Seria você a pessoa certa? Follow einer Story

kelym-ferrary1576773915 Kelym Ferrary

Nessa trama, alguns spoilers dão dicas de quem foi assassinado, enquanto conta a história de uma adolescente que não é tão aceita por outros alunos em sua escola, apenas por dois amigos, ou até conhecer um novato um pouco misterioso, que então a leva a pensar se Seria você a pessoa certa?


Thriller Nur für über 18-Jährige.

#amor #adolescentes #assassinato #sexo #drogas #crime
2
1.0k ABRUFE
Im Fortschritt - Neues Kapitel Jeden Freitag
Lesezeit
AA Teilen

Nada Mudou

Cidade de Denver no Colorado EUA. Em uma rua próximo a Denver East High School, a polícia retira o corpo de um adolescente e faz perguntas para uma estudante da escola, Melissa McCoy, que achou o corpo atirado no chão e que está desesperada de tanto chorar.

8 MESES ANTES...

É agosto e Alana Mendes Lodge, uma latina de 17 anos, pele parda e olhos castanhos, seus cabelos também são castanhos e ondulados, chegando até a metade de suas costas, porém Alana sempre estava com seus cabelos presos, a estatura é mediana e magra, sua aparência é frágil e sua beleza é considerada natural, seu corpo é atraente, mas o esconde com suas roupas modestas e folgadas. Alana é estudante do seu último ano, sêniors, da High School e é seu primeiro dia de aula e de manhã após um banho, vestiu sua roupa modesta, amarrou seu cabelo como sempre e depois tomar seu café da manhã, se despede de sua mãe, Denise Mendes, de origem latina, pele parda e olhos castanhos iguais os de Alana, cabelos crespos até a metade das costas, Denise era uma mulher atraente, com um belo corpo e sua estatura é mediana.

Alana ao sair de casa segue até a casa de sua melhor amiga, Mariana Blossom, pele branca ruiva dos cabelos longos e lisos, seus olhos são azuis e seus belos traços com sardas espalhadas pelo seu rosto, lembram uma boneca pela sua aparência delicada, mas o olhar duro e frio acusa sua personalidade forte, sua estatura é alta e magra, mas com curvas bem atraentes e nem um pouco intimidada ao mostrar o quão se sente bonita. Alana e Mariana são amigas desde a infância e juntas iam para a escola de a pé.

No caminho, Alana lamentava algo que havia acontecido no ano passado, que tinha passado muita vergonha e que temia que todos se lembrassem.

- Diz ai, como anda as aulas na autoescola? - Diz Mariana mudando de assunto.

-Termino hoje depois da escola. - Diz Alana.

Ao chegar na escola, os garotos populares debochavam e riam muito de Alana, mas ela esnobava e junto com Mariana foram até os armários:

- É pelo jeito as zoações não vão acabar. - Diz Alana.

Christina Cooper, a loira super popular melhor amiga de Melissa McCoy, uma negra de tirar o fôlego, as mais lindas e ricas da escola, acabam de passar pela porta de entrada e todos ficam olhando nada discreto, como se elas fossem as únicas a estarem ali. Christina tem a pele branca e olhos azuis, seus cabelos são loiros e lisos chegando até a sua cintura, sua estatura é alta e um corpo bastante atraente, seu olhar também chama a atenção, é sexy e ao mesmo tempo é sarcástico, a beleza dela é de inveja por qualquer outra garota. Mariana olha com nojo e Alana tanto faz, não da bola. E quanto a amiga de Christina, Melissa McCoy, ela tem a pele escura e seus olhos são negros, seus cabelos escuros e crespos chegando até a metade das costas, sua estatura é alta e magra, seu corpo é muito atraente e sua sensualidade chama muito a atenção masculina.

Logo atrás entra Jeffrey Jones o mais reservado possível, sua pele é bronzeada e havia algumas tatuagens, em seu rosto havia um piercing na sobrancelha e outro na língua, seus olhos são castanhos, seus cabelos são descoloridos ao loiro escuro, ao invés de ser castanhos ao natural, ele e´ alto e forte, mas sempre passa despercebido por ser desajeitado, ao passar por Mariana e literalmente a seca, sem vergonha alguma fica a olhando.

- Nossa! Olha o jeito que ele te olhou! - Alana se surpreende. - Deve estar afim de você.

- Qualquer um pode se apaixonar por mim, olha como sou linda! - Diz Mariana sem jeito, e preocupada por ele não ser nada discreto.

Antes de entrar na sala de aula de história, Alana vê um garoto novo sair da sala do conselheiro, seus olhos se grudam naquele garoto e seu coração acelera disparado, por mais que ela tentasse, Alana não conseguia tirar os olhos dele, pois aquele novato era o garoto mais bonito que ela já havia visto em toda sua vida. Ele sai da sala junto com outro aluno, David Andrews, que é amigo de Alana e trabalha junto com ela em uma lancheria depois da escola. David tem a pele branca e olhos verdes cobertos pelos seus óculos, tem estatura mediana, magro, cabelos castanhos escuros e bem arrumados, ele é um nerd super cdf que faz aulas de música e já esta praticamente aceito em uma das melhores universidades e que também é apaixonado em segredo por Alana. Alana olha novamente para o novato.

- Quem será?

- Não sei, mas é muito lindo! Tomara que estude comigo em alguma matéria. - Diz Mariana toda animada.

- Só vamos descobrir na próxima aula... acho que o David foi convocado para apresentar a escola para o novato. - Diz Alana.

Antes de o sinal tocar e todos entrarem para suas salas, Alana retorna seu olhar para o novato e percebe que seus olhos eram verdes e sedutores, seus cabelos são castanhos e curtos, penteado mas ao mesmo tempo um pouco bagunçado, os traços de seu rosto são perfeitos e seu sorriso é encantador, a pele é clara e seu corpo é atraente como de um atleta e também bem alto. Alana se esforça para desgrudar os olhos nele e segue para a sala de aula.

Quando acaba a primeira aula e os alunos novamente nos armários trocando seus materiais para mudar de sala, Alana e Mariana agora na sala de literatura, se surpreendem quando aquele novato entra e senta em uma classe. O professor pede que ele se apresente, ele nem um pouco tímido, se expressa muito bem:

- Me chamo Madden Mauricio Hastings, tenho 18 anos e morava em San Francisco, Califórnia.

Alana o escuta atentamente, Mariana olha para trás e sorri para Alana.

A aula termina e outro aluno, Christopher Fields, de pele parda e de olhos cor de mel combinando com seu cabelo loiro escuro e com algumas mechas que caem sobre seu rosto, chamando a atenção de sua beleza, sua estatura é alta e também de um atleta, é ambicioso e anda com os populares. Christopher puxa conversa com Madden se apresentando e convidando-o para o time de basquete, para a próxima temporada.

Depois de mais uma aula, Alana na aula de química, que estudava junto com Christina, Melissa e David, o nerd. Todos os alunos seguem pra o refeitório, pegam suas bandejas para o almoço e sentam em alguma mesa. Alana e Mariana enquanto comem, observam Christopher apresentando o novato para Zackary Walcker, capitão do time de basquete e também do futebol americano e o mais popular da escola. Zackary é branco dos cabelos loiros dourados e perfeitamente arrumados, seus olhos são azuis, com o olhar ganancioso e malicioso, sua estatura é alta e seu corpo é forte e atraente, sua personalidade é forte e debochado, Alana não gosta dele e observa-os.

- Esse novato, parece ser mais um desses metidos que se acham igual a esses riquinhos, se acham os melhores!

- Eu não me importo, ele é lindo! Quero ficar com ele! - Diz Mariana sorridente.

Mariana já fica indignada quando vê Christina e Melissa se aproximando deles, todas sorridentes e oferecidas, se apresentam e da em cima do novato. Em outra mesa ali perto, Jeffrey fica olhando para Mariana e sai do refeitório quando percebe que era observado por Alana.

- Nossa, o Jeff não para mesmo de te olhar! - Alana não entendia nada.

- Ah deixa ele olhar! Olhar não cai pedaço! - Diz Mariana rindo e também preocupada.

Ainda no intervalo, elas se sentam no gramado em baixo de uma árvore, Mariana fica conversando com alguém por mensagem e Alana muito curiosa tenta olhar, mas não consegue e mesmo assim não fala nada.

- Vou no banheiro e já volto, tá? - Fala Mariana sem dar muitas explicações.

- Eu vou com você!

- Não! Não precisa... - Mariana um pouco nervosa, já não sabia o que dizer. -Não vou demorar... eu venho logo.

Alana acha estranho, mas não insiste e com seus fones no ouvido percebe que Mariana demorava para voltar, então vai até o banheiro para procura-la, mas ela não estava mais lá. Alana se pergunta: “Onde será que ela foi?”.

Quando o sinal toca para retornarem a suas salas de aula, Mariana chega um pouco atrasada, por sorte era o limite tolerado e o professor a deixa entrar sem muitas perguntas. Alana sentada atrás de Mariana a cutuca.

- Onde você estava? - Sussurra Alana.

- Depois te conto! - Sussurra também Mariana.

A aula termina e todos começam a se ajeitar para sair. Alana pega seus materiais e vai andando em direção a porta e bem na hora o novato, Madden, ao se levantar, bate sem querer em Alana, derrubando-a no chão. Todos começam a rir dela, Mariana ia ajudar, mas Madden rapidamente a ajuda pegando suas coisas no chão.

- Você está bem?

Alana acha um pouco estranho sua reação, mas gosta de seu gesto, percebeu que ele era diferente.

- Sim, tá tudo bem, obrigado por me ajudar!

Mariana vendo tudo se surpreende e não perde tempo e vai se apresentar, ele bem atencioso e bem simpático também a cumprimenta e logo olha novamente para Alana se desculpando.

- Tá tudo bem, não se preocupe... até mais! - Ela não sabia mais o que dizer e sai da sala e seguiu até os armários pegar o restante das coisas para ir a autoescola e depois na lancheria onde trabalha.

Nos corredores da escola, já haviam cartazes anunciando a festa de boas vindas da escola, o famoso ‘Homecoming Week’ que dura a semana toda com muitas recreações, que começaria no mês seguinte. Mariana fica superfeliz, ela ama festas e seria uma boa oportunidade para ficar com Madden.

Christopher e Madden ficam amigos e a pedido de Zackary, o convida para uma mini festinha na casa dele.

- Vai o time todo e o Zac convidou a Christie e a Melissa, as mais gostosas da escola! - Madden aceita para conhecer e ter novas amizades.

Assim eles vão junto para o estacionamento, os dois tinham seus carros estacionados, Christopher gostou muito do carro zero e último modelo do ano de Madden, pois seu carro já era de segunda mão, mas também bem arrumado e conservado. Enquanto estavam ali no estacionamento conversando, Alana e Mariana passam por ali e os outros garotos ali por perto, começam a zoar de Alana, encenando cenas de beijo e de sexo, todos riam dela e Alana com vergonha olha para Madden que vê tudo, mas fica sem entender nada.

- Por que fazem isso com ela? - pergunta para Christopher.

- Ah deixa isso pra lá! É só zoação!

Alana e Mariana continuaram caminhando.

- Quando que isso vai acabar? - Fala Alana entristecida.

- Talvez o ano que vem, quando todos seguirem para uma universidade diferente... - Mariana tenta amenizar, mas ainda a deixa triste. - Ah não da bola, eles são todos uns idiotas, não sabem da pessoa incrível que é!

Alana dá um sorriso e se sente melhor. Ela vai direto fazer o teste final da autoescola e consegue passar facilmente. Após isso, ela vai direto para a lancheria trabalhar, no banheiro dos funcionários, coloca seu uniforme e vai atender os clientes. Não era surpresa, quase todos os alunos frequentam a lancheria. Christina junto com Melissa chegam e se sentam em uma mesa, Alana olha para David e revira os olhos, como David era o caixa, acenou para Alana atende-las. Enquanto faz o pedido, Christina olha para Alana com deboche.

- Que uniforme ridículo, você fica ainda mais feia nele! - As duas ficam rindo de Alana que retorna para o balcão revirando os olhos e fazendo caretas.

David vê oque Alana fez, e chega em seu lado.

- Eu te acho bonita!

- Ah obrigada, eu sou uma diva! Olha meu cabelo macio e cheiroso, ai meu Deus minha unha quebrou! - Diz Alana debochando de Christina.

Eles ficam rindo e também escutam a conversa delas, falando da festinha na casa do Zackary.

- O Madden também vai na festinha, vou ficar com ele! - Dizia Christina.

- Vai ser mais uma vítima da Christie... - Cochicha David para Alana. - Mal chegou na escola e já arrasou corações!

- Bom para os dois! - E Alana fica pensando em como Madden foi legal com ela.

Na casa de Zackary, os garotos jogam play até a noite cerveja sem limites. Christina e Melissa são as únicas meninas a serem convidadas, elas queriam entrar na piscina, mas para as suas tristezas não dava de entrar.

- Ah que pena! Está em manutenção... - Dizia Zackary - Vai ficar para a próxima, com certeza vamos fazer mais festinhas.

O flerte de Christina era direto para Madden e Zackary não gostou muito, mas ficou observando até onde chegaria. Assim Zackary aproveitou a ousadia de Melissa e dar em cima dela. Melissa era muito safada e depois de muitas cervejas, ela ficava ainda mais vulgar, e Christina ajudava-a a se controlar para os garotos não tirarem proveito.

- As melhores da escola estão aqui, as outras são só passatempos. - Fala Zackary elogiando a beleza das meninas.

- É, eu sou mesmo a melhor, mas também sou difícil... - Diz Christina para Zackary olhando para Madden - A não ser que seja com a pessoa certa!

Madden jogando play fica um pouco sem jeito e não dá muita importância, pois percebeu que Zackary estava afim dela e não queria confusão com o capitão do time.

Alana depois do trabalho chega em casa.

- Tudo do mesmo jeito! - fala Alana pra sua mãe enquanto subia as escadas.

No dia seguinte, Madden toma banho, se arruma e vai até a cozinha tomar café da manhã. Seus pais já estavam ali, Joaquin Mauricio Hastings, um homem de pele clara e estatura alta, seus cabelos são castanhos escuros e alguns grisalhos, a barba sempre estava feita e seus olhos são verdes, Joaquin é bem respeitado na sua família, sentado na mesa ao lado de sua esposa e mãe de Madden, Veronica Hastings, pele clara e estatura mediana, olhos castanhos e cabelos castanhos com reflexos ao loiro, ondulados e chegando ate seu ombro, estava sempre bem arrumados e bem vestida, assim que enxergam Madden, já começam a questionar sobre a noite que chegou tarde, sobre amigos e garotas.

- Já não estou aqui? É óbvio que vou fazer novos amigos e quanto a garotas? Não estou interessado em procurar, fiquem tranquilos. - Diz ele bebendo seu café.

- Lembra-se do teu propósito, que não vai ser nada fácil qualquer uma chegar e ficar! - Diz Veronica.

- Ta, ta, ta bom, eu já sei de tudo isso... - Ele bebe seu café rapidamente. - Vou indo, não quero me atrasar. - Pega a chave de seu carro e vai até a garagem.

- Uma simples diversãozinha não faz mal a ninguém, ainda mais que ele é jovem! - Diz Joaquin para Veronica.

Enquanto Madden dirigia, ele deixa seu celular cair e tenta pegar em baixo do banco e não consegue alcançar. Ele não vê que Alana e Mariana atravessavam a rua, ele freia e quase bate nelas, deixando-as assustadas, Madden rapidamente sai de seu carro.

- Vocês estão bem?

- Sim. - Diz Mariana.

- Ufa, que susto! - Suspira Madden - Como pedido de desculpas, por favor aceitem uma carona até a escola.

Mariana feliz aceita rápido se sentando no banco da frente do carro, ela chama Alana que estava imóvel sem oque dizer, mas entra também sentando-se no banco de trás. Logo após Madden se sentar, ele se vira para trás e olha para Alana.

- Preciso parar de barrar em você!

Ela dá uma risadinha e concorda balançando sua cabeça. Enquanto ele dirige, Mariana puxa conversa.

- E aí, vai jogar basquete com o Zac?

- Sim! E você faz o quê? - Diz Madden.

- Sou uma Cheerleadear, líder de torcida. - Diz Mariana.

- Junto com a Christie e a Melissa? - Diz Madden.

- É, infelizmente tenho que dividir meu brilho com elas. - Diz Mariana.

Madden ri, olha pelo retrovisor e olhando para Alana que não dizia nada.

- Você também é líder de torcida?

Mariana ri, mas logo pede desculpas para Alana que responde para ele:

- Longe de mim ser uma Cheerleadear... eu jogo futebol.

- Nossa que legal! Acho muito massa garotas que jogam algum esporte. - Diz Madden.

Alana não diz mais nada, apenas fica com um sorriso em seu rosto. Enquanto Mariana ficava pensando: “Cheerleadear é um esporte. E os garotos gostam!”.

Chegaram na escola e os garotos do basquete começam a vir na direção do carro de Madden.

- Preciso sair daqui! - Diz Alana apavorada.

- Por quê? O que houve? - Diz Madden.

Mariana tenta explicar:

- É que aconteceu uma coisa ano passado... - Mariana tenta explicar, enquanto Alana sai do carro e se esconde, fugindo dali sem ser notada.

Os garotos chegam, Madden e Mariana saem do carro e os garotos começam a mexer com eles por estarem juntos.

- Esse é dos meus, saindo com Mariana já no segundo dia de aula. - Diz Zackary.

Madden não fala nada e Mariana fica toda sorridente. O sinal toca e eles vão até seus armários, Madden volta para seu carro para pegar suas coisas e vê a mochila de Alana no banco de trás, ele pensa no quanto se apavorou, que chegou até esquecer a mochila. Ele abre a mochila, ali tinha o uniforme de futebol e roupas intimas, pegou a mochila e pensou em devolver.

Mariana chega nos armários e lá estava Alana nervosa.

- Esqueci minha mochila no carro, vamos lá buscar! - Puxa Mariana até o carro de Madden, mas não tinha mais ninguém.

Alana então, puxa Mariana para o vestiário masculino.

- Entra lá por favor e pede minha mochila pra ele!

- Você está louca? Claro que não! - Diz Mariana, enquanto Alana insistia muito e Mariana tenta ajudar sua amiga. - Eu te empresto umas roupas que tenho no armário.

Mas Alana não quis, pois era muito curto e decotado.

Madden chega no campo de futebol, pergunta por Alana e ninguém sabia, ele não deixa a mochila, pois como todos zoam ela, aquelas meninas poderiam fazer a mesma coisa. Então ele volta para o vestiário e pensa em devolver depois quando a visse.

Alana ainda insistia para Mariana entrar no vestiário, até que ela aceita. Enquanto ela entra envergonhada, Christopher aparece e se espanta ao vê-la ali.

- O que está fazendo aqui?

Ela puxa ele para fora e pergunta do Madden.

- Nossa tudo isso é saudade? - diz Christopher debochado, enquanto ela o encara brava. - Tá, eu não sei onde ele ta, a última vez q o vi, ele tinha voltado para o carro.

O treinador aparece vendo as duas na porta do vestiário e xinga elas:

- Vocês duas, o que fazem aqui? Vão pra minha sala! E Christopher vai logo para o treino!

E Christopher volta para o vestiário se trocar. Madden chega no vestiário, guarda a mochila de Alana no seu armário e Christopher já vem perguntando:

- Onde você estava? Você tem sorte q o treinador não viu você chegar atrasado. Ele levou a Mana e Lana na sala dele, elas estavam te procurando!

Madden explica o que aconteceu e vai logo na sala do treinador, mas elas já não estavam mais lá. O treinador já estava irritado.

- O que você está fazendo aqui parado? Vai se trocar para o treino!

Então, Madden volta para o vestiário e depois vai para a quadra. Alana vai para o campo com as roupas de Mariana.

Na quadra, Madden vê Mariana com as outras Cheerleadear em uma sala ali perto, ele vai até lá, para na porta e acena chamando Mariana, Christina vê Madden e vai até ele com seu sorriso sedutor.

- Nossa que honra. Qual o motivo da tua visita?

- Só vim falar com a Mariana. - Diz Madden sorrindo.

Ela fechou a cara e Mariana fica se achando toda.

- A Alana voltou para o campo? - Cochicha Madden para Mariana que afirma. - Prefiro levar a mochila pessoalmente, para não cair em mãos erradas.

Christina para cortar os dois, convida Madden e todas as Cheerleadear para uma festa em sua casa, depois do baile da escola que termina cedo. Ele confirma presença e se despede.

Escondido do treinador, ele chega no campo e vê Alana jogando com aquela roupa curta, chega mais perto e o treinador começa a fazer perguntas, Alana no meio do campo vê Madden com sua mochila, lembra que está com a roupa de Mariana e fica ali parada com vergonha. Os dois se olham de longe e nesse momento ela leva uma bolada na cara e cai no chão, todos vão até ela que estava com o nariz sangrando, ela se senta no banco e o treinador lhe dá um pano e as outras garotas voltam para o treino. Madden se senta ao lado dela.

- Você está bem?

- Eu sou mesmo desastrada... tirando meu nariz, sim, tá tudo bem! - Diz Alana envergonhada.

Eles dão risada e uma gota de sangue cai no seu decote, fazendo com que Madden não consiga ser discreto e olha para os seios dela, Alana com vergonha se cobre com as mãos e explica que as roupas são da Mariana, ele devolve a mochila.

- Agora tem suas roupas.

Eles se explicam como se desencontraram por causa de uma mochila e muito curioso pergunta:

- Por que ficam rindo de você assim como sempre fazem?

- No ano passado tramaram e inventaram coisas que não fiz... - Diz Alana não querendo falar muito nesse assunto.

- Mas quem fez isso com você? - Insiste Madden.

- Você não conhece, ele não estuda mais aqui. - Termina Alana.

O treinador chama Alana de volta para o treino e eles se despedem, Alana fica observando ele ir embora. Madden chega na quadra e o treinador estava furioso, suspendendo-lhe do próximo jogo, mesmo ele explicando tudo o que aconteceu.

No refeitório, Alana fica olhando para Madden, falando para Mariana de como ele foi legal com ela. Mariana também lhe fala da festa na casa da Christina.

- Não me importo de não ser convidada, eu não iria mesmo! - Diz Alana, enquanto Mariana vê Jeffrey saindo do refeitório.

- Vou no banheiro.

- Mas você nem comeu ainda! O que você tem tanto pra fazer nos intervalos? - Diz Alana.

- Eu só vou no banheiro. Eu já volto! - Diz Mariana preocupada.

Demorou um pouquinho, mas ela voltou e almoçou sua comida fria. Alana fica curiosa, mas não pergunta nada. Ao retornarem para as suas salas, Madden e Alana sorriem um para o outro, e Christopher e Mariana não entendem nada.

Depois da escola na casa de Jeffrey, que morava na ‘Vila’, Jason seu irmão mais novo também de pele parda e de olhos verdes, cabelos castanhos e com algumas mechas que caia sobre seu rosto, estatura mediana e magra e estudava em uma escola mais humilde ali mesmo na ‘Vila’, namora uma menina drogadinha de sua escola, Jéssica Topaz, pele parda e de olhos azuis, cabelos negros e lisos até a altura de seu ombro, sua estatura é mediana e magra, era uma moça muito bonita, mas infelizmente se jogava em cima de qualquer um por um pouco de droga, nesse caso namora Jason por causa das drogas que Jeffrey dava em troca de sexo, mesmo Jason fazendo tudo para impressiona-la.

Jeffrey no seu quarto pegava dinheiro que havia guardado na gaveta trancada com uma chave. Jason espiava pela fechadura, para ver onde ele guardava as drogas. Jeffrey vai ao banheiro deixando a porta aberta e seu celular em cima da cômoda que estava desbloqueado, ele não pensa duas vezes, entra no quarto e procura no seu celular o contato do traficante ou fornecedor de drogas, mas não encontrava nenhum contato. O celular recebe uma mensagem de Jessica, ele já desconfiava dela com Jeffrey e tenta ver as mensagens, quando Jeffrey entra no quarto e começa uma discussão ao ver Jason com seu celular, Jason perguntava:

- O que Jessica quer com você?

- Deve querer cocaína. - Diz Jeffrey pegando seu celular.

- Por que ela não pede pra mim, em vez de pedir pra você? - Diz Jason.

- E eu que vou saber, pede pra ela! - Diz Jeffrey irritado e Jason empurra Jeffrey.

- Vocês estão transando?

Jeffrey puxa ele para fora do quarto.

- Claro que não seu idiota!

Jeffrey fecha a porta de seu quarto, termina de se vestir e logo sai levando um envelope de dinheiro. Jason segue Jeffrey até uma casa na ‘Vila’, atende na porta o traficante recém solto da prisão. Jason com seu sorriso irônico diz:

- Então é aqui que você mora.

Alana na lancheria olhava sua rede social e procura por Madden e envia uma solicitação de amizade e logo ele aceita. Tanto Alana quanto Madden, olham o perfil e fotos um do outro, e enquanto Madden olhava pelo seu notebook, Veronica entra no quarto e vê as fotos de Alana.

- Quem é essa menina?

Ele fecha o notebook.

- É só uma colega. - Diz Madden, enquanto Veronica fica um pouco parada.

- Não precisamos ter essa conversa de novo, né Madden Mauricio Hastings?

- Sim eu já sei de tudo! Já estou cansado de saber que não posso ter uma vida normal por causa de dinheiro!

Veronica não diz nada e sai do quarto deixando Madden pensativo deitado em sua cama.

Jeffrey vai para a casa de Jessica e depois de cheirar cocaína, eles transam. Enquanto faziam isso, Jason ligava para ela que não atendia, depois o celular de Jeffrey toca, era Jason também.

- Ele desconfia de nós... preciso atender.

Ele atende: “Não enche meu saco! Para de viajar!”, desliga o celular e continua de onde pararam.

Já era noite, Mariana está em uma rua isolada e sem saída, ela encontra Jeffrey.

- Você trouxe? - Diz Mariana com pressa.

Ele tira do bolso um pacotinho de cocaína.

- Você pode fazer o pagamento de outra forma. - Ele entrega o pacote.

Mariana pega seu dinheiro e entrega para ele e sai sem falar nada, mas resolve retornar.

- Não conte a ninguém!

Ele sorri e lhe manda um beijo.

8 MESES DEPOIS...

Na viatura a caminho da delegacia, Melissa chorava muito.

- Não fui eu, eu só encontrei, não fui eu!

A delegada Daphne Hollins esta sentada junto dela.

- Ninguém disse que foi você, a não ser que queira nos dizer alguma coisa!

4. Januar 2020 23:53:41 2 Bericht Einbetten 4
Lesen Sie das nächste Kapitel Homecoming Week

Kommentiere etwas

Post!
Karimy Lubarino Karimy Lubarino
Olá! Escrevo-lhe por causa do Sistema de Verificação do Inkspired. Caso ainda não conheça, o Sistema de Verificação existe para verificar o cumprimento das Regras comunitárias e ajudar os leitores a encontrarem boas histórias no quesito ortografia e gramática; verificar sua história significa colocá-la entre as melhores com relação a isso. A verificação não é necessária caso não tenha interesse em obtê-la, então, se você não quiser verificar sua história, pode ignorar esta mensagem. E se tiver interesse em verificar outra história sua, pode contratar o serviço através de Serviços de Autopublicação. Sua história foi colocada "Em revisão" pelos seguintes apontamentos retirados dela: 1)Pontuação: "no Colorado EUA" em vez de "no Colorado, EUA". Uso de vírgula para unir frases que deveriam estar separadas por ponto, como em "no Colorado EUA, em uma rua próximo a Denver" em vez de "no Colorado EUA. Em uma rua próximo a Denver". Aconselho, além disso, que verifique a necessidade de criar novos parágrafos em alguns casos. Falta de vírgula antes de conjunção adversativa. Falta de pontuação no final de frase. Falta de pontuação para separar vocativo de frases. 2)Acentuação: "Diz ai" em vez de "Diz aí"; "não da bola' em vez de "não dá bola". 3)Outros: "a polícia retira o corpo de um adolescente e fazem perguntas" em vez de "a polícia retira o corpo de um adolescente e faz perguntas". Uso de dois tempos verbais na narrativa, como "era" — no pretérito — e "são" — no presente. Falta de travessão após fala. Aconselho que procure um beta reader; é sempre bom ter alguém para ler nosso trabalho e apontar o que acertamos e o que podemos melhorar, e os betas do Inkspired, quando contratados, fazem uma análise detalhada da sua história e a enviam através de um comentário. Caso se interesse, esse recurso também é disponibilizado pelo Inkspired através do Serviços de Autopublicação. Além disso, também temos o blog Tecendo Histórias, que dá dicas sobre construção narrativa e poética, e o blog Esquadrão da Revisão, que dá dicas de português. Confira! Bom... Basta responder esta mensagem quando tiver revisado a história, então farei uma nova verificação.

~

Hast Du Spaß beim Lesen?

Hey! Es gibt noch 7 Übrige Kapitel dieser Story.
Um weiterzulesen, registriere dich bitte oder logge dich ein. Gratis!