yourblurryeyes amanda

Jeno havia acabado de formar no ensino médio, com pouco dinheiro e problemas com cigarro e álcool, ele resolve ir atrás de seu sonho. Se tornar uma estrela do Rock. [ 90's au | Jeno + Ellie | Longfic ]


Romance Romance adulto joven Sólo para mayores de 18.

#anos-90 #90's #rock #kpop #nct-dream #nct #258
5
2.5mil VISITAS
En progreso - Nuevo capítulo Todos los domingos
tiempo de lectura
AA Compartir

Prólogo - Composições e Fracasso


PONTO DE VISTA

JENO


Eu terminei de fumar o meu segundo cigarro, olhei para a casa ao lado da minha e vi ela novamente, Ellie Simmons, eu sempre via ela no telhado da casa ou na pista de skate.


Ela sempre estava fumando ou bebendo, talvez não fosse uma má idéia me juntar a ela para fumar meu terceiro cigarro.


— Jeno! — Um grito chamando o meu nome me fez sair dos meus pensamentos e lá embaixo estava estacionado um carro azul.


Havia um rapaz parado ao lado do carro, o mesmo estava amarrando o seu cabelo longo, aquele rapaz era Jaehyun.


Entrei no meu quarto pela janela e peguei minhas coisas, desci as escadas e lá vi o meu pai com uma garrafa de cerveja.


— Vai sair para vadiar de novo? — Ele perguntou sério e olhou para mim, eu o ignorei e saí pela porta da frente.


— Vamos logo quero ficar fora de casa a noite inteira — Eu disse e entrei no carro de Jaehyun, assim que entrei vi mais três pessoas dentro do carro.

— Fiquei sabendo de um cara que está recrutando gente para uma banda nova, é a sua chance Jeno! — Olhei para trás e vi Jaemin, o mesmo estava abrindo uma garrafa de cerveja.


— Qual o nome dele? — Perguntei pegando a garrafa da mão dele, Jaemin olhou para o teto do carro com um rosto pensativo.


— Eddy Simmons — Jaemin respondeu e pegou outra garrafa de cerveja.

Jaehyun ligou o carro e seguiu pela estrada, era mais ou menos seis horas da tarde, tomei um gole da minha cerveja e abri a minha mochila, encontrando o meu pequeno caderno de composições.


Dei um jeito para que o caderno entrasse no bolso da minha jaqueta de couro, o carro seguia a estrada até o centro da pequena cidade, a única diversão que se tinha eram os bares, boates e as casas de show.


Jaehyun estacionou o carro e todos nós descemos, olhei para a casa de shows onde iríamos passar aquela noite, algumas pessoas já formavam uma fila em frente ao local, estava mais movimentado que nos outros dias da semana, afinal era sexta-feira.


— Ainda temos muito tempo, devemos comprar bebidas na loja do posto de gasolina porque é mais barato — Ten disse e olhou para Haechan, o garoto não havia dito nada durante todo o caminho.


— Sei bem o que você quer, eu não vou pagar as bebidas, mande o Jaehyun pagar! — Haechan apontou para Jaehyun, o mais velho arregalou os olhos e deu um tapa na mão do mais novo.


— Não tenho dinheiro, gastei tudo hoje de manhã — Ele respondeu, Ten olhou para cada um de nós rapidamente.


— O Jaemin paga, problema resolvido — Eu disse e recebi um soco no ombro.

Jaemin saiu andando e nós o seguimos, andamos alguns metros até chegarmos ao posto de gasolina, entramos na pequena loja de conveniência.


Caminhamos até o fundo da loja para pegarmos as bebidas, enquanto Jaehyun e Jaemin pegavam as bebidas, eu me aproximei de Ten.


— Você conhece esse tal de Eddy Simmons? — Eu perguntei para Ten que olhava os pacotes de salgadinho nas prateleira.


— É claro que eu conheço, ele sempre está indo na loja do meu pai — Ten respondeu pegando um pacote de salgadinho e o abriu.


— Como ele é? — Peguei um pouco do salgadinho do pacote, Ten jogou o salgadinho para dentro de sua boca antes de responder.


— Eddy é um cara difícil de trabalhar e até ficou um tempo sem tocar por conta disso, aliás espero que as suas composições sejam muito boas pois os seus concorrentes são peixes grandes! — O rapaz respondeu e caminhou para pegar um refrigerante.


— Acho que esse tanto está bom, talvez devêssemos chamar algumas pessoas para beberem com a gente depois do show — Jaemin disse olhando para todos nós.


Ten terminou de beber seu refrigerante e devolveu o pacote de salgadinho para a prateleira da loja, Haechan olhou para mim com uma expressão estranha.


— Se vamos chamar mais gente, nós deveríamos chamar a vizinha do Jeno, Ellie! — Haechan disse, caminhamos até o caixa para pagar as bebidas.


— Não sei se ela vai querer vir com a gente — Respondi enquanto Jaemin pagava as bebidas.


Depois de sairmos da loja de conveniência, eu vi Ellie do outro lado da rua junto de duas garotas, a mesma olhou para nós e acenou, depois a mesma voltou a prestar atenção nas suas duas amigas.


Voltamos a caminhar até chegarmos ao carro do Jaehyun, olhei para a casa de shows e ela ainda não tinha aberto ainda, me sentei no capô do carro e acendi um cigarro.


Segurei o cigarro com os dentes para poder abrir uma lata de cerveja, traguei o cigarro e deixei a fumaça sair pelo meu nariz.


Olhei para o outro lado da rua e vi Ellie novamente, a garota parou na fila e cumprimentou algumas pessoas que estavam na sua frente.


De repente um carro preto com uma música alta parou em frente a casa de shows, um homem alto e de cabelos compridos saiu do carro, ele usava um óculos escuros.


— Aquele ali é o Eddy Simmons, você deveria ir falar com ele — Jaehyun disse, Jaemin olhou para mim com entusiasmo.


— Isso Jeno vai lá! — Jaemin disse e me deu um leve empurrão.


Peguei meu pequeno caderno de composições, minhas mãos suavam um pouco por conta do nervosismo, era minha chance.


Atravessei a rua e fui em direção ao homem, ele estava sentado na calçada junto de Ellie e outras pessoas, ele tirou os óculos e olhou para mim, Eddy se levantou e jogou seu cigarro no chão e pisou em cima dele.


— Você é o Jeno não é? Sou Eddy— Ele disse e estendeu a mão para mim, ele tinha um olhar sério.


— Sim, eu vim porque soube que você está recrutando pessoas para a sua banda — Eu disse durante o nosso curto aperto de mãos.


O homem pegou o meu caderno e o abriu, folheando as páginas rapidamente, ele guardou meu caderninho no bolso da jaqueta.


— Não tenho tempo para ler agora, por isso vou levar isso daqui — Ele disse e acendeu um cigarro.


— Você toca algum instrumento? — Eddy perguntou enquanto soltava a fumaça do seu cigarro.


— Toco alguns — Dei uma simples resposta, as pessoas que estavam com ele se levantaram e foram em direção da entrada da casa de shows que abriu naquele exato momento.


— Pode ir na minha casa segunda-feira pois será o dia dos testes — Ele respondeu e saiu sem se despedir.


Olhei para os garotos que atravessaram a rua correndo, os mesmos estavam felizes, entramos no local que estava cheio de pessoas.


Fomos beber mais um pouco enquanto o show não começava, SooYoung se aproximou de nós, ela estava de volta na cidade pois o sonho dela de ser atriz não deu certo.


— Quanto tempo! — Ten disse indo abraçar a moça, a mesma retribuiu o abraço e logo depois a mesma ajeitou os cabelos.


— Eu tive que voltar infelizmente — Ela disse e Jaehyun entregou uma lata de cerveja para SooYoung.


A mesma abriu a lata e olhou para os lados parecendo estar procurando alguém, a mesma tomou um gole da cerveja antes de se virar para nós.


— Vocês viram o Eddy?— Ela perguntou, Jaemin olhou para a mesma.


— A gente viu ele entrando aqui mas não sabemos onde ele se enfiou — Jaemin respondeu, SooYoung olhou para os lados novamente e saiu.



O show já havia acabado, ainda tínhamos cerveja e cigarro o suficiente, saímos da casa de shows e vimos diversas pessoas paradas na frente de seus carros ou sentadas na frente dos outros estabelecimentos.


Quando saí vi Ellie e seu grupo de amigos, Eddy também estava ali junto de SooYoung, os dois entraram no carro e assim que ele foi ligado uma música alta começou a tocar.


Ele saiu arrastando os pneus pelo asfalto, deixando Ellie e o grupo de pessoas parados ali, uma das garotas que acompanhava Ellie veio em nossa direção.


— A Ellie mandou perguntar se vocês querem ir na festa na casa do Eddy, vai ser daqui a pouco — A garota disse e olhou para cada um de nós.


— A gente vai sim — Haechan respondeu rápido, a garota colocou as mãos em seu casaco e deu alguns passos para trás.


— Nós vamos ir daqui a pouco, se vocês forem ir mesmo é só seguirem a gente — Ela disse e saiu voltando para onde estava.


Eu decidi não ir na festa por isso eu fui para casa junto de Jaemin, ao chegar em casa encontrei meu pai bêbado, com diversas garrafas ao seu redor.


— Você continua fazendo isso não é? Correndo atrás desses homens de banda — Ele perguntou, sua voz deixava bem claro o quanto ele tinha bebido.


— Você é um fracasso, Jeno, escute o seu pai, eu sei bem o que eu digo — Subi as escadas e fui até o meu quarto e o deixei berrando sozinho.


Tranquei a porta e me joguei na cama, eu não posso deixar as palavras de homem alcoólatra me deixarem para baixo.


— Seria mais fácil se você ainda estivesse viva — Eu disse e olhei para a foto da minha mãe que estava grudada na parede.


— Se você estivesse aqui, você diria que eu não sou um fracasso.


3 de Enero de 2021 a las 17:21 0 Reporte Insertar Seguir historia
1
Continuará… Nuevo capítulo Todos los domingos.

Conoce al autor

amanda 𝖼𝖺𝗉𝗂𝗌𝗍𝖺, 𝖿𝗂𝖼𝗐𝗋𝗂𝗍𝖾𝗋. 𝗏𝗄𝖾𝗂&kpop 𝗌𝗍𝖺𝗇

Comenta algo

Publica!
No hay comentarios aún. ¡Conviértete en el primero en decir algo!
~