Verão e Família Dinossauro Seguir historia

noveluas Taynara C

Domingo era dia de família dinossauro e Mimi correria por todos os jardins daquela rua em Gumi, até chegar a janela de Bora e assustá-la com a entrada dramática.


Fanfiction Bandas/Cantantes Todo público.

#yuri #lésbico #wlw #hami #mimi #hana #gugudan
Cuento corto
0
3.4mil VISITAS
Completado
tiempo de lectura
AA Compartir

Liga logo essa tv!

O dia estava extremamente quente em Gumi, e Bora se encontrava estatelada em frente ao ventilador, os cabelos negros espalhados pelo chão frio, ouvindo o barulho do aparelho e os passarinhos cantando do lado de fora da janela. Mais alguns minutos ali e ela teria adormecido, mas antes que pudesse fazê-lo, ouviu alguém chamando seu nome ao longe, por um segundo se perguntou quem poderia ser, mas logo se deu conta de que só poderia ser ela.

Mimi chegou até a janela da namorada um tanto ofegante, tinha cruzado os jardins da rua para chegar até a casa goiaba no fim da rua. A camiseta larga estampada com o rosto da Lola, chegava até o meio das cochas, os pés descalços e o cabelo liso e acastanhado preso num rabo de cavalo no topo da cabeça.

A visão da garota pulando sua janela, deixou os olhos de Bora quase brilhando, mesmo que fosse uma cena deveras corriqueira, jamais se acostumaria com as entradas inesperadas da Jung.

— Bora, Bora, Bora! — disse apressada, enquanto terminava de entrar no quarto dramaticamente.

— Meu amorzinho — Bora respondeu o chamado, rindo um pouco da namorada.

— Vamos logo, vai começar família dinossauro!!

Mimi mal deu atenção para garota ainda estatelada no chão e foi logo saindo do quarto. Bora se levantou apressada e foi atrás, sabia bem que ela já devia estar no sofá, a esperando ligar a bendita televisão e sintonizar no canal correto.

— Você nem disfarça mais né, Jung Mimi? — falou, indo em direção à televisão e apertando os botões.

— O quê? — perguntou, se fazendo de desentendida.

— Ai, ai... — suspirou depois de colocar no canal e ouvir a chamada do seriado.

Mimi tinha o sorriso largo no rosto, aquele que deixava Shin Bora mais do que abobalhada e alheia a qualquer coisa.

— Olha lá, amor, que fofinho o baby é! — Apontou para o bichinho que a namorada sempre julgou estranho demais para ser chamado de fofinho.

— Fofinha sou eu, Mimi...

— Ah... — Deu uma pausa e olhou para a Shin. — Você é mesmo, a coisinha mais fofinha de Gumi toda.

Se aconchegou na namorada, depois de deixar dois selinhos nos lábios vermelhinhos e mesmo que estivesse calor, nenhuma das duas reclamaria de ficar um pouquinho daquele jeito. Afinal, nada que alguns beijinhos em frente a geladeira não desse jeito. 

22 de Enero de 2019 a las 02:41 0 Reporte Insertar 119
Fin

Conoce al autor

Taynara C Tata, 24y

Comenta algo

Publica!
No hay comentarios aún. ¡Conviértete en el primero en decir algo!
~