Blue Martell Blue Martell

Minha parede era vazia antes. Um marasmo de azul apagado e riscado, mas então me veio que nenhum mar é mar sem um veleiro, e era minha missão velejar naquele mar. Corri até a impressora agitada, a ideia borbulhando na minha mente e os barulhos sistemáticos. Quando saiu, eu logo colei fita dupla face em todas as extremidades e colei na parede. Agora era um mundo, um universo, algo a que me agarrar e seguir em frente. Era só olhar e a motivação vinha, assim haveria de lembrar de sua ambição.

  14. August 2019 21:39:31
AA Teilen

Kommentiere etwas

1 Bemerkungen
Post!
tiago líreas tiago líreas
Me lembrou o filme Up e aquela pintura que os Fredricksen tinham em uma das paredes da casa (a da casa na cascata). Não pergunta por quê
15. August 2019 05:41:38

More microfictions