Depois Que Você Se Foi Seguir historia

christopher_setagawa haruka Setagawa

Aonde quer que você esteja, espero que não chore ao me ver nesse estado. A culpa não foi sua, Yura! A culpa foi do câncer… Daquele maldito câncer que tirou a sua vida enquanto você estava em meus braços em um quarto de hospital.


Fanfiction Todo público.

#LGBT #Yaoi #Otayuri #Yuri!!On Ice
Cuento corto
5
6876 VISITAS
Completado
tiempo de lectura
AA Compartir

Então espere por mim, Yura

Já fazem 2 anos, Yura.



Realmente estou impressionado comigo mesmo por ter conseguido suportar tanta dor e sofrimento por tanto tempo.



Depois que você se foi, nada voltou a ser como era antes.



Os risos, os abraços, as declarações, as noites de filme na casa dos seus pais, ou até mesmo as noites de amor que tínhamos juntos..


Nada disso voltará mais.



Acabou.



Eu sei, eu prometi para você que não choraria, que não sofreria, que seguiria em frente.


Mas sabe, realmente eu não consigo.



“Beka, me prometa que você vai me superar. Encontre um novo amor, viva e seja feliz.


Eu partirei em breve, mas eu não quero que sofra. 


Me prometa que me esquecerá enquanto você viver.


Eu esperarei por você do outro lado, mas não se apresse tá?


Eu amo você!”



“Eu prometo, Yura.”



Durante todos esses anos eu tentei suportar para que pudesse cumprir a promessa que eu fiz a você.


Mas esquecer você é impossível. Acordar sem você me dando bom dia, sem você sussurrando em meu ouvido que ama, sem você ficando bravo por motivos bobos… Isso dói tanto!



Como você espera que eu supere?



Eu ainda tinha esperanças, sabe? Todas as manhãs eu acordava, e antes de abrir os olhos eu rezava a Deus e pedia que nada daquilo não passasse de um mero pesadelo.


Mas era em vão.


Você não estava lá, e eu continuava tentando manter as forças, ainda acreditando que você voltaria.



Mas você não voltou.


Agora, a ficha realmente caiu.


Você realmente se foi.



Me desculpe por chorar dessa forma enquanto olho para seu túmulo.



As vezes eu me pergunto.. Por que diabos você foi enterrado perto de uma ponte?



Sabe quantas vezes eu vim visitar você e senti vontade de me jogar?


Várias, meu amor.



Mas eu suportei.



Aonde quer que você esteja, espero que não chore ao me ver nesse estado. A culpa não foi sua, Yura!


A culpa foi do câncer… Daquele maldito câncer que tirou a sua vida enquanto você estava em meus braços em um quarto de hospital.



Aquela cena ainda me vem a mente, sabe?



Ah.. Que saudades que eu tenho de você.



Você se lembra daquela vez em que brigamos por ciúmes?


Eu te disse coisas horríveis não foi?



Mas eu fico feliz que eu tenha conseguido me desculpar.



Me desculpe por todas as vezes que fiquei bravo.


Me sinto feliz por saber que você me amava, assim como eu amava — e ainda amo — você.



Me perdoa se eu não fui o suficiente.


Eu estudei medicina por tantos anos para te salvar, mesmo que eu já soubesse que não tinha cura… Que já era tarde.



Eu tentei!


Eu tentei!



Ver você emagrecer aos poucos cada vez mais, ver seus lindos e lisos cabelos loiros caindo e caindo até não restar nenhum em sua cabeça, ver seu estado de saúde piorar…



Céus, eu vi você em seus piores dias.



Mas eu continuava te amando com tudo que me restava mesmo sabendo que o fim estava próximo.



Até mesmo agora, eu, Otabek Altin continuo perdidamente apaixonado por você, Yuri Plisetsky.



Eu lutei com todas as armas que tinha, para não te perder.



Mas não sou eu quem escreve o futuro, e eu me odeio por isso.



A propósito, eu vi seus pais recentemente. Me desculpe, eu também não suportei passar muito tempo ao lado deles.



Eu me lembrava de você e dos momentos em que nós todos passamos juntos sempre que olhava nos olhos do Sr. Katsuki e do Sr. Nikiforov. 



Deus, eu sou tão egoísta!



Eu estou aqui agora, pensando em como seria ótimo se você estivesse vivo.



Eu sou um monstro, você sofria tanto… Mas eu ainda agora desejo que você estivesse aqui.



Eu não consegui te salvar.


Eu estudei, e continuo estudando a bendita medicina..


Mas a preço de que?


Para que eu preciso dela agora?


Eu já perdi você.



Não restou nada exceto meu coração cheio de dor.



Existem tantas dúvidas que rodeiam minha mente nesse exato momento..



Por que você se foi?


Eu sei a resposta, mas sigo fingindo que não sei.



Eu evitei machucar a mim mesmo, mas não funcionou.



Nada funciona sem você.


Eu não consigo seguir sem você.



Eu sou muito infantil, eu sei.



Eu me pergunto aonde você está agora.


Yura, o paraíso realmente existe?



Eu gostaria de descobrir.



Sinto sua falta.


Sinto muito a sua falta.


Você sente a minha?



Você conseguiu a paz e o fim do sofrimento que você tanto sonhava?


Eu espero que sim, você merece ser feliz aonde quer que esteja, meu amor.



Droga!


Você era tão jovem..



Me desculpe por chorar tanto.


Eu já sou um adulto, mas me comporto como uma criança quando se trata de você.



Você deve estar rindo de mim e me chamando de bobo agora.




Yura..  Você me perdoaria caso eu me jogasse dessa maldita ponte agora?



Eu sei, eu sei, eu prometi jamais fazer algo desse tipo..


EU SEI!



EU SEI!



Mas você não acha que já está na minha hora?


Eu quero estar com você..


Você disse que me esperaria do outro lado, não foi mesmo?



Eu sei que você não mentiu sobre isso, eu sei que você está me esperando.



Eu quero me apressar.


Quero estar com você agora mesmo.



Quero te abraçar de novo, te beijar, dizer o quanto eu te amo.. Quero te fazer feliz e mostrar o amor que eu tranquei dentro de meu coração durante esses dois fodidos anos.



Todas as vezes em que vim aqui, eu olhava essa ponte com um desejo de tirar minha própria vida para conseguir te ver novamente, queria seguir pelo mesmo caminho que você.



Mesmo se você estivesse no céu, e eu no inferno.


Eu gostaria de estar olhando para você.



Mas eu não podia.


Não ainda.



Eu tinha medo que você me odiasse por isso, que se recusasse a me amar caso eu realmente fizesse o que jurei a você jamais fazer.



Sabe a minha irmã?


Ela entrou no ensino médio este ano.


Incrível, não?


Ela sente sua falta.. Ela acha que eu já te esqueci, mas ainda evita falar sobre você comigo.



Eu sei que você adorava minha irmã, e que sabia o quanto ela me ama.



Eu sabia que você não queria que ela sofresse por mim, mas não se preocupe… Eu consegui fingir muito bem que eu havia superado você.


Mesmo agora, ela ainda acredita que estou feliz e que esqueci de você..



Me desculpa por enganar minha própria irmã.



Mas sabe, eu dei duro para conseguir dar uma vida melhor para ela.. Acho que eu mereço um bônus você não acha, Yura?



Eu espero que você esteja orgulhoso de mim.. Orgulhoso por eu ter feito o que você não conseguiu fazer.


Eu fiz o que me pediu, continuei vivendo e trabalhando como um médico até agora.


Eu fiz isso por você.



Mas cara… Eu não aguento mais.



Me desculpe… Me desculpe



Eu estou esgotado, a dor estava aumentando a cada dia mais..


É o meu limite, amor.



Eu não estou triste, não mais.


De verdade.



Agora eu me sinto bem.



Sabe porque?



Por que eu finalmente posso ir de encontro a você.


Eu fui uma boa pessoa durante esses dois anos e trabalhei duro.. Tudo isso para esse momento.



Eu não tenho mais arrependimentos, agora eu posso morrer tranquilo por saber que dei o meu melhor.



Agora eu posso seguir pela mesma trilha que você.



Hoje eu choro, mas é de alegria...



Eu estou ansioso para estar ao seu lado novamente, meu bem.



Seremos felizes do outro lado.. Certo?



Eu espero.



Tenho certeza que Deus está do nosso lado.



Me desculpe.. Me desculpe Yura, mas…



Eu realmente irei me jogar agora.



Quero me apressar…


Quero me apressar..



Eu te amo tanto!



Por favor, espere por mim.. Eu estou chegando, Yura.

26 de Febrero de 2018 a las 21:21 0 Reporte Insertar 1
Fin

Conoce al autor

haruka Setagawa Para meu seco coração, você era como a água da vida. Quanto mais eu bebia, mais percebia... O quão seco eu era.🌸

Comenta algo

Publica!
No hay comentarios aún. ¡Conviértete en el primero en decir algo!
~