Inimigos Intimos Suivre l’histoire

lu-inoue1541002911 Lu Inoue

Ele se julga um ser perfeito, é um gênio, um louco, psicótico, presunçoso, inescrupuloso, sádico e leva sua sede de vingança as ultimas conseqüências e "ela" é a garota que teve a audácia de humilhá-lo perante a seus inimigos, ferir seu orgulho e invadir sua mente. Ele nunca irá perdoá-la, irá transformar sua vidinha de adolescente romântica e sonhadora em um verdadeiro pesadelo. Após ter seu orgulho seriamente ferido por Inoue Miyako, Digimon Kaiser elabora um plano para seqüestrar Hawkmon e usá-lo para transformar a garota em sua escrava, a partir daí ele começa a desenvolver um amor doentio e possessivo por ela, a situação vai se complicando ainda mais quando ele tenta afastá-la de todos os seus amigos e fazer com que ela viva somente para si. Para proteger seu parceiro Digimon Miyako se submete as loucuras de Kaiser sem se dar conta que a cada dia se torna mais intima de seu inimigo, fazendo de tudo para esconder seu segredo de seus amigos. Como isto vai acabar?


Fanfiction Anime/Manga Interdit aux moins de 18 ans.

#releitura #sexo #violencia #universo-alternativo #universidade #personagens-adultos #conteudo-adulto #Digimon-adventuri-two #Digimon-Adventure #Yolei-Inoue #Inoue-Miyako #Imperador-Digimon #Digimon-Kaiser #Kenyako
13
4.3k VUES
En cours - Nouveau chapitre Tous les 15 jours
temps de lecture
AA Partager

Prologo

Essa trama é universo semi alternativo, uma releitura de Digimon Adventure Zero Two, aqui nossos guerreiros não são mais crianças e o foco principal serão Digimon Kaiser e Inoue Miyako.

Olá galera, essa Fanfic está passando por revisões, desde já deixo claro em cada nota que
Ken, Miyako, Takeru, Hikari, Daisuke possuem 18 anos, a escola agora será universidade, porquê universidade abrange várias áreas assim dando oportunidade de mantê-los juntos.
Agora no site toda Fanfic com conteúdo sexual é preciso que os personagens tenham acima de 18 e eu não quero que essa Fic seja excluída.
Estou arrumando aos poucos os trechos que falam sobre o colégio e sobre as idades, os veteranos todos terão 19.
ENTÃO LEMBRANDO COLÉGIO AGORA É UNIVERSIDADE E TODOS TÊM IDADES ACIMA DE 18.
Deixarei a Fic ativa e seguirei fazendo as alterações.

É importante que você entenda que não seguirei cegamente as regras culturais japonesas, nem mesmo os animes fazem isso, então não esperem por aqui. É obvio que não vou colocar os personagens ouvindo músicas brasileiras e comendo comidas tipicas do meu pais, mas certas traços serão inevitaveis.

Sobre a popularidade de Ken, reza a lenda que apenas primários geniais recebem destaque, colegiais e pessoas na faculdade não recebem tanto, mas raciocinem comigo; se a pessoa participa de várias competições no ramo intelectual e esportivo e ganha medalha de ouro e taça em todos, acho que até adulto receberia atenção. Se você não concorda, basta entender que a Fanfic é minha, logo o universo é meu, e aqui, é assim que acontece.

Aqui também darei mais lentidão as descobertas de Kaiser sobre toda vastidão de possibilidades do Mundo Digital, e você pode chegar pensando que como na fic eles são jovens os digimons serão os badass da Wikimon, lamento informar que não, quero e vou manter a simplicidade evolutiva do anime para que assim eu possa fazer com que ganhem seus respectivons digimentals, de uma maneira mais adulta e dentro das novas propostas de dramas pessoais, mas se eu tacar badasss não terei motivos para trazer as segundas evoluções Armor, seria até ridículo. Assim como se, Kaiser controlasse os supremos, Demon Lords, Cavaleiros Reais, Sagrados, já de cara metendo o terror, não teria motivo para a crianção de Kimeramon, como é semi-releitura isso nem é spoiler.

Ah, mas autora, Ken com 11 anos teve o mesmo desenvolvimento como Kaiser do seu Ken com 18?
Basicamente é isso ai. Sabem o porque disso? Porque o anime foi feito para CRIANÇAS e nenhuma delas levaria em consideração o fato de que um aluno japonês passa OITO horas na escola e quando chega em casa tem PILHAS DE LIÇÕES ESCOLARES que tomam um mega tempo, o cara é gênio, mas não tem super velocidade. Além disso, Ichijouji participa de TREINOS E COMPETIÇÕES ESPORTIVAS E INTELECTUAIS como mostrado no anime, é obvio que anime é pra curtir e não para questionar, mas indo por uma veia mais realista, meu Ken vai estudando e dominando o Mundo Digital em seu pouco tempo de pausa dessa agitação toda.
Como eu já disse a um amigo, mesmo gênios mundialmente famosos levam muito tempo em suas pesquisas, porque na minha trama não poderia ser assim? Se meus argumentos não foram convincentes, você tem todo o direito de ir procurar outra trama para ler.

Este primeiro capitulo, é um breve resumo de como Miyako conheceu os digiescolhidos, Hawkmon, Mundo Digital e Kaiser,. Uma vez uma pessoa me disse que ao ler o prologo imaginou que a Fic ia repetir passo a passo o anime, e por isso não leria o resto. Se essa for a duvida de vocês, podem saltar para o próximo, garanto que a trama do anime não está repetida aqui.

Agradecimentos especiais ao Felipe, pela maravilhosa betagem. Obrigada seu lindo.

Espero que vocês gostem, darei meu melhor pela trama. Duvidas, perguntas, sugestões para melhorar, são bem vindas.
Obrigada.
Beijos!

Capítulo 1 - Prólogo

📷

POV Miyako

Era pra ser só mais um dia comum na vida de uma menina normal de doze anos, mas não, definitivamente aquele dia mudaria completamente a minha vida e a dos meus amigos para sempre. A correria daquela manhã foi típica, saí de casa atrasada ouvindo broncas do Iori-kun, meu vizinho e melhor amigo, dois anos mais novo que eu. Descemos de elevador e, quando a porta se abriu, revelou um menino loirinho, usando um chapéu branco e uma blusa com detalhes verdes, ele se apresentou como Takaishi Takeru, nosso novo vizinho.

Iori-kun e eu nos apresentamos e seguimos todos juntos para nossa escola, até aí as coisas estavam normais, porém quando eu estava na sala de informática, fatos misteriosos começaram a acontecer. Um e-mail foi enviado para Koushiro Izumi, que fazia parte do grêmio e estudou na minha escola no ano anterior, mas já estava no ginásio. Decidi verificar, pois poderia ter alguém usando o e-mail de Izumi-san, sem permissão. Quando vi que quem enviou a mensagem assinou com o sobrenome “Yagami.” No mesmo momento me lembrei que na quinta série tinha uma garota com este sobrenome. Apressei-me em encontrá-la.

Encontrei Yagami Hikari conversando com Motomiya Daisuke e com o loirinho que conheci hoje cedo. Uau, ele não perde tempo! Corri até a garota baixinha, de cabelos curtinhos e castanhos e entreguei o e-mail. Tive a impressão que ela e o loirinho já se conheciam, ficaram afobados, falando sobre um tal “Mundo Digital”, o irmão dela estar em apuros. Logo todos corremos para a sala de informática e o mistério só aumentava, minha curiosidade também. Antes de entrarmos no local, Izumi-san apareceu do nada, usando o uniforme verde do ginásio, parecia preocupado e pedira para usar uma das máquinas.

A confusão ficou maior quando Izumi se juntou a Yagami e Takaishi, falando coisas estranhas, fiquei ainda mais curiosa e pelo jeito Motomiya também. Neste momento Iori-kun veio me lembrar de ir a sua casa consertar seu computador, no entanto, eu queria entender o que estava acontecendo ali. Como tinha dado a minha palavra, me despedi e, mesmo curiosa, segui com Iori-kun. Andava com o meu amigo, desanimada por não saber o que ia acontecer naquela sala, quando de repente a coisa mais inesperada aconteceu. Fomos alcançados por duas luzes, tão brilhantes que quase nos cegaram. Quando consegui abrir meus olhos, vi um dispositivo estranho de cor vermelha “flutuando” em minha frente, não pensei muito e o segurei, notei que Iori-kun também possuía um objeto parecido com o meu, mas na cor amarela.

Nos entreolhamos e voltamos para a sala de informática em busca de explicações. Assim que abrimos a porta, nos deparamos com uma cena inacreditável, Yagami, Takaishi e Motomiya foram sugados para dentro do computador. Paramos estáticos e atônitos. Mostramos nossos dispositivos para Izumi e o mesmo nos explicou um pouco sobre “Digimons” e o “Mundo Digital”. Parecia tão absurdo, mas o mais estranho era que ter aquele dispositivo, praticamente nos tornava o que Izumi explicou por “Digiescolhidos.”

Ficamos tentando processar as informações e em menos de meia hora, Takaishi, Motomiya e os irmãos Yagami saíram de dentro do computador. Eu ainda estava cheia de perguntas, mas estava tarde e realmente todos precisamos ir pra casa. Fiquei pensando sobre o tal “Mundo Digital” enquanto consertava o computador do Iori-kun. Quase não dormi à noite e no dia seguinte saltei da cama e me arrumei em tempo recorde. Encontrei Takaishi-san e Iori-kun no elevador e seguimos para escola. No percurso, Motomiya se juntou a nós e eles falavam sobre os “Digimons” e o tal “Digimon Kaiser.” Bem… Me senti uma noob na conversa.

Digimon Kaiser? Quem em sã consciência colocaria um nome tosco e bizarro como esse? Kaiser é o termo alemão para imperador. O fato é que o cara parecia estar gerando o caos no Mundo Digital. Dei de ombros e me foquei em meus estudos “ou tentei”, não é todos os dias que você descobre que foi escolhido para ser guerreiro e proteger um mundo digital, que a qualquer momento você vai ser sugado por um portal no computador, ganhar um parceiro Digimon e confrontar as forças do mal, cheguei a me sentir uma “amazona de Athena” e parecia a coisa mais descolada que já aconteceu na minha vida. Inacreditável!

No final das aulas, encontrei Iori-kun e corremos para a sala de informática, Koushiro-senpai já estava no local, tentando abrir o portal e aguardando por nós. Mal começamos a conversar e Daisuke abriu a porta abruptamente, transbordando empolgação, seguido por Hikari-chan, Takeru-kun e uma garota ruiva, de cabelos chanel, trajando um uniforme verde do ginásio, que veio a se apresentar como Takenouchi Sora.

Depois de uma rápida análise feita nos nossos dispositivos e Daisuke se vangloriando de ter se aventurado em perigos pelo mundo virtual, finalmente nos posicionamos e erguemos nossos digivices em direção a tela do computador, o portal se abriu e fomos transportados para o Mundo Digital. O lugar era incrível, mas o fenomenal mesmo foram nossas roupas, que mudam de acordo com nossos desejos, achei a minha muito radical. Depois de uma discussão com Daisuke, sobre qual traje era mais maneiro, fomos de encontro aos monstrinhos digitais.

Daisuke foi o primeiro a encontrar-se com V-mon, uma criaturinha simpática, assemelhando-se como um dragão, com grandes olhos vermelhos, corpo azulado, com barriguinha branca e amistoso, posteriormente os demais também abraçaram seus parceiros. Sora-san possuía uma ave rosada com o nome de Piyomon; Koushiro-senpai, um tipo de inseto, joaninha-vermelha chamado Tentomon; o Digimon da Hikari-chan era uma gatinha cheia de estilo, branca de luvas amarelas chamada de Tailmon; e o do Takeru-kun parecia um hamster, com grandes orelhas que o permitia voar, uma fofura, chamado Patamon.

O momento do reencontro foi cortado por um ataque vindo do céu. Era um enorme Digimon esverdeado, aparentando ser um inseto. Os parceiros dos meus “novos amigos” travaram uma luta contra o inimigo. Porém, quando Daisuke e V-mon iriam atacar, o chão se abriu e um enorme buraco sugou o ruivo para dentro. Neste momento, surgiu mais um inimigo, um Digimon enorme parecendo um macaco peludo, de cor branca, lançando um bumerangue que acertou V-mon em cheio, o fazendo cair no buraco também.

Minha empolgação murchou! Daisuke estava correndo perigo, não parecia ter uma forma de poder salvá-lo, estava assustada, horrorizada, aquilo era muito real e muito arriscado. Quase entrei em pânico, mas Sora-san teve toda paciência de me convencer a sairmos dali a fim de buscarmos uma forma de ajudar.

Em meio a todo aquele drama, nossos dispositivos começaram a apitar emitindo um sinal, fomos seguindo e chegamos a uma enorme pirâmide. Assim que entramos, avistamos duas pilastras emparelhadas e sobre elas jaziam algo que lembrava ovos? Sim, um na coloração branca com curiosas asas nas laterais e um símbolo azul no formato de coração, além de outro em tonalidade amarela, com um chifre preto e um emblema roxo no centro.

Sora-san e Koushiro-senpai se aproximaram dos objetos murmurando algo sobre brasão e Digimentals, tentaram arrancar os “ovos” dos pilares, mas não tiveram sucesso, então pediram para que Iori-kun e eu tentássemos. Senti-me o rei Arthur, retirando a Excalibur da pedra. Realmente deu certo, uma luz vermelha emanou quando retirei o objeto e uma criaturinha linda se apresentou como Hawkmon, meu parceiro, era uma ave avermelhada com detalhes brancos e uma pena na cabeça.

Fiquei extasiada, senti um calor estranho no peito, era como se aquele Digimon e eu tivéssemos uma ligação muito forte, como se estivéssemos destinados a viver aquele momento. Percebi que Iori-kun também ganhou um parceiro, Armadillomon, assemelhava-se a um tatu, amarelo com patas e orelhas mais graciosas.

Hawkmon me falou que esteve esperando por mim e que a partir daquele dia iríamos lutar juntos. “LUTAR” Combater, esmurrar, socar, chutar, dar porrada? Eu? Justo eu que nunca matei nem uma formiga? Eu queria dizer que entrei em pânico! Não sou uma Lagertha “dama do escudo”, estou mais para Felicity Smoak. Só pratico violência nos games. Minha mente surtou, mas Sora-san tomou minhas mãos e contou que, há um tempo uma menina chamada Mimi tinha dito a mesma coisa. “Eu não quero lutar, não quero ver ninguém se machucar”. A ruiva clarificou que ninguém queria isso, contudo, fomos escolhidos por algum motivo, por sermos especiais de alguma forma e que um dia eu seria muita grata por ter conhecido um Digimon e embarcado em uma aventura com ele. Também falou para que eu fizesse o meu melhor. Até hoje guardo aquelas palavras com carinho.

Aquele momento foi cortado, pela necessidade de salvarmos Daisuke. Hawkmon me ensinou as palavras para fazê-lo evoluir, Armadillomon fez o mesmo com Iori-kun. Em suas formas como Holsmon e Digmon, partimos todos para a batalha. Quando montei em Holsmon pela primeira vez, confesso que senti um frio na barriga, era tão arriscado, emocionante, insano, era como se estivesse dentro de um jogo. Voamos rumo ao local onde estava Daisuke, de longe avistei o tal “Digimon Kaiser”, mas espera? O tão temido imperador, era só um pirralho com uma roupa super brega, gente... Quem usa um macacão coladinho, nas cores azuis e brancas? Pára o mundo que eu quero descer! E que cabelo horrível, parecia que o moleque tinha enfiado o dedo na tomada, nem vou falar daqueles óculos toscos.

Deixando de lado o senso de moda do garoto, me foquei na batalha e Holsmon acertou um ataque no Anel Negro, que era para escravizar V-mon e Tailmon acertou Kaiser, que acabou deixando o Digivice e o D-Terminal, do Daisuke, caírem direto em minhas mãos. Aquele foi nosso primeiro confronto. Debochei de sua cara, quando segurei os objetos de Daisuke e ele encarou-me, rangendo os dentes de ódio. Então, eu estava voando em uma ave gigante de armadura, a não sei quantos metros do chão, mas senti um calafrio estranho diante daquele maluco.

Somente uma criança, como nós. Era o que eu pensava, mas não, como ele mesmo disse uma vez… Como nós, nunca! Aquele garoto era um demônio com um grande poder em mãos e a partir daquele dia uma dura batalha contra seus planos malignos se iniciou. Hesitei em lutar, por inúmeras vezes, fiquei muito assustada em muitos momentos em que vi o quanto tudo aquilo era real. Sim, estávamos em guerra, sangrei e vi meus amigos sangrarem, presenciei Digimons inocentes se dissolvendo em dados, por culpa das loucuras de Kaiser.

Não importa que agora, sete anos depois, nós ainda temos que lutar, recebemos muito auxílio dos veteranos e já estamos acostumados a melar os planos de Kaiser. Mesmo que eu fique velhinha, voando em Holsmon e deixando a minha dentadura cair pelo caminho, irei lutar contra a tirania daquele imbecil. Agora estou treinada, preparada, incentivada e… Atrasada? Kyaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!

Meu Kami! Estou completamente atrasada, mas também o que esperam de mim? Sou uma guerreira, que luta pela justiça, não sou a Sailor Moon, sou Inoue Miyako, herdeira do brasão do amor, geminiana, 19 anos, cursando segundo ano na faculdade de Ciências da Computação, adoro músicas, doces e chá, parceira de Hawkmon e protagonista dessa trama e estou indo para a sala de informática me encontrar com meus amigos, para dizermos juntos “Liberte-se!” Mentira, peguei vocês! Para dizer:

“Digiportal abra, Digiescolhidos aí vamos nós!”

11 Mai 2019 16:34:03 6 Rapport Incorporer 127
Lire le chapitre suivant Um destino nada sutil

Commentez quelque chose

Publier!
Aniram Sairaf Aniram Sairaf
vamos ao comentário... A Miyako levava a vida de um típica adolescente japonesa até esse dia que mudou por completo a vida dela, foi escolhida pra combater o terrível Kaiser. A releitura ficou tão perfeita que me deu vontade de assistir de novo, a frustração da Miya de não ter conseguido ir pro digimundo no primeiro dia que recebeu o D-3 ficou incrível com essa riqueza de de detalhes. No dia seguinte ela finalmente entra no mundo digital e conhece os outros Digimons e o seu próprio parceiro, essa cena dela e da Sora é demais a ruiva sempre sendo a mãe do grupo. Realmente a Mimi antigamente não gostava de lutar, mas viu que não tinha outro jeito. Macacão brega a roupa de imperador podia mesmo ser melhor.  A Miya sempre nos mata de tanto rir com essa sinceridade. O cara se acha imperador e se veste assim?? Vamos parar de bullying  Momento incrível da Miya e do Holsmon  Quatro anos se passam e o Kaiser continua matando e escravizando os Digimons e sabe-se lá quanta maldade ele não anda planejando.  Divaaaaa você arrasou, essa volta triunfal da fic deixou a noite de todos muito feliz  Amei muito o capítulo diva, muito sucesso pra vocês.  ❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤❤
24 Août 2019 22:22:23
Felipe Mukuro Felipe Mukuro
Olha que coisa mais linda, mais cheia de graça! II, que bom te reencontrar sua delícia!
15 Juillet 2019 05:11:28

  • Lu Inoue Lu Inoue
    Firme e forte, recomeçar é viver. Obrigada por estar aqui comigo nesse recomeço. 17 Juillet 2019 08:16:04
Fluttershy 77 Fluttershy 77
AMO ESSA FIC
14 Juillet 2019 16:56:55

  • Lu Inoue Lu Inoue
    Obrigada lindona 17 Juillet 2019 08:16:44
Fluttershy 77 Fluttershy 77
Amo demais essa fic
14 Juillet 2019 16:55:03
~

Comment se passe votre lecture?

Il reste encore 8 chapitres restants de cette histoire.
Pour continuer votre lecture, veuillez vous connecter ou créer un compte. Gratuit!