Um Puzzle Chamado Sarada Seguir historia

sakura_1_haruno Sakura Haruno

Sasuke e Sakura casam-se e a fim de alguns anos têm uma filha. Mas o comportamento de Sarada era diferente das outras crianças. Preocupados Sakura e Sasuke correm para muitos especialistas quando descobrem que sua filha Sarada tem Espectro de Autismo. Fic baseada em fatos reais


Fanfiction Anime/Manga Todo público.

#sakuraharuno #sasukeuchiha #saradauchiha
3
4757 VISITAS
Completado
tiempo de lectura
AA Compartir

Prólogo

Sasuke e Sakura, um jovem casal que se casaram e foram construindo os seus sonhos aos poucos. Compraram uma casa em que fizeram reforma decorando a moradia com as suas personalidades.

Quando Sakura descobriu que estava grávida de seu primeiro filho não hesitou em contar a novidade para seu marido Sasuke. O tempo foram se passando e a pequena barriga de Sakura ia crescendo. Pela felicidade dos dois era uma menina que o casal iria ter.

Decoração rosa para lá e para cá, os sonhos concretizando e a barriga de grávida de Sakura crescia com saúde e depressa.

Sasuke babado com sua esposa e ansioso pela a chegada de sua primogénita, quando Sakura sentiu as primeira contracções, correram para o hospital. O parto correu bem e a pequena Sarada nasceu saudável.

Nos primeiros meses de vida da pequena Sarada foram tranquilos, mas quando a filha dos Uchiha completou o seu primeiro ano de vida, o comportamento da pequena Sarada mudou, Sarada parecia viver num mundo completamente diferente do seu, mas para os recentes papás aquilo poderia ser normal para uma criança de 1 ano de idade.

Sarada fez o seu 2º aniversário e o comportamento da criança não mudava, Sakura continuou achar que era normal, notou o tardio da fala da pequena Sarada, marcando para uma terapeuta da fala para que Sarada progredisse na fala, Sakura também reparou que a criança tinha alguns tiques repetitivos e certas manias.

Aos 3 anos Sarada continuava com comportamentos estranhos para crianças de sua idade, Sarada continuava a não falar, seu olhar era mariotariamente fixado noutro ponto qualquer, gemia certas vezes quando queria atenção, atirava coisas e gritava quando não estava no seu agrado.

Sasuke e Sakura, estranhando esse comportamento de sua filha procuraram inúmeros especialistas e psicólogas, mas os resultados médicos mantinham-se inconclusivos. Em especial disso Sarada começava a se manifestar um especial interesse, nas suas actividades como em cubos, puzzles e com cores. Quando a família Uchiha ia passear a pequena Sarada citava as palavras meio destrambelhado as cores que via.

E num dos dias em que a família Uchiha voltava para o hospital para mais uma consulta com médicos, especialistas e psicólogos. O médico de pedopsiquiatria olhou para Sarada que brincava com os puzzles nas mesa e de seguida olha para os jovens pais abanou a sua cabeça para os lados e com o tom seco e acutilante se pronunciou:

- Esqueça a filha com que sempre sonhou. A sua filha será sempre uma pessoa dependente: na escola, precisará do apoio do ensino especial, na vida, pouca evolução terá. Tem de aprender a comunicar com a sua filha porque ela não os percebe da forma como fala, através de frases longas e linguagem abstrata. Só conseguiremos algum progresso num ambiente e linguagem estruturados. Sarada sofre de uma pertubação do desenvolvimento com traços autistas...

Naquele dia, Sakura e Sasuke deixaram para trás as frias e despojadas paredes do hospital com as palavras que ressoavam e voltavam a ressoar nas suas mentes, desolados com a forte notícia sobre sua única filha Sarada.

1 de Septiembre de 2018 a las 11:51 0 Reporte Insertar 0
Leer el siguiente capítulo Um Começo Mau. Uma Esperança no Fim.

Comenta algo

Publica!
No hay comentarios aún. ¡Conviértete en el primero en decir algo!
~

¿Estás disfrutando la lectura?

¡Hey! Todavía hay 5 otros capítulos en esta historia.
Para seguir leyendo, por favor regístrate o inicia sesión. ¡Gratis!

Ingresa con Facebook Ingresa con Twitter

o usa la forma tradicional de iniciar sesión