miin_ yoonclloser

[ ONESHOT ] ❝Somos todos como a Lua. Temos um lado escuro que não queremos que ninguém veja.❞ Sadfic • jjk+pjm • jikook • kookmin Designer: miinyooncat •Iniciada: 09/12/2020 •Terminada: 09/12/2020


Fanfiction Tout public.

#romance #sadfic #pjm #jikook
0
1.6mille VUES
Terminé
temps de lecture
AA Partager

001[Apenas Fique🍁]

🐣+🐰


⚠️Olá, meus amores. Só queria avisar que essa oneshot é sad e que ela é um tanto pesada. Então, se você for sensível, recomendo que não leia.⚠️


• 01/12/2020 •


- Vem Kookie, vamos tomar banho na chuva!


Jimin me puxava para o lado de fora da nossa casa, com um sorriso tão lindo em seu rosto.


No começo eu disse que não iria, mas quando ele sorriu acabei desistindo e apenas fui com ele.


Ele sorria, brincava com as poças de água, cantava e me abraçava a cada segundo. Era maravilhoso ver ele tão bem, tão sorridente, tão feliz.


Só de saber que ele superou todos os problemas que a vida fez ele passar, o meu coração já se aquece e fica muito mais aliviado. Eu tinha medo de deixá-lo sozinho, pois ele sempre dizia que gostaria de dar um basta nisso tudo, e eu já imaginava qual seria esse "basta".


Mas tudo ficou bem, tudo está bem. E isso é oque importa. Apenas isso.


- Acho que já está bom. Vamos entrar, amor.


- Só mais um pouquinho, por favor... - Ele abraça a minha cintura e começa a distribuir beijos pelo meu rosto.


- Tudo bem. Só mais um pouquinho.


Ele deixa mais um selar em meus lábios e logo começa a correr, dizendo que eu não conseguiria alcançar ele. Começo a correr atrás dele e quando eu chegava perto, ele sorria alto, dizendo que ele não deixaria eu alcança-lo.


- Te peguei!


Pego o mesmo pela cintura, sorrindo junto com ele.


- É, parece que você me alcançou... Da próxima tento correr mais rápido.


- Da próxima irei te alcançar do mesmo jeito, anjo. Não deixarei você fugir de mim.


Assim que percebemos que a chuva parou, entramos para dentro de casa, tomamos um banho e trocamos de roupa. Fiz um chocolate quente para nós dois, coloquei um filme e cobri nós dois com um edredom, pois estávamos com bastante frio.


- Hoje foi um dia incrível, kookie. Obrigado por isso.


- Não me agradeça, amor. Você sabe que farei de tudo para ver você sorrindo.


E por mais que às vezes eu esteja muito ocupado com o trabalho, sempre tiro bastante tempo para ficar com ele. Para ajudá-lo a não depender apenas de seus remédios, ou seja, os antis-depresivos.


O jimin já sofreu muito quando era criança e também sofreu em sua adolescência. Me julgo todos os dias por não ter conhecido ele em sua pior fase. Ele ainda não está cem por cento, mas faço de tudo para ele não ter recaídas e fazer o pior contra si mesmo. Sempre que ele me liga dizendo que está se sentindo triste, ou quando ele diz que as lembranças daquele maldito tempo voltou, eu simplesmente largo tudo e vou ficar com ele.


O meu maior medo é de perder ele...


Ele me abraça em quanto estamos deitados no sofá da sala e se aconchega. Logo percebo que ele já estava dormindo, então desligo o tevê e levo ele para o nosso quarto. Deito ele delicadamente na cama, me deitando logo em seguida. Abraço ele e assim dormimos.


[...]


- Já estou indo trabalhar. Qualquer coisa me liga, ok?


- Ok, Kookie. Eu te amo.


- Eu também te amo.


Ele sorri e me da um selinho. Como todos os outros dias.


Mas hoje ele não parecia estar muito bem, então perguntei se ele queria que eu ficasse em casa com ele, só que ele negou.


Não fiquei muito certo se iria ou não, mas ele acabou insistindo para que eu parasse de me preocupar tanto, pois ele ficaria bem. Que nada iria acontecer.


E bem, eu confiei nele e fui para o trabalho. Mas aquele sentimento, aquele aperto no meu peito não passava, parecia que algo ou alguém queria me dar um aviso.


Só que de certa forma ele não ficaria sozinho, pois há algumas semanas atrás eu o presenteei com um gatinho, porque ele já tinha me dito que queria um para si. Para que não se sentisse tão só quando eu estivesse trabalhando.


E assim eu fiz. Lhe dei de presente esse tão pedido gatinho. Ele era amarelo, com pequenas listras amarelas em seu pelo. O Jimin amou tanto aquele gatinho que chorou quando eu lhe disse que era um presente para ele.


Mas coloquei em minha cabeça que ele estava bem, que se ele precisasse da minha ajuda, ele me ligaria, assim como prometido.


[...]


•03/12/2020•


Mas há dias em que apenas queremos desistir, não é mesmo? Não queremos exatamente por um fim em nossa vida, mas sim em nossa dor.


E foi assim com ele. Foi exatamente assim que aconteceu com a pessoa que eu mais amava nesse mundo.


E hoje, dia 03 de dezembro, estou destruído. Deitado em minha cama, lendo pela décima vez a carta que o Jimin deixou para mim.


°Carta°


Oi, Amor. Prevejo que você já esteja em casa, lendo essa carta que deixei para você...


Bom, primeiro eu quero lhe pedir perdão por não conseguir cumprir a nossa promessa de nunca desistir.


Mas, por favor, me entenda. Eu não queria mais sofrer, não queria mais me olhar todos os dias no espelho e lembrar das coisas horríveis que ele fez comigo. Eu não queria mais acordar no meio da noite chorando por ter sonhado com aqueles momentos terríveis.


Eu só quis acabar com essa dor em meu peito, mas também queria deixar você aliviado. Ver você sofrendo por um problema que não era seu, me destruía ainda mais... Então eu só quero que você entenda que, apesar de tudo isso, eu estarei bem melhor aqui. Pois agora estou em paz. Agora ela cuidará de mim. Agora estarei nos braços da minha mãe.


E não se preocupe, eu irei cuidar de você, amor. Saiba que todas às manhãs estarei iluminando os teus caminhos. E ao anoitecer, irei brilhar como a lua.


Eu te amo, Kookie.


A cada vez que eu lia aquela carta, era um pedaço de mim que morria. Será difícil seguir sem ele em minha vida.


Mas sei que encontrarei o meu amor em breve.

14 Mai 2021 11:26:02 0 Rapport Incorporer Suivre l’histoire
0
La fin

A propos de l’auteur

yoonclloser 🧚🏻‍♀️

Commentez quelque chose

Publier!
Il n’y a aucun commentaire pour le moment. Soyez le premier à donner votre avis!
~