paloma-machado1524178432 Paloma Machado

Na botânica da vida, não existe como ela.


Poésie Tout public.

#poesia #poema
Histoire courte
1
1.3mille VUES
Terminé
temps de lecture
AA Partager

Rara

Já foi semente, virou broto,

Já teve ramo, ganhou botão,

No campo verde e vasto

Da sua belíssima imensidão.


Agora tem mais que pétala,

Tem perfume, é flor inteira,

Hoje é plenamente liberta,

Não cai ou fraqueja por besteira.


Passou por mau clima,

De vento e tempestade,

Mas sempre de cabeça erguida,

Aproveitando cada oportunidade.


Sempre se ergue de novo,

Mais um dia para renascer,

Sua luta é digna, seu esforço é bravo,

Cada dia querer algo a mais ser.


Tem espinhos, mas não é rosa,

Delicada, mas não é margarida,

Um pouco tímida, mas gosta de prosa,

De gosto peculiar, de alma querida.


É aventureira, mas não é tulipa,

Não é lírio, mas é romântica,

Não se precipita, não se dissipa,

Ela é rara, espécie única.

25 Août 2021 23:37:28 0 Rapport Incorporer Suivre l’histoire
0
La fin

A propos de l’auteur

Paloma Machado Gamer Writer Tea and Pepper Lover <3

Commentez quelque chose

Publier!
Il n’y a aucun commentaire pour le moment. Soyez le premier à donner votre avis!
~