Tempestade Seguir historia

lethwen Vanessa

No fim, admito que transformei uma simples chuva de verão em um temor, como uma tempestade repleta de rajadas e perpétua.


Cuento Todo público.

#original #conto #capítulo-único
Cuento corto
0
3507 VISITAS
Completado
tiempo de lectura
AA Compartir

Capítulo Único.

Tempestade

Capítulo Único


Lembro do cheiro de orvalho fresco quando a chuva tocava a grama do meu quintal. O meu peito se enchia de conforto ao ouvir o som das gotas recaindo sobre a paisagem janela a fora. Recordo-me de muitas vezes ter adorado sentir o gosto do café quentinho tocar os meus lábios, enquanto mil recordações vagavam, misturando-se ao conforto da minha cama em um dia fresco e silencioso, tomado apenas pelo som inebriante de uma garoa.


Aos poucos, compreendi que os raios ou trovões não eram os meus medos, muito menos a escuridão ou a inexistência momentânea do piar dos pássaros lá fora. Não sei em que momento passei a igualar a tão ansiada chuva fresca com as memórias que me levam sempre a pensar em você.


No fim, admito que transformei uma simples chuva de verão em um temor, como uma tempestade repleta de rajadas e perpétua, pronta para levar as minhas melhores recordações diárias e substituí-las por lembranças tristes, todas as noites. Talvez eu pare mais uma vez na frente do espelho, para apreciar as lágrimas que não contive, por você. Seria essa a minha chuva de verão, passageira? Ou apenas uma tempestade inquieta?


No silêncio entorpecedor da noite, contemplando o reflexo inerte no espelho, admiro a intensa tempestade que está para se formar novamente, não no meu jardim, mas aqui, comigo.

6 de Enero de 2019 a las 01:22 0 Reporte Insertar 120
Fin

Conoce al autor

Vanessa Uma garota apaixonada por cada livro que coleciona. Viciada em romances adultos, poesias e poemas. Adoro ler frases e colecioná-las para me inspirar. Sou protecionista dos animais desde que me conheço por gente.

Comenta algo

Publica!
No hay comentarios aún. ¡Conviértete en el primero en decir algo!
~