Vida de ninja Seguir historia

dimizito Dimitri Acibim

Viver não é uma tarefa simples e humanos complicaram esse ato ainda mais graças a tantas necessidades criadas. Agora cada ninja se aventura pela modernidade de uma forma única e algumas dessas aventuras serão narradas aqui. ~~ Naruto e suas obras derivadas não me pertencem, pois se eu fosse o dono eu demitia o Ikemoto do mangá de Boruto. Essa é uma fanfic adaptada daquilo que ocorre no universo de Naruto/Boruto em uma dimensão alternativa criada pelo grupo KS™ e associados provenientes de interações no Twitter.


Fanfiction Anime/Manga Sólo para mayores de 18.

#yaoi #Chojuro #naruto #Shin-Uchiha #Kiba-Inuzuka #Shino-Aburame
3
5112 VISITAS
En progreso - Nuevo capítulo Cada 30 días
tiempo de lectura
AA Compartir

Uma simples missão

(Nesse capítulo os protagonistas são os clones do Shin Uchiha, crias do Orochimaru's labs, que tem uma história criativa e que foi esquecida no churrasco. Aqui Kiba e Shino são casados, adotaram dois dos Shins e formam uma família feliz.)

~~


Três meses se passaram após a invasão alien que resultou nos eventos que causaram tanto caos a ponto do cancelamento do exame chunin ocorrer. Apesar dos pesares, novos chunins foram escolhidos e eles já devem trabalhar como tal.

Konohagakure

Escritório do Hokage - 12:52

Kiba entra na sala do Hokage após receber um chamado inesperado.

- Naruto! Pra que isso do nada? Eu tinha compromissos! - Disse Kiba bastante irritado.

- Calma calma! - Naruto falou rindo sem jeito - Não é nada grave, mas é muito importante!

- Hm tá, fala ae.

- Eu analisei o que você tinha comentado antes sobre seus filhos e agora vejo que você tava certo…

- É claro que eu tava! Então eles podem competir no próximo exame? Podem? - Disse Kiba extremamente animado!

- Não haha. - Naruto mais uma vez fica sem jeito.

- Que? - Kiba ficou sem reação ao ouvir isso

- Antes que você me morda eu explico. Eles não podem competir no exame, por quê eles já são chunins.

- São desde quando? Tá me tirando mano?

- São desde hoje, não existe necessidade deles competirem nesse exame, eles já são os melhores da vila para a idade deles, falo com tranquilidade.

- Não estou surpreso, eles já possuem Mangekyou sharigan e treinaram com o vô Hashirama e a vó Mito né… Bom, respeito sua decisão, Hokage, vou contar as novidades para eles, tchau tchau.

- Espera ai! Tenho uma missão especial para eles, informe isso também!

- Informa você oxi, aproveita e vai caminhar um pouco, parece que tá com o cu colado ai.

- Ei Kiba! Me respeita! Até ontem você que queria o cargo de Hokage!

- Ontem, no passado eu queria, mas hoje minha prioridade é minha amada família. Tchau Naruto. - Kiba diz isso saindo do sala.

Assim que chegou em casa, Kiba contou as novidades para Shion e para Kinji entregando os coletes lindíssimos de chunin para eles, que comemoraram até o momento que Naruto os chamou no seu escritório para informar sobre uma missão.

- Quanto tempo garotos haha - Disse Naruto rindo.

- Nem foi tanto tempo assim - Respondeu Kinji.

- Éeer… Quem é quem? Vocês são idênticos demais! - Perguntou Naruto.

- Eu sou o Shion, meu cabelo não é bagunçado igual o dele e sempre estou com roupa verde.

- E eu sou o Kinji! Meu cabelo não é bagunçado em nada! E sempre estou com roupa amarela.

- Ah sim - Disse Naruto, mas em sua cabeça ele pensou: = O Kinji é o Kiba e o Shion é o Shino, assim não esqueço.

Após apresentação, Naruto explicou a missão para os garotos.

- Então só isso? - Perguntou Kinji.

- Sim, ir, pegar o pergaminho e voltar. - Respondeu Naruto.

- Já inventaram o WhatsApp, sabia? - Comentou Kinji.

- Que? - Naruto disse sem entender.

- O conteúdo não é uma mensagem, deve ter algo selado nele. - Disse Shion.

- Eu sei Shion, só estava brincando. - Disse Kinji rindo.

- Bom, podem ir. - Falou Naruto.

- Certo! - Disseram Shion e Kinji juntos enquanto sumiam no melhores estilo ninja.

Naruto olha para a janela e pensa:

= Aqueles dois criaram ótimos filhos mesmo… Nem parecem que um dia eles eram apenas dois dos inúmeros clones do Shin Uchiha… Crescer com uma família amorosa faz maravilhas. E bom, realmente eles cresceram, estão bem mais altos que o Boruto.

Dias atrás, Shion e Kinji envelheceram mais rápido que o normal, Shino os levou em uma consulta com a Sakura e ela disse que estava tudo bem, era apenas um efeito colateral do envelhecimento artificial que fizeram neles, não irá ocorrer mais, mesmo assim Kiba segue preocupado.

18:40

Distrito Inuzuka

Kiba e Shino ajudam os filhos a arrumarem o equipamento que levarão para a missão.

- Pegaram armas suficiente? - Perguntou Kiba.

- Pegamos sim, eu acho. - Respondeu Kinji.

- Façam pausas para comer. - Disse Shino.

- Faremos sim, eu acho. Respondeu Shion.

- A aldeia da grama é muito distante, certeza que não querem que eu vá? Estou livre, posso ir junto. - Falou Kiba enquanto abraçava Shion carinhosamente.

- Kiba, eles sabem se virar, não são mais crianças. - Disse Shino rindo da cena.

- São sim! Sempre serão meus bebês dos olhos vermelhos! - Falou Kiba enquanto apertava Shion.

- Pa P Pai tá tá sufoc aa sufocando. - Shion tentou informar.

- DESCULPA! - Gritou Kiba enquanto soltava Shion

- Tudo bem, tudo bem. O senhor tá muito forte… - Comentou Shion.

- Claro que ele tá depois que todos nós dominamos aquele jutsu. - Falou Kinji enquanto fechava sua mochila.

- Eu deveria falar algo como "não use aquele jutsu", mas se precisarem, usem sem medo. - Disse Shino.

- O senhor dizendo isso? Se sente bem? - Perguntou Shion.

- Me sinto ótimo, é só a preocupação de pai falando mais...  alto? - Respondeu Shino enquanto reparava na altura dos filhos. - Vocês crescem rápido demais.

- Todo dia o senhor fala isso, esse seu óculos tá vencido. - Brincou Kinji.

- Vocês são oficialmentes adolescentes. - Disse Kiba e continuou - E são os mais novos chunins da aldeia!

- Já estamos no mesmo status, Kiba. - Disse Kinji com tom de deboche.

- Como é que é seu sujeito? Eu sou chunin ainda para poder agir em missões especiais! - Respondeu Kiba.

- Brincadeiras a parte, não esqueçam que somos poderosos. - Ressaltou Shino.

- Nós sabemos, pais. Vocês são ninjas de elite, donos de 12% do comércio de Konoha e afins.

- Isso isso, agora vão comer antes de irem para a missão. Fiz até bolo! - Disse Kiba empurrando Kinji suavemente.

Eles comem juntos como em qualquer dia normal, rapidamente anoitece e os garotos devem partir. Fora da vila, Kiba e Shino se despedem dos filhos enquanto conversam.

- É uma mistura de orgulho com medo né? - Perguntou Shino.

- Com certeza é meu caro marido. - Respondeu Kiba.

- Eles voltam daqui 4 dias, você aguenta?

- Claro… que não! Vou atrás deles!

- Sossega o rabo, doguinho.

- Ninguém me respeita nisso aqui não?

Kiba e Shino voltam abraçados para casa.

Uma hora depois da partida, Shion e Kinji estão no meio da floresta, Kinji pergunta:

- Eles ficarão bem?

- Ficarão sim, eles são adultos. - Respondeu Shion.

- Nunca ficamos tanto tempo longe deles, na verdade nunca ficamos distante dos dois ao mesmo tempo.

- Sinto sua preocupação na minha cabeça, Kinji. Relaxe, é só uma missão.

- Tá bom, baixinho.

- Baixinho? Me erra, aprendiz de lobisomem.

A jornada segue com zoeira até a meia noite, resolvem parar para recuperarem a energia, rapidamente montam um mini acampamento, comem e agora conversam antes de dormirem.

Kinji realiza o jutsu de invocação e trás um cachorrinho branco azulado.

- Fique de guarda, Blue. - Pediu Kinji.

- Bem pensado. Mas eu poderia deixar alguns insetos né?

- Ele precisa aprender a lutar também.

Silêncio se instaura, deveriam dormir, mas o sono não veio. Shion observa as estrelas e diz:

- Temos um vínculo psíquico, Kinji. E sinto os mesmos medos que você.

- Eu sei. As vezes eu esqueço que temos esses olhos e de todo o poder que eles possuem. -  Kinji diz isso ativando o Sharingan e o desativando.

- Bom, nós nunca fomos uchihas, no máximo nós parecemos com o Sexto Hokage.

- É… Você lembra de algo antes dos nossos pais aparecerem? - Kinji pergunta.

- Não muito, a única coisa clara é do tio Hokage nos salvando. Prefiro me apegar aos momentos bons. - Respondeu Shion rindo.

- Você está certo, como sempre. Agora até de manhã.

- Até.

Dormem, acordam e seguem indo até a aldeia da grama. Anoitece mais uma vez e estão próximos do seu objetivo. Acampamento mais uma vez montado e Blue está em guarda.

- Acho que genins poderiam ter vindo no nosso lugar né? - Perguntou Shion.

- Se o Hokage mandou a gente, a gente que tinha que resolver, tô certo! - Kinji responde imitando o Naruto e aponta para baixo.

- Iremos ganhar nosso próprio dinheiro…

- Vou guardar na minha con/ Kinji para de falar ao atirar uma kunai em direção ao mato.

Blue late duas vezes e Shion fica ao lado do irmão.

- Combate… Ok. - Disse Shion.

Shion percebe movimentação nas folhas de uma árvore e atira uma shuriken nela. Nada ocorre, mas da terra debaixo deles surge um ninja inimigo de aspecto duvidoso, os encara tão rápido e diz:

- Tão fácil cair em genjutsu hoje em dia, galera, vejam o que eles tem. Galera?

Shion ri e diz: Isso foi engraçado, moço.

- O que é isso? - Disse o ladrão ninja assustado.

- Conhece o Sharingan? - Respondeu Kinji.

- Ah não, vocês! Cabelo azulado… Sharingan assustador, bandana da aldeia da folha. Ah não.

- Ué? - Questionou Kinji

- Eu tenho que fugir! - Disse o ladrão.

- Tarde demais moço. - Diz Shion, liberando o genjutsu que ele colocou em todos no momento que Shion apontou para o chão. O bandido e seus 5 comparsas já estão amarrados em uma árvore e bastante confusos.

- Como? Perguntou um ladrão.

- Não vou te dizer. - Respondeu Shion

Kinji ri enquanto lembra do ocorrido, Shion começou o genjutsu graças aos mosquitos naquela área, ele aprendeu as artes do clã Aburame.

- Vocês serão presos. - Diz Shion.

- Eu já tinha visto um Shin forte antes, mas vocês me surpreenderam, clones.

- Você disse "clone" na intenção de ofender? - Perguntou Shion.

- Não é ofensa quando é a verdade, copiar e colar. - Respondeu o bandido rindo.

- Shion eu vou bater nele. - Informou Kinji.

- Não vai. Deixa pra lá essa provocação. - Alertou Shion.

- Tá. Vamos para a Grama.

De manhã chegaram na aldeia oculta da grama, entregaram os bandidos para as autoridades responsáveis, deram uma volta pela vila, pegaram o pergaminho e começaram a viagem de retorno.

14:32 - Estão atravessando uma ponte e Kinji pergunta:

- Somos mais que clones né?

- Você ficou pensando nisso até agora né? Deu para sentir. Somos sim. - Respondeu Shion.

- Okay. Somos.

- Feliz agora?

- Sim e ficarei mais quando voltarmos para casa.

- Aposto que o pai Kiba deve está chorando de preocupação. - Brincou Shion.

- Com certeza está, tadinho. - Concordou Kinji.

Enquanto isso em Konoha, Kiba faz carinho em Shino, que nem conseguiu dar aula devido tamanha preocupação.

Shion e Kinji voltam por um caminho diferente e com menos árvores, já anoitece e Shion diz:

- Hm, realmente por aqui é mais longe.

- Eu avisei. De nada.

- Reparou que aqui está meio destruído?

- Reparei sim, parece que teve uma luta. Vamos reportar isso quando voltarmos. - Disse Kinji.

- Hmmm estou com uma péssima sensação, Kinji.

- Agora estou também.

Um barulho ecoa perto deles, rapidamente Kinji camufla os dois perto das rochas com seu jutsu estilo terra, em seguida uma fera horrível passa por eles, a criatura parece um rinoceronte demoníaco. Kinji e Shion ficam mais assustados que tudo, mas nem se movem.

O rinoceronte se afasta, Kinji sinaliza por onde irão correr e correm! Eles tomam uma enorme distância e percebem que existem um outro rinoceronte do lado deles. Kinji diz:

- Ah não!

O rinoceronte avança contra eles, mas ele é parado por Shion graças ao seu genjutsu. Shion diz:

- Kinji tem mais vindo, não vou segurar todos não.

- Droga! Shi, toma o pergaminho.

- Ham?

Enquanto Kinji coloca o pergaminho na mochila de Shion, eles são cercados pelas bestas e elas estão com raiva.

- Eu seguro eles e você foge.

- Não! Não vou te deixar!

- Não vai! Eu aguento mais pancada que você, após isso fujo contigo.

- Péssima ideia, você vai usar o…

- Vou. Se prepare, tô escutando eles vindo!

Aparecem mais 2 rinocerontes e Shion os domina também.

- Se prepara Shi. Arte ninja: Transformação do humano besta assassino!

Shion liberta os rinocerontes, que se batem devido o atordoamento. Em seguida corre o máximo que pode. Muita poeira levanta no ar.

- Não dá pra ver nada! KINJI! - Gritou Shion

Um assustador uivo ecoa na região e do meio da poeira causada pelos rinocerontes, tem um lobisomem branco com tatuagens vermelhas colocando medo neles. Shion assiste tudo de longe invés de correr.

Kinji assumiu uma forma que amedronta, ele começa a lutar contra os bichos presentes enquanto aparecem mais 6. Com pura força bruta, Kinji abre passagem contra as feras e vai socando, mordendo e cortando uma por uma. Shion diz

- Ele é incrível!

Enquanto observava com admiração o irmão, Shion não percebe um Rinoceronte avançando por trás dele, quando percebe, está muito perto para poder tentar fugir e Shion diz:

- Ih droga!

Shion desvia no último segundo, mas agora é perseguido por uma besta descontrolada.

- Droga droga droga, vou ter que apelar também!

Shion se vira contra o rinoceronte e usa um jutsu estilo fogo fraco contra ele. Em seguida ele realiza rápidas posições de mão e diz:

- Arte ninja: Transformação do humano humano alado!

Em segundos, Shion ganha asas brancas, antenas, dobra a quantia de músculos no braços, ganhando poderosas garras e consegue passar por cima do rinoceronte com uma cambalhota aérea. Shion diz enquanto as mesmas tatuagens vermelhas que apareceram em Kinji começam a aparecer pelo seu corpo.

- Voar é difícil! Não treinei muito!

Kinji lobisomem segue cercado por rinocerontes, mas muitos já foram derrotados. Ele avista Shion no céu e uiva erguendo os braços. Shion entende a mensagem e voa para resgatar o irmão. Com um rasante bem calculado, Shion pega Kinji e saem dali pelos céus. Enquanto voam, Kinji volta ao normal enquanto as tatuagens regridem até formarem os dois triângulos vermelhos tradicionais dos Inuzukas em suas costas. Kinji rindo diz:

- Que bagunça, heim Shion?

- Sim, uma zona.

- O pergaminho?

- Aqui na mochila, lembrei de colocá-la desse modo para que minhas asas não a destruísse.

- Se você ia usar esse modo alado, POR QUE NÃO FEZ ISSO DESDE SEMPRE? - Questionou Kinji.

- Por que só consigo usar quando estou com pouco chakra, estranhamente é assim que funciona.

- Tá, agora voe pra casa Shion airlines!

- Ah, vai correndo patrulha canina! Vou te soltar!

Os dois voam por uns quilómetros e logo voltam ao solo. Montam acampamento, Kinji invoca Blue e descansam bastante. Shion pergunta:

- Os pais ficarão bravos por termos usados os jutsus novos?

- Não. Mas fomos imprudentes, não deveríamos precisar usar.

- Está certo. Temos muito o que aprender.

- Temos muito o que crescer.

- Você de lobisomem me assustou!

- Desculpe, eu tentei falar que tava tudo bem, mas não saia palavras. Eu senti muita raiva sem motivo… - Explicou Kinji.

- Por isso o pai e todo mundo do clã tem essas marcas, é um selo de controle.

- Eu queria ter no rosto igual ele, não nas costas…

- Tem muito vermelho na nossa cara já.

- Assim que voltarmos falaremos com o Hokage, o ladrão disse que viu Shins antes.

- Sim. Iremos falar sobre. Agora vamos dormir.

- Boa noite Shion

- Não vai me chamar de Shi?

- Não estamos em luta, besta. Dorme ai.

- Tá.

Shion ri e em seguida dorme.

17:59

Shion e Kinji chegam em Konoha e já seguem para o escritório do Hokage. Naruto se assusta ao vê-los tão acabados e diz:

- O que foi?! Lutaram?

- Sim, contra rinocerontes. - Disse Kinji.

- Aqui o pergaminho. E lutamos contra bandidos que já viram Shins antes. - Completou Shion.

- Ah, não pude falar antes, mas vários dos seus "amigos"… Bom, se formaram ninjas também.

- Ah bom. - Disse Kinji.

- Obrigado pela missão, senhor Hokage! Vamos indo! - Agradeceu Shion.

- Tchau. - Acenou Naruto para os dois.

Minutos depois, chegando em casa no distrito Inuzuka. Kinji mal entra e é agarrado por Shino!

- Como vocês estão??? - Disse Shino.

- Oi e calma! - Respondeu Kinji.

- Deixa eles pelos menos entrarem, Shino!

- Me excedi, desculpe.

Todos dentro de casa, Shion abraça os pais enquanto Kinji se joga no sofá da sala. Kiba diz:

- Garoto eu te amo, mas se tu sujar meu sofá eu te quebro de porrada, vai tomar um banho antes! Anda! - Grita Kiba jogando uma almofada no filho.

- Desculpa Desculpa! Tô indo! - Kinji disse saíndo do cômodo.

Shino pergunta:

- Como foi?

- Legal, teve tentativa de assalto, feras loucas, confusão e tals… - Respondeu Shion.

- Ah, o de sempre então. Vai descansar, depois conta o resto. - Falou Shino

- Usaram as transformações né? - Perguntou Kiba.

- Sim, foi o único jeito de evitar os rinocerontes. - Respondeu Shion.

- Tudo ok. Janta pronta heim.

Shino comenta com Kiba:

- Naruto disse que a missão era rank-S

- Sim, eles acham que foi uma rank-C. Tivemos que não informá-los para garantir que corresse tudo bem. Enquanto eles transportavam o pergaminho, a Anbu realizava uma missão digna de guerra ao redor. Tudo correu bem. - Explicou Kiba.

- Vamos contar para eles?

- Vamos sim. Você sabe o que tinha no pergaminho?

- Sim, selaram o Chōmei nele. Devem soltá-lo logo.

- Que viagem…

Após banho, janta e conversa, Shion e Kinji se preparam para dormir. Shion diz:

- Aprendemos muito né?

- Sim, acho que principalmente sobre nós mesmos.

- Não somos só clones.

- Somos bem mais que isso né, Kinji Aburame Inuzuka?

- Exatamente Shion Aburame Inuzuka.

Os dois se olham e dão risadas

Kiba escutou a conversa sem querer pois a porta do quarto estava aberta e começa a chorar, ele volta para seu próprio quarto e Shino pergunta?

- Chorando?

- De felicidade, cara.

c:

29 de Julio de 2018 a las 19:10 0 Reporte Insertar 1
Leer el siguiente capítulo Duas espadas

Comenta algo

Publica!
No hay comentarios aún. ¡Conviértete en el primero en decir algo!
~

¿Estás disfrutando la lectura?

¡Hey! Todavía hay 1 otros capítulos en esta historia.
Para seguir leyendo, por favor regístrate o inicia sesión. ¡Gratis!

Ingresa con Facebook Ingresa con Twitter

o usa la forma tradicional de iniciar sesión