Loser Suivre l’histoire

brightshade Jammes Messias

- Tweek... - o garoto do chullo azul estava quase chorando, mas deu um sorriso. - Eu não preciso que você me dê uma estrela... - então, o garoto levantou a cabeça do outro, fazendo com que se encarassem. - Você é a minha estrela. { YAOI - Creek/Twaig } { Citações de Twenny/Bunny }


Fanfiction Déconseillé aux moins de 13 ans.

#romance #fluffly #universo-alternativo #Shounen #Craig-Tucker #Clyde-Donovan #yaoi #Tweek-Tweak #drama #Creek #South-Park
Histoire courte
4
5.2k VUES
Terminé
temps de lecture
AA Partager

Capítulo único

Craig Tucker se sentia sozinho, seu coração era vazio...Nunca entendia o porque...Era apenas uma solidão, uma sensação de ser inútil em tudo.

Pobre, garoto...Em torno de seus 13 anos, não sabia como entender seus próprios sentimentos.

Afinal, quem sabia ?Segundo estudos de psicologos, você só amadurece após os 26, imagina como uma criança de 13 poderia estar perdida!

Depressão é uma doença, e deve ser combatida, assim como o cancêr...Mas tinha um problema, os pais de Craig achavam isso desnecessário.


Cruel.


Proibir um garoto de ser feliz, era isso que faziam.

Até que um dia, um dia comum na escola de South Park, Craig esbarrou num garoto do primeiro ano do ensino médio. Era um jovem louro, com cabelos espetados e olheiras profundas.


- Oh, não olha por onde anda ?! - o menino do chullo azul perguntou irritado. Por mais que não quisesse falar aquilo, era impossível, foi automático.


- D-Desculpa! - a voz estridente do garoto mais velho irritou os ouvidos do menor.


- Não fala gritando!Eu estou do seu lado! - Craig falou ficando na ponta dos pés, para tentar dar o tamanho do estranho a sua frente, mas falhando.


- ... - o louro iria abrir a boca para retrucar, quando outro garoto chegou, pegando em seu braço.


- Amor, vamos logo! - o garoto da jaqueta laranja falou, praticamente puxando o louro para longe do garoto do nono ano.


- HEY!VOCÊ NÃO ME DISSE SEU NOME! - o menor gritou num impulso. Sequer se importava com o nome do garoto estranho que tinha conhecido, mas algo dentro de si fez com que gritasse aquilo.


- Tweek! - o outro que estava sendo arrastado gritou de volta, enquanto sumia pelo corredor.


- Tweek... - Craig sussurrou para si mesmo, encarando a direção em que o estranho tinha ido.


•••《 ✮ 》•••


Algumas semanas se passaram, e Craig reencontrou Tweek. Por alguma razão, eles se tornaram bons amigos, mesmo que Craig não entendesse muito ao certo como a "amizade" deles funcionava.

Craig descobriu que o nome completo do garoto era Tweek Tweak. Descobriu que ele namorava, segundo o jovem do chullo azul, um idiota chamado Kenneth McCormcick, e descobriu de sua ansiedade. Com o tempo, descobriu que ele tinha um grupo de certa forma...Estranho...Tweek podia ter ansiedade, gritar a cada fala, ainda sim, tinha mais amigos do que Tucker.


Então ele fez uma lista para que não ficasse confuso:

Eric Cartman, o nazista.

Stan Marsh, o viado "enrustido".

Kyle Broflovski, o outro viado judeu "enrustido".

Butters Stotch, o garoto apaixonado pelo namorado de Tweek.

Clyde Donovan, o narcizista idiota.

Token Black, o riquinho.

Jimmy Valmer, o piadista.

E por fim, claro, Kenneth McCormick, o idiota.


Craig não entendia ao certo do porque Tweek namorava com Kenny...Afinal, o relacionamento deles parecia desandado, ainda mais quando Tweek descobriu que seu melhor amigo era apaixonado pelo McCormick...Talvez fosse apenas por pose, segundo o louro, ele e Kenny ganhavam dinheiro por serem o único casal gay no ensino médio, e Kenny precisava daquilo, para sustentar sua irmã...

Craig realmente não entendia, mas não questionava.


E quando Craig notou, estava na arquibancada com Tweek, no baile de formatura do segundo ano. O louro tinha um cigarro em seus lábios e o garotinho do chullo azul o encarava assustado.


- Você está fumando...?


- Estou...Ngh...


- Papai e mamãe disseram que dá câncer... - o garotinho começou a mexer nos cadarços do tênis. Era engraçado vê-lo usando sua roupa casual enquanto Tweak usava um blaser bonito.


- Ainda fala mamãe e papai ?Pensei que tivesse 13 anos...


- Eu tenho 15! - o jovem gritou irritado. - E você só tem 17, nem poderia fumar!


- Hmpf... - o louro riu, enquanto tragava o cigarro uma ultima vez e o apagava. Tweek tinha esse mau hábito de fumar desde que começou a sair com Kenny...Que alías, estava dançando com Butters. Tweek deu uma olhada no "casal" que dançava com um sorriso feliz e se virou para o garoto do chullo azul que encarava os casais dançando com um brilho no olhar. Então se levantou e estendeu a mão para Craig.


- Huh ?


- Vamos dar o fora...Conheço um lugar mais legal.


- Okay... - ainda com um pouco de receio, Craig pegou na mão de Tweek e o seguiu. Ambos foram para uma pequena montanha de South Park, estava noite, e as estrelas iluminavam o céu de maneira perfeita. Craig encarou o céu, encantado.


- Gostou, não ?Gah!


- É incrível!Seria ótimo ter um telescópio agora mesmo...


- Ow, nerd!Também não sou rico para comprar isso. - Tweek riu, se deitando na grama. Craig se deitou ao lado, olhando o céu. Observar as estrelas e o espaço era uma das únicas coisas que preenchia o coração de Craig, isso, e Tweek.


- ...Eu queria poder toca-las... - o garotinho do chullo azul estendeu os braços, fascinado. Tweek deu um sorriso de lado em poder ver Craig daquela forma. Sempre entenderá a depressão do moreno, e tentava faze-lo o mais feliz possível. Craig apenas não notava as coisas simples que o louro fazia, como lavar as roupas do garoto, ou colocar adesivos coloridos em seus ferimentos. Tweek sempre estava preparado com um alías, por geralmente, quebrar coisas em suas mãos, como copos de café.


- Eu queria poder te dar uma... - o louro falou com um sorriso, voltando seu olhar as estrelas.


- Como ? - Craig se virou na grama, encarando o amigo mais velho.


- Sei que é apaixonado por elas, queria poder te dar uma... - o jovem se virou também, encarando o menino.


- Tweek... - Craig sorriu, se sentando, era visível uma certa vermelhidão em seu rosto. - Bobo!


- Isso te faria feliz, não ? - Tweek se sentou também, encarando o outro.

- Como assim ?


- Sei que se sente sozinho...Que se sente inútil, vazio...E seus pais não ajudam...Eles conseguem ser piores que os meus


- Tweek, eu...


- Craigory!Eu...Só queria te ver sorrindo mais vezes, te ver feliz mais vezes! - o louro disse rapidamente, soltando um espasmo rápido. - Eu...Acho que se pudesse te dar uma estrela, você seria feliz... - o garoto abaixou a cabeça, talvez estivesse falando aquilo por impulso, ou fosse apenas algo que estava engasgado em sua garganta a muuito tempo... - Kenny já vem me traindo com Butters há um bom tempo...E eu deveria estar triste com isso...Mas a única coisa com que me importo é com você...Em você estar se sentindo solitário, em que você viva naquele inferno que seus pais chamam de casa...GAH!


- Tweek... - o garoto do chullo azul estava quase chorando, mas deu um sorriso. - Eu não preciso que você me dê uma estrela... - então, o garoto levantou a cabeça do outro, fazendo com que se encarassem. - Você é a minha estrela.

10 Avril 2018 19:53:26 0 Rapport Incorporer 1
La fin

A propos de l’auteur

Jammes Messias Sou um garoto (Ou melhor, prefiro que se refiram a mim como garoto) que ama South Park e musicais! Tenho cabelo azul e gosto de escrever, e fazer rpg. Também...Amo yaoi heh...

Commentez quelque chose

Publier!
Il n’y a aucun commentaire pour le moment. Soyez le premier à donner votre avis!
~