se sentiu tão acolhido naquele abraço, ficaria ainda mais encantado se visse o sorriso apaixonado cravado nos lábios de Minho. Este que olhava para o mar, agradecendo pelo bom início que estava tendo já neste 2020.

26 Janvier 2020 14:22:24 0 Rapport Incorporer Suivre l’histoire
0
La fin

A propos de l’auteur

SoraSaki Taci, a.k.a Sora(空) • 25y • ♏ • Wattpad: https://www.wattpad.com/user/SoraSaki_ Spirit: https://www.spiritfanfiction.com/perfil/sorasaki

Commentez quelque chose

Publier!
Il n’y a aucun commentaire pour le moment. Soyez le premier à donner votre avis!
~