Não Sou Invisível Seguir historia

cfeitosa89 Claudio Samuel Feitosa

Um amor de São João que durará mais que uma temporada. NÃO SOU INVISÍVEL gira em torno de Anna, Felipe e Túlio três jovens adolescentes que tem seus destinos entrelaçados apenas por uma carta de São João da escola. O motivo de cada um se difere até conseguirem resolver os problemas no arraial da escola.


Ficción adolescente Todo público.

#conto #escola #psaoriginais #cfeitosa89 #sãojoão
0
4.5mil VISITAS
En progreso - Nuevo capítulo Cada 15 días
tiempo de lectura
AA Compartir

Parte Um

O arraiá da Escola Dom Pedro I nunca foi tão famoso. Quando a escola decidiu sua formação, ele era apenas para os alunos se divertirem, dançarem e quem sabe, mesmo que "nas escondidas, encontrar alguém para dar uns amassos.

Felipe nunca pensou em estar se entregando por completo em uma festa, a sensação de fugir do mundo em um lugar como esse só aumenta a força para que ele continue, a amizade de Anna talvez tenha ajudado nisso.

O garoto que não se esconde, mas não tem sua presença notada. A garota que por onde passa exala a luz de seus olhos, mas nem por isso é de andar com todos. Apenas eles, juntos.

A animação que ela passava para ele antes do tão esperado "Arraiá do Dom", chegar ao segundo ano do Ensino Médio pode parecer besteira, quase todos vão passar por isso mesmo, mas para Anna: "Tudo pode acontecer nesse arraiá", porém a única coisa que ela queria mesmo era estar no mesmo ambiente que Túlio Chagas, o mais badalado da escola e que está no terceiro ano, ter no mínimo a amizade dele era como ter uma passagem para a fama pelo resto da vida escolar e, após o anúncio de que ele estaria na barraca do beijo, o dinheiro que ela economizava do lanche ia direto para uma caixinha ao lado de sua cama onde ela esperava para tirar o máximo dele.

Toda vez que se encontravam fora da sala de aula o assunto que reinava era sobre a festa e sua futura popularidade, Felipe, o coitado, mal falava, o assunto incomodava-o de tal forma que ele preferia se privar da fala. O sentimento nutrido por ele a ela valia mais do que uma simples comemoração. Sua chance de tentar consquitá-la está em um correio elegante que a escola promoveu como novidade desse ano. Ele já havia escrito sua mensagem para colocar de forma anônima tendo ela como destinatário.

"Nunca tive a oportunidade de te falar o que eu sinto por você, mas eu quero que você saiba que pouco descobri meus sentimentos por você.
Quem sabe a gente não se encontra nesse arraiá para que eu mesmo possa te falar isso."

24 de Octubre de 2018 a las 21:39 0 Reporte Insertar 1
Leer el siguiente capítulo Parte Dois

Comenta algo

Publica!
No hay comentarios aún. ¡Conviértete en el primero en decir algo!
~

¿Estás disfrutando la lectura?

¡Hey! Todavía hay 2 otros capítulos en esta historia.
Para seguir leyendo, por favor regístrate o inicia sesión. ¡Gratis!

Ingresa con Facebook Ingresa con Twitter

o usa la forma tradicional de iniciar sesión