Aniversario Suivre l’histoire

larivalk Larivalk .

Kiba queria comemorar um aniversario muito especial. Já Sasuke queria finalmente se declarar ao loiro que tanto amava, só que apenas um podia ter o que desejava.


Fanfiction Anime/Manga Interdit aux moins de 18 ans.

#kibanaru #naruto #Naruto-Uzumaki #Kiba-Inuzuka
Histoire courte
7
4.8k VUES
Terminé
temps de lecture
AA Partager

Comemoração


Sasuke estava completamente irritado com toda aquela situação, não sabia o motivo de estar fazendo uma missão em grupo, sabendo que ele sozinho daria conta de todo o trabalho. Se pelo menos estivesse com Naruto, as coisas seriam menos piores.

Já fazia quase 2 anos que ele havia voltado e sido perdoado por todos seus erros, devido ao fato de que ele ajudara a salvar o mundo shinobi. Então agora ele havia voltado como um ninja da folha, então como ele já havia prometido a si mesmo ele começara a planejar a volta de seu clã.

Para isso ele foi atrás de varias mulheres, ele não se importava com nenhuma delas, só queria herdeiros para que assim seu clã voltasse a ativa e voltasse a existir. Oferecia casas no bairro dos Uchihas para todas as mulheres na qual aceitavam os termos, no caso cuidar da criança sozinha, mas podendo colocar o sobrenome Uchiha em si e na criança.

Só que Sasuke transava apenas pelo fato de fazer herdeiros, ele odiava o sexo feminino e não tinha prazer nenhum em transar com alguma mulher. Pra falar a verdade, ele amava Naruto, só que tinha colocado o loiro de lado pois precisava reerguer o clã.

Mas nesse meio tempo nunca deixara de amar o loiro, estava disposto naquele dia a se declarar e finalmente ficar com o mesmo, já que não via mais motivos para se obrigar a deitar com mulheres, já havia um número razoável de mulheres gravidas.

— Cara, eu não queria ter vindo, porra amanhã é um dia especial — Kiba reclamava, praticamente jogado em Akamaru, que pulava entre os troncos da arvore — Podia já acordar comemorando.

— Acha que eu queria ter vindo em grupo? Daria conta sozinho da missão — O moreno falou encarando o moreno que revirou os olhos.

— Claro, se alguém não tivesse virado um inimigo que tentara assassinar um dos kages, certamente não teríamos que vim nessa merda — Kiba respondeu irritado.

— Se acalme Kiba, logo chegaremos, sei que é uma data importante pra você. Vão fazer quantos anos? — falou a rosada com um sorriso gentil e um tanto animada.

De namoro sério são uns dois..., mas de sexo selvagem mesmo é... — falou com um sorriso malicioso e se calou ao receber um soco na cabeça da rosada — Porra Sakura, pra que isso?!

— Não queria detalhes, céus que desnecessário isso — falou um tanto envergonhada — Vamos dar uma pausa, já está escurecendo e não acho uma boa ideia continuarmos andando, já que alguém aqui é humana e não tem visão noturna.

— Hm — respondeu sem ânimo, podia muito bem utilizar seu olho para chegar mais rápido na folha, só que estava tarde e não seria um bom horário para ter aquele tipo de conversa com seu loiro.

Armaram as barracas e decidiram o horário que acordariam no dia seguinte, enquanto comiam a comida que haviam abastecido na cidade onde a missão fora realizada, Kiba seria o primeiro guarda da noite então ficaria acordado por mais duras horas até que trocasse de turno.

Sasuke estava pensando, que nesse meio tempo ele não havia procurado Sakura para que a mesma lhe desse um herdeiro, seria deveras gratificante caso ele possuísse um filho com a mesma, a rosada era a melhor ninja medica e além disso também possuía uma força descomunal, teria um herdeiro completamente poderoso.

Então decidiu, pela última vez, fazer o sacrifício pelo seu clã e foi até a tenda da rosada que acabou acordando ao escutar sua barraca se mexer, devido a entrada do moreno. Ela piscou os olhos completamente confusa com a entrada do mesmo, afinal ela estava escutando rumores sobre o mesmo e queria muito acreditar que o mesmo não teria a cara de pau de fazer aquilo consigo.

— Sakura, precisamos conversar — falou o moreno, sério, fazendo Sakura quase rir desacreditada, ela não podia acreditar.

— Não, você realmente não está achando isso de mim — falou se sentando e encarando o moreno — Você veio aqui me pedir um herdeiro, acertei?!

— Sim, sei que tem uma queda por mim e isso seria satisfatório para ambos os lados, então não vejo motivos para mentir para você. Lhe daria uma noite inesquecível e você me daria um herdeiro — falou de maneira fria e sem um pingo de sentimentos.

Sakura deu uma risada nervosa, não podia acreditar que estava ouvindo aquilo do moreno, pensava como um dia ela pode se apaixonar pelo mesmo, ainda mais escutando aquele tipo de coisa. Ele achava que ela era mais uma puta afim de ter o status da família Uchiha? Ser uma barriga de aluguel?

— Sasuke, vou ter um filho do homem que amo, eu estou completamente perplexa que você teve a coragem de perguntar isso a mim. Sem nenhum tipo de remorso, sabendo ainda que um dia eu já fui apaixonada por você — falou com certo tom de nojo em sua voz — Eu não só quero fazer parte disso, como também quero entender o que se passa nessa sua cabeça. Acha que alguém vai querer namorar com um cara filho de sei lá quantos filhos?

— A pessoa na qual eu amo, não pode me dar herdeiros, eu estou fazendo isso pelo bem do meu clã — falou o moreno, ainda de forma calma — Você seria a última na qual eu faria isso, amanhã mesmo eu ia me declarar pro Naruto.

Sasuke não achou motivo para esconder aquilo, afinal depois ele andaria com o loiro ao seu lado, então esconder o inevitável era burrice. A rosada encarava o moreno com um misto de sentimentos, não sabia o que dizer para o moreno, estava bem irritada, mais do que já estava.

— Então, você transa com metade da vila e ainda tem a coragem de me dizer que ama o Naruto?! É isso mesmo? Nossa que sentimento maravilhoso esse o seu, ama tanto que não tem vergonha na cara de sair transando e engravidando meio mundo — disse apertando os punhos, como Sasuke podia fazer aquilo? Se perguntava se o mesmo teria a coragem de trair o loiro caso namorasse o mesmo — Você é um monstro, você devia morrer e levar sua linhagem amaldiçoada junto com você, Naruto jamais ficaria com alguém como você, ainda mais depois de tudo o que você fez!

— Me poupe de suas palavras, não preciso ouvir nada de você, que não tem conhecimento nenhum sobre meu sentimento pelo Naruto, eu o amo sim, nunca deixei de amar — falou o moreno, irritado.

— Pessoa foge da vila, faz inúmeras merdas e ainda sim vem me falar isso, sério, Sasuke, saia da minha tenda! Eu só sei que vou adorar vê-lo quebrar a cara amanhã — falou a rosada, com um sorriso maldoso.

O moreno saiu da tenda irritado, achava um ultraje a rosada lhe dizer aquelas palavras, tinha certeza que Naruto compreenderia seu lado, sabia muito bem que seu sonho era fazer com que seu clã voltasse das cinzas. Ele mais do que ninguém o entenderia.

Ficou com raiva de ter perdido seu tempo com a rosada, pra falar a verdade quando amanhecesse usaria seu olho para que pudesse chegar mais rápido na vila, assim jogaria na cara da rosada quanto ele estava certo. Tinha certeza que Naruto lhe amava, ainda mais depois de tudo que o menor tinha feito por si, era obvio que ele retribuiria o sentimento.

Naruto sempre lutou por si, sempre fora atrás do moreno para que pudesse resgatá-lo da escuridão, ainda sim Sakura queria se iludir achando que quando o moreno se declarasse o loiro não pularia em si aceitando o sentimento.

O moreno só queria que amanhecesse logo para que ele voltasse logo para casa para que enfim pudesse conversar com seu loiro.

++

Logo amanheceu, o moreno nem ao menos se despediu direito e utilizou seu olho para que pudesse chegar no portão da vila, não se importava de ter deixado seus colegas para trás, eram ninjas e tinha certeza que conseguiriam muito bem voltar pra casa sem sua ajuda.

Então rapidamente foi atrás de quem queria, não era difícil encontrar Naruto, ainda mais devido a quantidade absurda que o mesmo possuía de chakra. Então foi correndo atrás do loiro, encontrando o mesmo em um mercadinho comprando algumas coisas.

Percebeu que o mesmo estava com roupas comum, deixando o mesmo lindo, mais do que possível. O mesmo utilizava uma camisa justa azul marinho e uma bermuda preta, que destacava bem seus glúteos e suas coxas grossas. Uma bela visão na opinião do Uchiha, sem contar que sem a bandana, os cabelos loiros ficavam ainda mais bonitos.

— Bom dia, Naruto — falou em um tom um tanto rouco, chamando atenção do loiro que lhe sorriu bastante animado.

— Sasuke! Já voltaram então da missão?! Onde estão os demais? — perguntou olhando em volta, procurando os demais.

— Eu vim sozinho, afinal possuo um ótimo tele portador — disse com um sorriso de lado, se aproximando do loiro.

— Então, por qual motivo não trouxe todos com você?! — perguntou um tanto incomodado e indo até o caixa pagar suas compras.

— Não vi necessidade — falou calmo, ainda com um sorriso no rosto próximo ao loiro.

— Uma atitude bem imatura da sua parte, todos já podiam estar em casa — falou um tanto emburrado, tinha simplesmente se animado atoa.

— Poxa, Naruto, falando assim parece que achou ruim minha presença aqui tão cedo — falou um tanto incomodado com a desmotivação do loiro a sua frente, achara que o mesmo apreciava sua companhia.

— Não acho ruim sua presença, só acho que agiu de forma errada, podia te trazido todos aqui — disse pegando as sacolas e saindo da loja, sendo seguido pelo moreno — Se chegou, não deveria ter ido até a sala falar com Kakashi-sensei sobre a missão? Ou até isso vai deixar para seus colegas?

— Nossa, Naruto, achei que gostasse de minha companhia, eu vou sim depois na torre do Hokage fazer meu relatório, eu só quis te ver antes. Faz tanto tempo que a gente não sai ou conversa — falou o moreno, sentia muita saudade dos sorrisos e da animação do seu amado, ser recebido assim estava lhe doendo.

─Nem sei o motivo de nunca conversarmos ─Falou revirando os olhos e logo dando uma risada fraca ─Poderia me dizer a quanto tempo estavam da vila?

— Acho que no máximo em duas horas eles chegam aqui, por quê? — perguntou confuso, vendo o loiro colocar a mão no queixo.

— Entendo, obrigado pela informação — falou com um sorriso gentil fazendo o moreno sorrir junto, era tão bom ver o loiro sorrindo para si daquela forma, não sabia como ficara tanto tempo sem vê-lo assim.

Naruto então saiu sem se despedir, não era como o moreno esperava, achara que as coisas seriam diferentes. Se perguntava se tinha sido uma boa ideia ter focado tanto assim em seus herdeiros e deixando o loiro tanto tempo de lado, talvez tivesse que seduzi-lo mais, afim de fazer com que o loiro voltasse ao que era antes.

Fora logo resolver o assunto da papelada, tentaria uma nova abordagem com Naruto logo após o relatório, não iria desistir facilmente, afinal em matéria de sedução ele era o melhor. Nem precisava fazer muito esforço, mas para Naruto ele faria qualquer coisa, pois queria mostrar o quanto o loiro era especial para si.

Acabara que demorou mais tempo que o esperado, Kakashi também não havia ficado contente com o fato que o Uchiha não tivera trazido os demais colegas, então o fez com que terminasse todos os relatórios, resultando em uma hora gasta do moreno, que simplesmente xingava baixinho tudo aquilo.

Assim que terminou, voltou a procurar Naruto, queria voltar com suas investidas o mais rápido possível, tinha até mesmo um sorriso de lado. Se tudo desse de acordo com o planejado, hoje mesmo o loiro estaria na sua cama sendo amado por si.

Então sentiu que o mesmo estava na entrada da vila, olhando como se estivesse aguardando a vinda de alguém. Se aproximou vendo então o restante de seu time chegar, viu Sakura lhe fuzilar fazendo com que ele revirasse os olhos, já tinha feito o favor de fazer o relatório do time todo e ainda tinha que receber aquele tipo de olhar?

— Na próxima, Uchiha, traga todos nós — falou a rosada cruzando os braços.

— Eu fiz o relatório de todos, deveriam me agradecer — falou encarando a rosada, que logo abriu um sorriso sarcástico, fazendo com que ele ficasse confuso. Então ele virou o rosto, ficando em completo choque.

Naruto estava sendo abraçado, pela cintura, pelo moreno que possuía um olhar amoroso ao loiro que retribuía com ainda mais carinho. Ele estava em choque, o que estava acontecendo ali?!

— Amor eu senti tanto sua falta — Naruto falou manhoso, enquanto dava um beijo na bochecha do moreno que sorriu mostrando seus caninos.

— Onde está sua aliança? Ainda não ficou pronta — pediu, fazendo um carinho no rosto do loiro que fechou os olhos aproveitando a caricia.

— Não, Tsunade-Obachan disse que está quase finalizando, uma que não quebre dessa vez quando eu utilizar muito chakra — disse risonhos dando um selinho no moreno — Oh, Olá, Sakura-chan, como meu namorado se comportou?

— Foi insuportável, ele só falava de você — falou divertida, ela estava amando, não só a troca de afetos dos dois garotos na qual ela mesmo havia ajudado a juntar, mas sim a cara impagável do moreno.

Akamaru se aproximou, se esfregando no loiro que sorriu e fez um leve carinho no cão que latiu e balançou a calda animado. Fazendo com que Kiba desse um sorriso maior.

— Já vamos indo, afinal hoje é nosso aniversario — falou o moreno dando outro beijo no parceiro — Agradeço por ter feito meu relatório, assim tenho mais tempo com meu loiro, até mais tarde — falou acenando aos colegas, sendo copiado pelo loiro, deixando então o casal de amigos para trás.

— Sabe, Naruto canso de ir atrás de alguém egocêntrico como você, eu mesmo o incentivei a fazer isso — disse sorriso, de certa forma cruelmente, enquanto encarava o moreno — Kiba a um tempo demonstrava estar interessado, eu perguntei e resolvi ajudar. Afinal Naruto é como um irmão pra mim, eu queria que ele fosse feliz, estava cansado de vê-lo sofrendo por um canalha feito você, agradeço todos os dias por ter percebido a idiotice que era te amar e ainda ter conseguido abrir os olhos de Naruto em relação a você.

— Não, impossível, Naruto nunca deixou de ir atrás de mim esse tempo todo — falou nervoso, não acreditando no que tinha visto.

— Sim ele ia, mas não era motivo pra ele deixar de viver, afinal sempre que voltava, era para os braços de Kiba. No começo fora complicado, afinal Kiba era bem ciumento e achava que com sua volta o loiro iria largá-lo, mas depois de tudo o que passamos, durante sua mágica aventura desejando vingança, eles se aproximaram mais a ponto de namorarem sério, Naruto nunca foi tão feliz, ele finalmente encontro alguém que o ama.

— Eu o amo, como pode falar ao contrário?! — falou praticamente rosnando para a rosada que riu com deboche.

— Ama? Você queria transar comigo, antes de se declarar, tem noção de quanto isso é nojento?! Sasuke, não temos mais 13 anos, Naruto perdeu e muito tempo pensando em você, a culpa é sua por não ter aproveitado um homem tão perfeito quanto o loiro — falou a rosada se aproximando do moreno ficando de frente pro mesmo — Ele agora é um homem feliz, junto ao homem que ele ama, provavelmente hoje Kiba vai pedi-lo em casamento, afinal somos ninjas e mesmo num mundo em paz, nunca se sabe quanto isso vai demorar.

— Mas eles só têm 22 anos! Não, eu não posso acreditar nisso, Naruto sempre demonstrou me amar, eu não posso perde-lo, ele é tudo pra mim — disse em quase desespero.

— Você nunca demonstrou isso, seu amor é egoísta Sasuke, você só pensa em si mesmo, no seu clã, no futuro na qual você planejou, você sequer pensara em encaixar Naruto, acha mesmo que ele ficaria com você? Depois de tudo, ainda mais sabendo que você deu em cima de mim pra conseguir um herdeiro?! — falou raivosa e logo deu uma risada sínica — Eu tenho pena de você e quero deixar bem claro, se tentar algo contra Kiba eu e todos aqui dessa vila, vamos botar você no seu lugar. Você pode te essa merda no rosto, achando que é o dono do mundo, mas eu também lutei contra aquela puta, sei muito bem como quebrar a cara de alguém mais forte.

Sakura se virou dando as costas ao moreno, deixando o mesmo estático encarando o chão, pois ele ainda não conseguia acreditar que havia perdido a única pessoa na qual ele realmente havia se apaixonado, não conseguia aceitar que tinha o perdido. Seu coração doía de uma forma que nem mesmo quando perdera sua família sentira isso, sentiu o rosto quente, percebendo que estava chorando.

Colocou a mão no rosto, tentando de alguma forma conter as lagrimas que caiam, o que ele tinha feito. Por qual motivo ele deixou de pensar em Naruto, por qual motivo ele quis continuar a reconstrução de seu clã, sem ter o loiro ao seu lado, ele poderia te pensado em um jeito de continuar sua linhagem. Eram tantas coisas em sua cabeça, fazendo com que cada vez mais ele se odiasse, pois ele havia perdido Naruto, para sempre.

++

Em outro lugar da vila, Naruto e Kiba andavam de mãos dadas até sua casa. Devido a todo heroísmo da guerra, Naruto havia ganhado um ótimo terreno, tinham construído uma casa e feito um grande jardim. A casa ficava um tanto afastada do centro e de outros centros comerciais. Era um condomínio enorme de casas grandes e de luxo.

Nenhum dos dois ligava muito pra aquilo, mas gostavam de estar em um lugar um tanto afastado, afinal ambos eram bem descontrolados e não conseguiam se conter. Kiba havia mandado Akamaru ficasse com sua mãe naquele dia, afinal ele tinha que aproveitar e muito com seu namorado.

— Eu fiz seu prato preferido — disse com um suspiro, já que o moreno lhe abraçava com certa força por trás.

¬— Meu amor, fiquei uma semana longe de você, deixei me matar a saudade antes — falou beijando o pescoço do loiro, escutando o mesmo gemer baixinho.

— Você é um tarado, só pensa no meu corpo — falou fazendo um bico, fingindo estar incomodado.

— Sabe como é — falou passando a mão pelo corpo do loiro — É da natureza de um cachorro perseguir a raposa — falou se esfregando no loiro — E mostrar pra ela o quão bom nós somos em caçar.

— Não se esqueça do sexo selvagem — disse, virando-se e encarando os olhos do moreno — Então porque está demorando tanto, caçador? Sua raposa esta louca para ser dominada — Jamais deixaria de amar aqueles momentos, adorava aquele cão selvagem que possuía uma energia sem fim para o sexo. Sem contar que o mesmo era deveras carinhoso e amoroso quando não estava sendo um tremendo tarado.

Afinal aqueles dois tinham muito a comemorar, o dia estava longe de acabar.

4 Mai 2018 23:31:51 0 Rapport Incorporer 7
La fin

A propos de l’auteur

Larivalk . Local, onde as fics estão em dia >https://www.wattpad.com/user/LariValk

Commentez quelque chose

Publier!
Il n’y a aucun commentaire pour le moment. Soyez le premier à donner votre avis!
~