Mega Hero Seguir historia

tiatatu Tatu Albuquerque

Em troca de abrigo e de uma vida melhor, atos heróicos. Em troca da paz entre os mundos, o afastamento de todos os humanos. Até quando isso vai continuar funcionando? Pode parecer muito legal ter super poderes à primeira vista, mas "super poderes trazem super responsabilidades", já diziam os veteranos. A vida é muito mais complicada quando se têm o peso da salvação do mundo nas costas.


Fanfiction Anime/Manga Sólo para mayores de 18.

#sasusaku #naruhina #fns #Shiba #FNH #konohana #saiino #gaalee #hashimito #madatoka #MedievaisNH #FantasiaNH #DesafioMeFNH #Super-Heróis
21
5.1mil VISITAS
En progreso - Nuevo capítulo Cada 15 días
tiempo de lectura
AA Compartir

Prólogo

A atmosfera daquela região estava pesada.


Ao redor daquela esfera quase perfeita de poder, alguns prédios, por sorte abandonados, estavam danificados, consequências do combate que se dava ali dentro.


O ser de cabelos azuis e olhos brancos flutuava em um dos polos interiores daquilo que na verdade era uma espécie de coliseu feito para conter os efeitos do embate com os androides que atacavam a cidade. 


Os olhos saltados analisavam atentamente toda a estrutura do corpo dos inimigos que se combinavam para um novo ataque. Concentrou sua força interior nas mãos, que passaram a soltar chamas roxas em forma de leões, e, antes que os três robôs, agora revelando não serem humanos e que lhe apontavam as lanças de ferro que agora tinham como mãos, lhe tocassem, bateu no que estavam no centro e que acabou refletindo o ataque aos “irmãos” que, assim como ele, entraram em curto. 


O coliseu de força se desfez e as sucatas foram de encontro às outras 6 no chão. O ataque de Sasori havia sido muito maior que da última vez, o que deixava a heroína possessa. 


Não podia nem ter férias decentes? 


Negou com a cabeça, achando que seu trabalho ali estava feito, mas, graças à visão 360° que ganhava quando transformada, viu o 10º androide voando na sua direção e, aos poucos, se transformando em uma espera de ferro. 


Droga! Não teria tempo de fazer um novo coliseu e qualquer ataque contra o robô o jogaria longe, ferindo pessoas que não tinham nada a ver com tudo aquilo. 


Respirou fundo, pensando no que poderia fazer e tinha que ser algo rápido. Aumentou a potência das chamas em suas mãos e elas se tornaram negras, com os leões passando a “rugir”, pondo as mãos na frente do corpo e então aguentando o impacto do golpe e também sugando sua força. 


Droga! Havia feito as unhas no dia anterior e aquilo havia estragado todo o seu trabalho. Agradeceu por suas roupas serem resistentes ao calor e sua própria pele também, assim evitaria queimaduras mais graves. 


O pior era que não havia conseguido para o ataque sozinha ainda e por isso tentava se esforçar ao máximo. 


Teve que pensar que estava socando seu chefe para conseguir ter mais força e ânimo. Que o cretino do senhor Tobirama não imaginasse que ela fazia aquilo, mas era por um bem maior. 


Sugou metade da energia e seus cabelos se arrepiaram. Merda, havia perdido horas de chapinha mais uma vez, mas tudo em prol da humanidade que ainda reclamaria dos estragos causados pela batalha. 


“Faça pelo bem e não pelos outros”. As palavras de seu pai ecoavam em sua mente e ela revirou os olhos. Mesmo cansada, aproveitando que a sucata frágil iria se desfazer com isso, usou de toda a sua força para jogá-la longe e, já há milhares de pés, ela finalmente explodiu. 


Seria melhor se fosse como nós desenhos animados que via com sua irmã e seu primo quando pequeno, pelo menos seria algo belo como fogos de artifício e ela estaria em casa tomando seu achocolatado de caixinha e comendo biscoitos recheados, mas não, estava ali, tinha que juntas todas aquelas marionete sofisticadas em uma única pilha antes que todos os jornalistas chegassem querendo uma nova entrevista e então sair correndo. 


Deixou de flutuar e assim que tocou o chão com os pés, Hinata se transformou novamente em uma humana comum, com seus olhos quase lilás e seus cabelos negros, que prendeu para não ficar com todo aquele frizz. Vestiu o casaco e a calça de moletom que havia deixado escondidos naquele beco ao chegar e correu dali o mais rápido possível, não queria ser sequer confundida com uma testemunha ocular. 


Pegou as chaves da moto que havia deixado presas no sutiã, montou no veículo, colocou o capacete e saiu na velocidade máxima que a via permitia.


Enquanto ela fugia, as cenas do combate mais uma vez apareciam na televisão com uma narração digna de desenhos animados:


— E mais uma vez o dia foi salvo graças à Mega Neo!

7 de Mayo de 2018 a las 21:46 6 Reporte Insertar 2
Leer el siguiente capítulo Capitulo I

Comenta algo

Publica!
Inial Lekim Inial Lekim
Eis me aqui! MEU DEUS COMO EU AMO A HINATA METENDO A PORRADA NOSOTRO AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA Nunca deixo de me impressionar com o quanto se consegue criar todo um universo pras fics mas me vem com putaria falando que tem dificuldade em fazer original... pau no seu cu. Mas eu amei <3
30 de Julio de 2018 a las 17:29

  • Tatu Albuquerque Tatu Albuquerque
    Hinata metendo a porrada é o melhor da vida. Fazer originais é muito chato aaaaaaa fanfic é tão mais simples e empolgante ❤️ 30 de Julio de 2018 a las 18:32
Mandy Mandy
O ÍCONE TATU ATACA NOVAMENTE PRA ME FAZER SURTAR XULIANEEEEE Primeiramente amém uma fic com temática de herói é disso que o mundo precisa gente me dá Hinata heroína (só não resolve fazer que nem infinity war) aliás nem preciso pedir mais porque você já deeeeeu eu te amo sua fodida! Se eu gritei com ela imaginando que era o Tobirama? Eu gritei sim e gritei muito e super entendo olha aquela cara de cretino quem não ia querer socar? Depois encher de beijos, claro, mas claro que iam querer socar. TODO DIA EU BERRANDO POR UMA FIC DE XULIANE AAAAA
7 de Mayo de 2018 a las 16:59

  • Tatu Albuquerque Tatu Albuquerque
    AAAAAAAAAAAAAAAA VOCÊ JÁ TEM SUA HINATA HEROÍNA AAAAAAAAAAAAAAAAA O TOBIRAMA PATRÃO CRETINO AAAAAAAAAAAAAAA AAAAAAA VAMO BERRAR 7 de Mayo de 2018 a las 20:25
brener Silva brener Silva
interessante esse plot gostei
7 de Mayo de 2018 a las 16:43

~

¿Estás disfrutando la lectura?

¡Hey! Todavía hay 4 otros capítulos en esta historia.
Para seguir leyendo, por favor regístrate o inicia sesión. ¡Gratis!

Ingresa con Facebook Ingresa con Twitter

o usa la forma tradicional de iniciar sesión