hope_kim Hope Kim

Você jurou sob as estrelas que me amaria para sempre, elas e a Lua se tornaram nossas testemunhas. Como a dama-da-noite, seremos eternos sob a luz do luar. Mas agora você era uma estrela escarlate, uma estrela escarlate brilhando no infinito.


Fanfiction Groupes/Chanteurs Déconseillé aux moins de 13 ans.

#sadfic #vkook #v #taehyung #jungkook #kpop #bts #taekook
Histoire courte
0
1.5mille VUES
Terminé
temps de lecture
AA Partager

Capítulo 1 (Único).

— Eu gosto das estrelas. — O ruivo comentou enquanto admirava as orbes brilhantes, deitado na grama úmida. — A forma como elas brilham sozinhas no espaço. Você também gosta de estrelas, Kook?


— São grandes esferas de plasma que brilham por conta das fusões nucleares que ocorrem em seu interior. Só isso. — Respondeu sincero.


— Você vê as coisas de um ponto muito científico. Isso tira a magia do mundo. — Murmurou com um bico nos lábios, seu namorado insistia em arrancar o pouco de magia que restava no mundo.


— Você que enxerga magia onde não há. — Colocou uma mecha do ruivo atrás da orelha. — Eu gosto disso.


— Claro que gosta, você é meu namorado. — Ele riu como se fosse óbvio, e realmente era, Jungkook era perdidamente apaixonado pelo seu ruivinho. — Eu também gosto do seu jeito sem graça e sua visão melancólica do mundo.


— "Claro que gosta, você é meu namorado." — Afinou a voz tentando imitar a voz de seu namorado, este que franziu o cenho e estalou um tapa no peito no maior. — Aí! Sua mão é pesada, pega leve!


— Você é ridículo, Jungkook. — Fez um bico e virou o rosto novamente para o céu estrelado.


— Mas você me ama mesmo assim, então estou no lucro. — Riu sozinho admirando o rosto bonito do ruivo. — Meu amor por você é maior que todas as estrelas no céu.


Aquilo era cafona na visão do ruivo, mas não achava ruim, sempre se derretia todinho quando o moreno dizia coisas românticas e cafonas para si. Se sentia amado.


— Estou começando a ficar preocupado, como vai caber tudo isso no seu coração que "só bombeia sangue" — Ironizou repetindo as mesmas palavras que Jungkook havia dito semana passada para si, "Ele apenas é um órgão vital".


— Eu sou um menino estudioso, Tae. Procuro a ciência por trás de tudo, gosto de explicações por trás das teorias. Por isso eu não tenho religião. Mas existe uma coisa que eu nunca conseguia entender... você.


— Eu sou uma pessoa simples, Kook. — Ele sorriu bobo com a declaração.


— Não é, eu estudei diferentes tipos de socialização, estudei os sinais humanos, passei a entender cada gesto dos meus colegas.


— Você parece um louco falando assim. — Apoiou a cabeça no peito do moreno, entorpecido pelo cheiro amadeirado que o outro exalava. — Gosto de um pouco de loucura.


— Eu sei que sou estranho. — Começou a acariciar os fios vermelhos. — Mas você é mais, não segue nenhum dos padrões. Uma hora você está feliz, segundos depois você está chorando, você não fazia sentido.


— No passado? Agora eu faço?


— Eu sou formado em Kim Taehyung agora. Mas durante o processo, algo inusitado aconteceu.


— Você não resistiu ao meu charme e se apaixonou. — Eles riram e Kim começou a fazer desenhos invisíveis no peito de Jeon. — E eu me apaixonei pelo seu jeito tímido mas ao mesmo tempo abusado, já que você sempre parecia me comer com os olhos.


— Coisas bonitas devem ser apreciadas. — Sorriu olhando para o céu. — Talvez você tenha razão, as estrelas são bonitas.


— Na minha próxima vida eu quero ser uma estrela. — Olhou novamente para o céu. — Brilhar nas noites mais escuras.


— Você já brilha, Tae. — Puxou levemente o queixo do ruivo até que ele o olhasse, seus olhos refletiam a luz estelar. — Você é a minha estrela.


[...]

Você sempre teve um brilho único, meu amor. Brilhava a todos os momentos, desde o amanhecer ao crepúsculo. Você era uma luz eterna, sempre iluminando o meu caminho e aquecendo meu coração que antes, era congelado. Você jurou sob as estrelas que me amaria para sempre, as estrelas e a Lua se tornaram nossas testemunhas. Como a dama-da-noite, seremos eternos sob a luz do luar.

"Eu te amo mais do que todas as estrelas do céu" virou a nossa jura de amor, um selar de um amor que seria eterno, que brilharia mais que todas as estrelas no soturno céu. Eu seria eternamente seu, e você seria eternamente meu.


Mas assim como as estrelas um dia se apagaram, sua luz se apagou. O caminho que antes era iluminado, se tornou sombrio e melancólico, o coração que antes era aquecido, se congelou. Eu não conseguia te entender quando você adormecida no meu colo de tanto chorar, eu não compreendia onde doía, brilho estelar. Eu era formado em te entender, mas por quê você parou de seguir os seus padrões?


"Eu vou virar uma estrela"


Seus cabelos que antes eram vermelho escarlate, se tornaram castanhos. Você mesmo sem seu brilho ainda era belo. Meu coração congelado ainda te amava, mesmo sem seu brilho, eu o amava.... Eu tentava te aquecer nas noites frias, mas eu não exalava calor como você fazia, eu não tinha um coração para exalar amor. Eu queria te proteger, mas não tinha ideia de como. Eu queria brilhar por você, queria brilhar para você, mas eu não conseguia, brilho estelar.... Eu sou inábil.


"Eu vou virar uma estrela"


Meses se passaram, você ainda era uma estrela sem brilho estelar, ainda tão belo sem seu brilho, ainda tão perfeito quanto antes. Seus sorrisos foram se tornando cada vez mais escassos, antes eles exalavam uma felicidade para todos ao redor, era impossível não estar feliz quando você estava. Agora toda vez que você abria a boca, lágrimas desciam de seus olhos inchados e, agora, sem brilho. Eu queria te ajudar, queria te guiar, mas você tinha medo de me machucar.


Mas acabei machucado mesmo assim.


Passei a entender seus sussurros nas noites soturnas, mas era tarde demais, Luz estelar. Eu passei a entender assim que você me mandou aquela mensagem na noite estrelada.


"Eu vou virar uma estrela", ela dizia.


Era tarde demais, eu não fui capaz de te impedir, não fui capaz de me juntar a você. Agora você brilhava no céu, essa foi a forma que você encontrou para brilhar novamente, e tudo bem. Eu te perdoou por quebrar nossas juras. Eu te perdoou por me fazer o procurar pelo céu soturno. Uma estrela escarlate...


... brilhando no céu infinito.

27 Mai 2021 16:54:57 0 Rapport Incorporer Suivre l’histoire
0
La fin

A propos de l’auteur

Hope Kim Escritora nas horas vagas que se esforça ao máximo para trazer atualizações :) https://moonhopemoon.carrd.co/

Commentez quelque chose

Publier!
Il n’y a aucun commentaire pour le moment. Soyez le premier à donner votre avis!
~