silva-pacheco1589114879 Silva Pacheco

Todas as raças do cosmos reverenciam os sábios Aesir, a primeira raça da Criação. Foram eles quem descobriram a Verdadeira Natureza da Existência, ensinando-as pelas galáxias que colonizaram. Mas, quando uma nave dos hereges Desviantes pousa no misterioso Planeta Tabu, o tesouro mais sagrado dos Aesir estará ameaçado.


Ciencia ficción Ópera espacial No para niños menores de 13.

#deusesastronautas #ficçaocientífica #ateismo #space-opera
0
730 VISITAS
En progreso - Nuevo capítulo Cada 10 días
tiempo de lectura
AA Compartir

Pousando no Planeta Tabu

Yula desembarcou, em meio à nuvem de poeira formada pelo pouso da nave. Ela ajustou a máscara de oxigênio e cobriu a cabeça com o véu, antes de acionar o comunicador.


- Para qual direção? - perguntou Ho, pelo comunicador.


- Leste - respondeu Yula, segurando a bussola em sua mão.


Ho ajustou o rifle que trazia junto ao peito, pendurado com a bandoleira, e gesticulou para os outros que ainda estavam na rampa da nave.


Yula colocou os óculos de proteção sobre seus olhos amendoados, tão logo sentiu areia soprada pelo vento quente. Ho e os demais seguiram o movimento, cobrindo também a cabeça com os xales que traziam junto ao pescoço.


- Lá está - disse Yula, parando sobre o outeiro.


Ho parou ao lado dela, olhando para os escombros da cidade sobre o céu avermelhado.


- Como vão fazer? – perguntou ele.


- Se você vai scanear a cidade, será necessário um perímetro pelo lado de fora - disse Mandel chegando logo depois de Yula e Ho.


Ela, por sua vez, voltou-se para o homem armado.


- É possível, Ho?


- Sim. Posicionarei a trupe em redor da cidade enquanto você a scanear.


- E depois? - perguntou Mandel.


- Se tivermos sorte, passaremos a explorar o Templo...


- Vou espalhar estrategicamente a trupe pelos escombros. Infernizaremos quem tentar entrar na cidade.


- Ainda na hipótese de estarmos com sorte, isso não será necessário - Yula mirava o horizonte atrás da cidade.


- Fechado então - disse Mandel - retornarei para a nave e prepararei o equipamento a ser acionado de lá. Qualquer coisa, me contatem.

24 de Julio de 2021 a las 11:01 0 Reporte Insertar Seguir historia
1
Leer el siguiente capítulo Na Fronteira da Zona Proibida

Comenta algo

Publica!
No hay comentarios aún. ¡Conviértete en el primero en decir algo!
~

¿Estás disfrutando la lectura?

¡Hey! Todavía hay 3 otros capítulos en esta historia.
Para seguir leyendo, por favor regístrate o inicia sesión. ¡Gratis!

Ingresa con Facebook Ingresa con Twitter

o usa la forma tradicional de iniciar sesión