Cuento corto
13
7.1mil VISITAS
Completado
tiempo de lectura
AA Compartir

Every hour is special

Naruto abriu os olhos, piscando várias vezes pelo incômodo da claridade. Se remexeu no colchão e sentiu as costas arderem. Olhou pro lado e sorriu para o culpado, mesmo que ele não pudesse ver. O moreno ainda dormia. Nesses momentos ele não tinha a face carrancuda, a pose arrogante, o olhar superior. Ele tinha o rosto sereno, pareceria quase puro se não fossem as marcas de mordidas e chupões em seu tronco. Naruto se orgulhava das marcas que deixava. Sabia que quando acordasse, ele reclamaria, diria que era muito abuso. Mas também sabia que ele sorriria pequeno observando as marcas e lembrando de como foram feitas quando estivesse no banho. E que na próxima vez pediria "Morde! Mais forte!" com aquela voz rouca de prazer. Ele sempre pedia.

Naruto sentiu que seu corpo começava a esquentar. Não por culpa do sol da manhã que entrava pela janela, mas pelo rumo que seus pensamentos tinham tomado. Pegou o celular e viu as horas. Nem dez da manhã do dia 15 de fevereiro. Tinham ido dormir já quase de manhã, depois de se amarem várias vezes. Dia de São Valentim. Sempre comemoravam. Mas a verdade é que todo dia era motivo para celebrar por estar com ele. Pensou por um segundo que seu moreno reclamaria de ser acordado após tão poucas horas de sono. Mas que saberia como calar as reclamações.

Naruto girou o corpo, ficando quase por cima do outro e se aproximando de seu rosto. Beijou a testa, a bochecha esquerda, o fez contorcer a face quando beijou o nariz. Quando beijava o pescoço esguio foi que percebeu a respiração dele mudar. Logo sentiu a mão em suas costas, ainda sem força por causa da sonolência.

— Dobe. Que horas são?

— Bom dia, meu Teme.

“Hora de te mostrar mais uma vez como te amo”, Naruto pensou antes de selar os lábios no do outro num beijo preguiçoso. Felizmente essa hora se repetia todos os dias, começando sempre ao acordarem lado a lado pela manhã.


25 de Febrero de 2018 a las 01:04 2 Reporte Insertar 9
Fin

Conoce al autor

Isis Sentimentos viram palavras. E, já dizia Dumbledore, as palavras são nossa fonte inesgotável de magia.

Comenta algo

Publica!
KL Kitsune Lyra
Curtinha, mas eu gostei tanto! Adoro esses retratos e relatos do cotidiano que trazem a beleza de pequenos momento e o amor em shas diversas faces <3
12 de Junio de 2018 a las 21:09

  • Isis Isis
    Ah, fico feliz que tenha curtido. Foi só uma ceninha baseada na imagem da capa, mas eles são tão perfeitos que a menor das coisas já é de deixar os olhinhos brilhando! Obrigada por comentar! 13 de Junio de 2018 a las 10:00
~