O amor salva Seguir historia

aru Mateus Álvaro

Existe um sentimento que quando verdadeiro se transforma em um atributo divino, que nos dá forças e felicidade para continuar a caminhar por essa Terra.


Cuento Todo público.

#romance #supernatural #short storys #suspense
Cuento corto
1
6691 VISITAS
Completado
tiempo de lectura
AA Compartir

Atributo divino

   Nas noites chuvosas de atmosfera europeia, ele vagueava pelas ruas procurando alguém que pudesse completa-lo. Depois de todos os corvos se recolherem para o interior da grande catedral no centro da cidade, Laura era a unica se molhando enquanto da ponta do ultimo andar encarava a estrada de luzes brilhantes. Buzinas tocando, crianças chorando, casais dando seus beijos molhados, todas essas sensações já tinham se passado pelo coração da garota, mas agora a única coisa que ela desejava era paz, queria acabar com os milhões de pensamentos que invadiam sua mente.
   Ele voava por entre os prédios aquela noite. Ele corria por entre as avenidas expelindo todo ar que seus pulmões podiam suportar, seu peito doía, mas ele continuava a acelerar sobre as poças de água. Laura sentiu uma forte ventania e como se estivesse sendo influenciada, se aproximou ainda mais da beirada segurando na parede ao seu lado. Ele continuava a voar com toda velocidade e já estava quase chegando até a igreja. Ele continuava a acelerar a cada passo, subiu as escadas deixando rastro de sangue por todos os degraus. Laura estava pronta, mas quando os sinos ressoaram, a garota se lembrou de um dos dias mais felizes da sua vida.
   Os convidados estavam muito bem vestidos, a valsa no salão não foi perfeita, mas foi linda o suficiente para os apoiadores do casal chorarem e darem risadas quando Laura contava dos tropeços do marido. Depois de um longo namoro, superando vários obstáculos, bem ali em baixo, ela tinha se casado com Nicholas, o homem que agora gritava por seu nome.
– LAURA! – Você não tem que continuar a se culpar por nada disso, todo mundo se irrita, todo mundo as vezes fala uma coisa ou outra sem pensar!
Nicholas continuava a proferir as palavras guardadas em seu coração, a cada abrir de boca suas vestes brancas se tingiam de vermelho.
– Laura, eu não vou a lugar nenhum sem você e você não vai a lugar nenhum sem mim!
– Eu ainda continuo aqui, mesmo nesse estado eu ainda estou vivo, enquanto nós dois estivermos vivos poderemos continuar. Nicholas correu em direção a garota. – Eu te amo! Eu sou seu, meu amor.
Os dois cairam em prantos, Laura abraçava Nicholas com força, mas ao mesmo tempo com o carinho que só ela sabia proporcionar pra ele.
– Me perdoa, sua mãe contou que você tinha morrido... Disse Laura com lagrimas no olhos.
– Ela não sabe de nada de nós, ninguém sabe! eu tô bem aqui com você amor.
Nicholas, sem mais forças, caiu no chão e tentava desesperadamente pegar as mãos de Laura, foi então que ele chegou voando como vento frio, o espirito da morte havia finalmente chegado até ele, havia achado alguém para completa-lo.
– NICHOLAS, NICHOLAS! Vamos, você tem que voltar pro hospital por favor, fica comigo, você disse que ficaria comigo... A garota gritava e chorava enquanto tentava reanimar o esposo.
O sino não parava de tocar e trovões caim do céu sobrepondo cada palavra de Laura, como se fossem provocações ao casal. Quando os olhos de Nicholas tinham começado a perder o seu brilho e seu corpo ficava cada vez mais gélido, Laura percebeu que existia outro homem com vestes brancas ali. Ele se aproximou dos dois, agachou junto da moça, estendeu as mãos e pronunciou com gentileza e poder.
– O amor salva.   
5 de Marzo de 2018 a las 01:07 0 Reporte Insertar 2
Fin

Conoce al autor

Comenta algo

Publica!
No hay comentarios aún. ¡Conviértete en el primero en decir algo!
~

Historias relacionadas