nanisenpai Nani Senpai

Sakura tem uma importante decisão a tomar: continuar vivendo em sua vila, ao lado de seus amigos e família, sendo a aprendiz da Quinta Hokage e a integrante do time 7 que estagnou ou ser a chave principal que vai proteger aqueles que lhe protegeram a vida toda e sua vila de uma possível Quarta Guerra Ninja, além de ter um leque de oportunidades para se tornar não só a melhor Médica-Nin, como também uma dos mais fortes Ninjas de sua geração. A resposta parece óbvia, mas será que ela está disposta a abrir mão de tantas coisas assim? Uma vida, que não mais a pertencerá, lhe aguarda caso escolha a segunda opção e isso é o suficiente para assustá-la e paralisá-la… até a situação piorar consideravelmente. UN / SasuSaku / Akatsuki / SakuraAkatsuki


Fanfiction Anime/Manga Tout public.

#naruto #sasusaku #akatsuki #un #Nani-Senpai #Sakura-Akatsuki
1
3.9k VUES
En cours - Nouveau chapitre Tous les 15 jours
temps de lecture
AA Partager

Situações desesperadas, pedem medidas desesperadas

NOTAS DO AUTOR:

Yo, Minna!

Bom, esse aqui é um projetinho improvisado que ganhou vida despretensiosamente. Para quem acompanha minhas outras fanfics, sabe que eu sumi por anos e só voltei há algum tempo algumas vezes apenas para responder mensagens e comentários (devido aos problemas pessoais que já expliquei para algumas pessoas). Para quem estiver curioso de saber o motivo da minha aparição repentina, fique à vontade para ver em minha timeline o que houve.

Resumidamente: estou fora de casa, sem precisar trabalhar e, de certa forma, desocupada, então, depois de ver algumas fanarts da Sakura na Akatsuki, tive a ideia desse plot e quando percebi escrevi sem nenhuma pretensão 5 capítulos.

Pois é, foi repentino e milagroso rsrs

Depois de pedir a opinião de vocês, aqui estou trazendo essa fanfic!

Antes de liberá-los para leitura, vou só deixar alguns avisos:

Contrário aos meus outros projetos, a narrativa não será muito detalhada, apenas com o essencial, não por preguiça ou algo do gênero, apenas porque acredito que é desnecessário o excesso de aprofundamento. Com o decorrer dos capítulos vocês vão entender o porquê.

Outra coisa é que é no Universo Ninja sim, mas, além de adiantar muitos acontecimentos da obra original para encaixar no meu planejamento também dou uma boa bagunçada no enredo original, pelo mesmo motivo.

Então leiam com a mente aberta, certo?

Todos os capítulos serão em narrativa terceira pessoa (porque a maioria dos meus últimos projetos foram nessa narrativa e agora estou com dificuldades seríssimas de voltar a primeira pessoa, por isso “Por trás da vida virtual” está parada ainda).

Último ponto: terá SasuSaku sim, mas o foco principal não será o romance e sim o desenvolvimento da Sakura como Kunoichi e pessoa;

Mesmo tendo ela como personagem central, haverá capítulos de pontos de vistas de outros personagens como Naruto, Sasuke, Kakashi, Tsunade, entre outros.

Acho que por enquanto é isso.

Espero que gostem do que vem por aí!

Boa leitura!*~

Obs.¹: Créditos do banner aos fanartistas, apenas a edição é minha. Infelizmente não conheço ou tenho conhecimento de quem seja o artista, pois peguei no Google, nos grupos do Facebook ou Whatsapp, mas se alguém souber, por favor, me diga que credito sem problemas!

Obs.²: A fanfic possui TrailerBook e Playlist e deixarei os links nas notas finais, juntamente ao link do Grupo de Whatsapp Fanfics Nani Senpai para maior interação e aproximação onde serão disponibilizados conteúdos privilegiados de todas as fanfics que tenho, assim como as novidades. Para quem tiver interesse em se juntar a nós, sinta-se à vontade.

[…]

CAPÍTULO 1

SITUAÇÕES DESESPERADAS, PEDEM MEDIDAS DESESPERADAS

— Naruto! — gritou com todo o fôlego que lhe restava, sem tirar os olhos da cena há alguns metros de distância.

O amigo foi encurralado pelo oponente e seus inúmeros Kage Bunshin – Clones das Sombras – desapareceram em nuvens de fumaça quando foi imobilizado por uma enorme espada estranha que engoliu metade de seu tronco.

Desviou do soco que seu próprio oponente desferiu na altura do rosto abaixando-se e aproveitou a oportunidade para derrubá-lo com uma rasteira certeira. Impulsionou com Chakra acumulado nos pés um salto para trás no intuito de escapar da chuva de Kunais e Shurikens e somente nesse instante desviou o olhar da luta do Naruto para se concentrar na própria; precisava se livrar do trio que a cercava para ajudar o melhor amigo em sua luta contra o Akatsuki que pretendia capturá-lo.

Ainda no ar, passou os olhos rapidamente pelos três ninjas assustadoramente sincronizados e escolheu começar pelo elo aparentemente mais fraco: o homem de estatura mediana que empunhava um gigante e afiado machado.

Pousou no chão a uma distância segura e cerrou os dentes, pensando na melhor estratégia. Optou por criar dois Clones das Sombras para auxiliá-la a ganhar tempo e espaço. Direcionou um Clone para a direita, outro para a esquerda e liderou o avanço seguindo à frente.

Ao cercar o oponente, através dos Clones, lançou Kunais com tarjas explosivas para distraí-lo e quando ele saltou para cima para fugir das explosões, socou-lhe com Chakra minuciosamente controlado de cima para baixo, afundando-o no chão ao ponto de criar uma cratera em torno de seu corpo desfalecido.

Mal conseguiu firmar seus pés no chão e foi obrigada a saltar para trás para escapar do ataque maciço de espadas invocadas por um grande pergaminho estirado no alto, vindo do seu segundo oponente.

Um dos seus dois Clones foi desfeito por um ataque direto do terceiro oponente e só lhe restou a opção de usar o segundo Clone para distraí-lo utilizando a luta corpo-a-corpo enquanto acabava com o outro.

Dividindo sua atenção com a luta travada pelo seu Clone, mirou o olhar analítico no invocador de armas que sorria com maldade em sua direção.

— Você é uma gracinha, mas aquele soco é perigoso.

Ela sorriu com escárnio e socou o chão potencializando o estrago com uma quantidade friamente calculada de Chakra por estar quase esgotada, tanto por ainda ter de redirecionar parte de sua reserva para o Byakugō no In – Selo da Força de uma Centena – como por estar há mais de cinco horas em uma interminável batalha, protegendo e curando civis, seus companheiros e a si própria.

De pensar que tudo começou com uma destrutiva e potente explosão surpresa no prédio Hokage.

Depois, menos de meia hora após a explosão, ataques sincronizados em pontos estratégicos foram feitos distribuídos pela vila, forçando a força tática a agir através de estratégia de contingência.

Até mesmo a Quinta Hokage estava em ação lutando contra dois Akatsuki, assim como outros ninjas do alto escalão.

Ino passou por si, deixando para trás – sem desviar ou interromper sua corrida a sudoeste – um pergaminho que pegou no ar e guardou no coldre traseiro antes de avançar para cima de seu oponente que, distraído, não a viu se aproximar e não teve tempo de defender o furioso soco blindado por Chakra em sua direção. O acerto foi ágil e em cheio e as pedras do primeiro soco contra o chão ainda caíam quando o oponente voou desfalecido contra um prédio, destruindo três paredes que estavam no caminho.

Respirou fundo no mesmo momento que seu último Clone desapareceu depois de receber um golpe mais forte e isso a lembrou que ainda restava um oponente.

Procurou rapidamente por Naruto e o encontrou no meio de todo aquele caos, sendo enforcado pelo Akatsuki há uma boa distância de onde estavam, dando a entender que mesmo que o amigo tenha resistido ao ataque anterior, havia sido contido mais uma vez.

Seu coração falhou uma batida e antes que pudesse pensar em alguma forma de ajudá-lo, foi atingida por um raio que a fez perder as forças nas pernas e nos braços, resultando assim em sua queda.

Sentiu o corpo trêmulo, os sentidos anestesiados e os pensamentos desordenados. Forçou os olhos a abrirem e tentou focar a visão embaralhada.

Estava difícil. O corpo não reagia aos seus comandos.

Teve que piscar muitas vezes até conseguir enxergar borrões e ainda sentia o corpo convulsionar devido à alta voltagem elétrica recebida quando foi erguida pelo pescoço, reconhecendo, em algum momento do processo, seu último oponente.

O sorriso que recebeu lhe causou um calafrio. Era sádico e muito mal intencionado.

— Você pode ter acabado com meus companheiros, mas não é párea para mim.

Um forte soco foi recebido em seguida, fazendo-a rolar alguns metros pelo chão.

Chacoalhou a cabeça quando conseguiu se firmar sobre os braços trêmulos, erguendo o tronco parcialmente. Com o pouco de controle que lhe restava, concentrou-se em circular seu Chakra por todo o corpo, desde suas vias de energia até os músculos deteriorados pelo esforço sobre-humano feito continuamente por horas. Precisava urgentemente recuperar os movimentos.

Ouviu passos cada vez mais perto, mas continuou focada em sua rede de Chakra.

Recebeu um chute na barriga que lhe tirou o fôlego, seguido por chutes em todos os lugares que a fez cuspir sangue.

Com muito esforço conseguiu proteger a cabeça, mas o resto do corpo… falhou miseravelmente. Mesmo assim, não ousou se levantar, protestar ou pedir clemência, apenas aguentou firme esperando-o se cansar para dar o bote.

Um longo tempo depois – que julgava seriamente ter sido uma eternidade –, os golpes desferidos passaram a ser mais fracos e lentos, dando a entender que logo aquela sessão de surra terminaria e assim poderia reagir.

Mentalmente, para se manter sã, fazia uma lista dos prós e contras da decisão que estava pendente tomar há um pouco mais de um mês, quando foi abordada por Tsunade e Jiraya com uma proposta que, ao mesmo tempo que era, de certa forma, sua salvação e das pessoas que mais amava, também exigia de si muito mais do que se imaginava poder dar.

Prós: novos horizontes seriam abertos;

Poderia colocar em prática seu planejamento para tirar da teoria a última técnica que criou;

Ganharia tempo para fazer tudo o que era preciso para completar o Byakugō no In;

Teria a oportunidade de proteger tanto Naruto como Sasuke;

E, além de tudo, teria a oportunidade de evitar uma possível Quarta Guerra Ninja, tudo isso infiltrando-se na maior organização criminosa do mundo Ninja: a Akatsuki.

Contras: teria de desertar sua amada vila, o que seria irreversível;

Nunca mais veria sua família e amigos, incluindo Naruto e aquele que amava com todo o seu pobre coração;

Havia o risco de ser odiada por quem amava;

E, por Deus, também havia o risco de ter que lutar contra aqueles que pretendia proteger;

Fora os riscos de se infiltrar na Akatsuki; poderia morrer a qualquer momento;

Oh, e, antes de tudo, tinha que considerar que talvez, mesmo que dê certo a última técnica que criou e que completar o Byakugō no In, ainda não esteja no nível Rank S e isso afetaria diretamente qualquer planejamento, pois não teria o interesse da organização sobre si e seria impedida de se tornar um deles.

Tão complicado e incerto. Não foi à toa que não conseguiu tomar uma decisão.

Abriu com dificuldade o olho direito – o único que conseguiu – quando os golpes pararam e observou seu oponente olhando para trás com curiosidade.

Era hora de dar o troco.

Fluiu uma quantidade mordaz de Chakra pelo corpo, recebendo em troca ânimo e força para se levantar e energia para se curar gradativamente dos golpes recebidos até então.

Shannaro!

O susto do seu oponente foi tão grande que ele paralisou e ela teve sucesso em desferir um soco potente em seu rosto, lançando-o há metros de distância contra diversas árvores que se partiram ao meio com o impacto, sem dar chance para uma fuga ou um contra-ataque.

Cambaleante e com pernas trêmulas, acumulou Chakra nos pés para ganhar velocidade e correu para onde o corpo inerte de seu oponente parou. Durante o percurso, com a mão direita, curou rapidamente os ferimentos mais emergentes pelos inúmeros golpes repetitivos que recebeu.

Quando alcançou o último sobrevivente, cessou os passos vacilantes, observando o homem tentar se levantar e falhar no processo, voltando a cair no chão.

Não tinha tempo e não poderia oferecer-lhe a chance de se recuperar posteriormente e atrapalhá-la ou pior, atacar outro companheiro ou civil.

Somente esse pensamento a impulsionou a acabar com a vida dele através de um golpe certeiro – e até covarde por não tê-lo esperado se recuperar – que quebrou tudo o que havia no caminho de seu punho blindado por Chakra.

Não se permitiu sentir nada, apenas marchou de volta ao campo de batalha, assistindo por segundos diversas lutas serem travadas simultaneamente por seus amigos e companheiros.

Em certo momento pegou e abriu o pergaminho que Ino lhe deu há momentos antes. Havia apenas uma palavra escrita na caligrafia de sua mestra: “Decida.”.

Ela sabia do que se tratava, também sabia que esse momento chegaria cedo ou tarde, mas isso não a impediu de arfar como se tivesse levado um soco e tremer como se estivesse de cara com a morte, afinal não era como se não fosse esse o caso.

Racionalmente, compreendia que era a hora perfeita para pôr em prática os planos dos dois Sannin de Konoha, mas o coração insistia em se apegar somente às consequências daquela escolha.

“A Akatsuki investiu em mais uma tentativa, que ninguém conseguiu prever, de capturar Naruto. Se conseguissem evitar agora, quando seria a próxima tentativa? Conseguiriam evitar também?”, perguntava-se para conseguir alguma coragem de prosseguir com os planos.

Cessou os passos, observando o pergaminho sofrer uma técnica preventiva automática o incendiando quando o soltou.

Precisava decidir.

Precisava se forçar a fazer a coisa certa;

Proteger sua vila e aqueles que amava era sua obrigação;

E, mais importante, proteger Naruto e Sasuke, depois de tanto ser protegida, era o mínimo que podia fazer.

Olhou ao redor.

Um pouco longe dali conseguia ver uma batalha árdua entre o Ino-Shika-Chou e um grupo de formidáveis ninjas. Do outro lado, Neji protegia-se de um ataque de armas enquanto Lee avançava contra o oponente e Tenten se preparava para começar sua dança de armas. Já um pouco mais perto, Hinata e Kiba lutavam contra seus oponentes e Shino os dava cobertura através de seus insetos. E muitos outros ninjas com quem já conviveu em algum momento lutavam por suas vidas e pela vila.

Onde estava o time 7?

Olhou na direção que viu Naruto pela última vez.

Engoliu a seco observando que agora era o Guy que lutava contra o Akatsuki que outrora enforcava Naruto e desviou o olhar da luta feroz corpo-a-corpo em busca do amigo, desesperando-se por não encontrá-lo em lugar nenhum. Viu Sai impedindo que outros ninjas interferissem naquela luta, assim como Kakashi, mas nada do loiro hiperativo e cabeça-oca número um da vila.

Voltou sua atenção para a luta entre Guy e o Akatsuki quando ouviu o grito urgente do Yamato. Uma grande quantidade de água surgiu do nada em uma bola gigante no ar, prendendo os dois dentro dela e dando-lhes uma inacreditável visão de tubarões invocados rodeando o Jōnin da Folha.

Minutos depois a gigante bola de água se dissolveu com a derrota de seu invocador, criando um Tsunami sob tudo o que estava abaixo dela.

Sakura prendeu os pés no chão com Chakra, mantendo-se com o único olho saudável atento à imobilização que Yamato fez através do uso de um Mokuton – Liberação de Madeira. Se aproximou a tempo de ouvir o plano do integrante complementar do time 7 de vasculhar a mente do Akatsuki para descobrir maiores informações do que estava por trás do ataque.

Outro Jōnin se aproximou e fechou os olhos, fazendo o selo que iniciava a investigação mental.

Instantes depois, tudo aconteceu muito rápido.

O Jōnin avisou que foi impedido de obter informações. O Akatsuki quebrou a madeira que o imobilizava e se prendeu dentro de uma bolha de água, invocando três grandes tubarões.

Todos estavam paralisados, não entendendo a intenção dele, mas Sakura entendeu, porque possuía um dos cérebros mais inteligentes de sua vila.

O Akatsuki pretendia impedir que Konoha obtivesse as informações através do suicídio, já que não tinha forças para continuar lutando e nenhuma chance de fuga com tantos oponentes ao redor.

Mas ela não permitiria.

Por isso concentrou seus últimos resquícios de Chakra nos pés para ganhar velocidade e se infiltrou na bolha d’água, protegendo-o do ataque das feras marinhas.

Lutou com todas as suas forças diante das mordidas e chutou o Akatsuki para fora da bolha que não se dissolveu com a expulsão de seu invocador como da vez anterior.

Então sentiu dor. Viu sangue. Engoliu água.

Até que não lhe restou nada; somente a escuridão prévia da morte e a incerteza das consequências de encará-la.

Um tempo depois, que realmente não soube julgar quanto, voltou a consciência pouco a pouco, percebendo que foi salva, mas sua decisão já estava tomada.

Com dificuldade, abriu o único olho que conseguiu.

Viu-se nos braços do Kakashi.

Tossiu quando tentou falar sua decisão. Expeliu água. Puxou o ar com força.

Só então conseguiu se pronunciar:

— D-Diga à… Tsunade-sama… — respirou com dificuldade, sentindo o mundo girar mesmo estando parada. A consciência ameaçava lhe deixar e sabia que sua resistência não perduraria por muito tempo — que aceito meu destino.

O abraço da morte veio em seguida, puxando-a para sua sombra.

[…]

NOTAS FINAIS:

Dramático, não? Rsrs

Bom, espero que tenham entendido o contexto geral, mas se não entenderam, não se preocupem, no decorrer da história será devidamente explicado e aprofundado.

Como puderam ver, antecipei a luta entre Guy e Kisame e também inclui a participação da Sakura e mais para frente vão entender o porquê.

Outra coisa: até aqui já ocorreu o resgate do Gaara (quando foi sequestrado pela Akatsuki e retirado o Shukaku dele, então Sakura, junto de Chiyo, já matou o Sasori).

Gostaram? Espero que sim!

Críticas construtivas serão muito bem-vindas (elogios também, tá? Cof Cof)!

Ah, eu queria agradecer imensamente a todos que demonstraram interesse nesse plot lá no Facebook e, acima de tudo, à Mari pela maravilhosa primeira capa (edição)! Segue o link dos perfis dela caso tenham interesse:

https://www.spiritfanfiction.com/perfil/marii29

https://www.facebook.com/profile.php?id=100020576269892

E também à Bia pela segunda capa e atual (desenhada exclusivamente para Pétalas de Cerejeira), segue os perfis dela:

https://www.instagram.com/bibesartist/

https://twitter.com/bibesartist

https://www.facebook.com/biacoliath

É isso!

Até a próxima!*~

Obs.¹: Caso queiram ter prévias de capítulo, spoiler e interagir comigo além daqui, me sigam no Twitter por SenpaiNani, Instagram por NaniSenpaiNK, Facebook por Haruno Sah ou Nani Senpai e TikTok por NaniSenpaiNK!

Obs.²: TrailerBook e Playlist de Pétalas de Cerejeira:

https://www.youtube.com/watch?v=H-jQ9OOO2vI

https://www.youtube.com/watch?v=SqaNhYIxF0I&list=PLD4t2CPEK9KcHPDWO4uBv-K29AHwmW4RY

Obs.³: Link do grupo de Whatsapp Fanfics Nani Senpai para quem quer interagir com mais facilidade e ter acesso a conteúdos privilegiados de todas as minhas fanfics:

https://chat.whatsapp.com/CR9wawDFDPT32zxuSNhArs

21 Mai 2021 22:29:48 0 Rapport Incorporer Suivre l’histoire
0
Lire le chapitre suivant A primeira pétala de Cerejeira - Por olhos celestes

Commentez quelque chose

Publier!
Il n’y a aucun commentaire pour le moment. Soyez le premier à donner votre avis!
~

Comment se passe votre lecture?

Il reste encore 18 chapitres restants de cette histoire.
Pour continuer votre lecture, veuillez vous connecter ou créer un compte. Gratuit!