Short tale
0
1.5k VIEWS
Completed
reading time
AA Share

E, de ESTUPIDEZ!

Eu estudo; eu leio; eu tenho minhas ideias; eu não cedo à corrupção; eu sou autossuficiente; eu sigo as redes sociais e baseio minhas opiniões em informações idôneas.

Comigo não! Ninguém molda minha mente. Sou plenamente capaz de escolher o que é melhor para mim, e para os que me rodeiam.

Sou moderno. Sigo o direito pleno. A liberdade de escolha. Sou eu, e apenas eu, a decidir sobre compra de armas, vacinas, máscaras, aglomerações, sexualidade, meio ambiente, entre outras coisas menores. Para falar a verdade, meu tempo merece ser gasto com questões mais importantes.

Penso com a minha cabeça, irmão! Não me venha com suas atitudes altruístas não! Primeiramente eu, e que se dane o resto; afinal, não me afeta qualquer mudança ou fato, o qual não diga respeito única e exclusivamente a mim.

Devo admitir porém, não ser muito apegado a fatos históricos. “Quem vive de passado”... já dizia o rito popular. Olho apenas para o futuro. Não me interessam as agruras a me anteceder. O que eu poderia aprender com elas?

Egocêntrico, esperto, esclarecido... é o que sou!

Estúpido? Ora, meu irmão! Vá se catar!

Jan. 1, 2022, 8:55 p.m. 1 Report Embed Follow story
2
The End

Meet the author

Max Rocha Um Fantasma literário ou alguém que apenas gosta de escrever... me interesso por ficção histórica e científica, suspense, misticismo e mistério com um toque de humor. Às vezes enveredo pelo tom crítico e motivacional do cotidiano. Escrevo ouvindo música instrumental relacionada com o tema no Spotify, ao lado da Duda, minha cadela australiana de 5 anos. The Phantom (O Fantasma) foi criado por Lee Falk, em 1936.

Comment something

Post!
Afonso Luiz Pereira Afonso Luiz Pereira
Desses tipos é o que na faltam em nossa sociedade, em todas as instâncias e quanto maior o cargo, político ou não, mais estrago faz para quem está por perto. Excelente crítica ao egocentrismo muito caro Max!
January 02, 2022, 01:45
~